Imagem geral do espaço interno do teatro, tirado do segundo pavimento, mostras as poltronas e palco.
No Teatro São José, dois espetáculos de humor fazem parte da programação, "Três Donzelas Uma Comédia" e “Comédia em Família” (Foto: Thiago Matine)

Quem quiser participar de uma boa programação cultural, nesta semana, pode conferir a agenda da Prefeitura de Fortaleza, realizada pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor).

No Mercado dos Pinhões, o público pode conferir, no sábado (12/01), uma edição especial do Mercado Coletivo, com diversos expositores da Feira Afins de Vitrola. No local, interessados podem adquirir uma larga variedade de artigos de moda, literatura, arte, design, decoração, artesanato e gastronomia. A programação reúne ainda colecionadores, lojistas, sebos e apreciadores do vinil, com a venda de LPs e equipamentos afins. A atração da noite será o DJ Gomes.

Interessados podem conferir os últimos dias da exposição “Dhamma”, reunindo obras do artista Narcélio Grud, no Centro Cultural Casa do Barão de Camocim. A mostra faz parte da programação da quinta edição do Festival Concreto e segue aberta até o dia 16 de janeiro. O espaço abre ao público de terça a sexta-feira, das 9h às 19h; sábado e domingo, das 10h às 17h.

No Teatro São José, dois espetáculos de humor fazem parte da programação. Nos sábados de janeiro, o público pode conferir o show “Três Donzelas Uma Comédia”, com Raimundinha, Otília e Zuleica. Nos domingos deste mês, sobe ao palco o humorista Lailton, com o espetáculo “Comédia em Família”.

Confira aqui a programação completa.

Publicado em Cultura
Homens e mulheres jovens dançando sobre um palco
Evento celebra a união e a diversidade dos grupos covers de K-Pop do Ceará

Equipamento da Prefeitura de Fortaleza gerido pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor), o Teatro São José recebe, neste fim de semana, o evento K-Resist, dedicado à cultura pop coreana. As atividades durante o sábado (15/12) ocorrem das 11h às 19h; no domingo (16/12), iniciam às 13h e seguem até as 18h.

Realizada pela produtora KBOX com objetivo celebrar a união e a diversidade dos grupos covers de K-Pop do Ceará, a programação conta com workshops, rodas de conversa, gincanas, sorteio de brindes, estandes temáticos e diversas performances de grupos de dança e música K-Pop do Ceará.

No domingo, das 13h às 14h30, será realizada a oficina de dobraduras com papel "Desdobra e Dobra", mediada por Uirá Carvalho de Oliveira. Interessados devem preencher o formulário de inscrição no link: http://goo.gl/forms/B3HDOpoXX39vQ3F82.

Programação:

Sábado (15/12)
11h: Abertura dos portões; estandes; sala temática; cantina
11h30 as 13h: Aula de dança, com Unio Project
13h: Início da programação no Teatro (performances cover de canto, solos duos, trios e grupos)
18h: Fim da programação no Teatro
19h: Encerramento

Domingo (16/12)
13h: Abertura dos portões; estandes; sala temática; cantina
13h: Oficina de Origami, com Uirá Carvalho
14h: Início da programação no Teatro (Performances cover de canto, solos duos, trios e grupos)
15h30: Roda de conversa temática (Temas: Cenário atual da cena K-Pop no Ceará; O que fazer para fortalecer a cena?; Feedback do evento)
17h: Fim da programação no Teatro
17h as 18h: K-Pop Party
18h: Encerramento

Serviço
K-Resist
Data: Sábado (15/12) e domingo (16/12)
Horário: das 11h às durante o sábado e das 13h até as 18h no domingo)
Local: Teatro São José (R. Rufino de Alencar, nº 299 – Centro)
Entrada: R$ 5,00 (um dia) | R$ 7,00 (os dois dias)

Publicado em Cultura
montagem com 12 fotos dos finalistas do Festival de Música
Jota, um dos artistas selecionados para a final do Festival da Música de Fortaleza, canta ao microfone enquanto toca ao violão no palco do Teatro São José

A Prefeitura de Fortaleza realiza, neste sábado (08/12), a partir das 19h, a final do Festival da Música de Fortaleza, no Teatro São José. O evento, aberto ao público, conta com a apresentação de 12 canções finalistas. O vencedor do Festival da Música de Fortaleza ganhará um prêmio no valor de R$ 30 mil, que garantirá também uma apresentação no Réveillon 2019. Segundo e o terceiro lugares ganham R$ 10 mil e R$ 5 mil, respectivamente.

As eliminatórias do festival ocorreram na sexta-feira (30/11) e sábado (01/12), no Teatro São José, onde 30 cantores apresentaram as canções concorrentes, agregando estilos musicais que vão do samba ao tango, com o apoio da banda regida pelo maestro Tarcísio Sardinha. Após as apresentações das eliminatórias, a comissão técnica elegeu as 12 músicas selecionadas para a fase final do espetáculo. O júri é formado pelos especialistas e referências musicais Amaro Penna, Consiglia Latorre, Haroldo Holanda, Nelson Augusto e Flávio Paiva.

No próximo sábado (08/12), sobem ao palco, em ordem definida por sorteio, "Menino Bonito", de Tom Drummond; "A Culpa", de Álcio Barroso; "Pixote", de Symara Tâmara; "Bem Perto de Mim", de Aparecida Silvino; "Samba da Fé", de Bárbara Sena; "Olhos Desesperados", de Edinho Vilas Boas; "Papel", de Pedro Falcão; "Afeto", de Rogério Soares; "O Samba da Hora", de Ciribáh Soares, "Livre", de Jota; "Sete Mergulhos no Mar", de Euterpe; e "Luzia", de Paulo Roberto Araújo e Daniel Conti.

O Festival da Música de Fortaleza é realizado pela Prefeitura de Fortaleza e pela Rádio Terra do Sol, com apoio cultural da Indaiá, do Sistema Hapvida e do Restaurante Cantinho do Frango.

Processo seletivo

No total, foram inscritas 359 músicas, de autores de 17 unidades da Federação, sendo 16 Estados mais o Distrito Federal. O número de autores cearenses inscritos representou 78% do total. Ou seja, foram 283 composições de autores cearenses. Os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Maranhão também tiveram significativo número de concorrentes.

As 30 canções selecionados pelos jurados fizeram parte, durante o mês de novembro, da programação da Rádio Terra do Sol, rádio da Prefeitura de Fortaleza, que tem programação transmitida pela Internet, online no Portal da Prefeitura de Fortaleza ou por meio de aplicativo e nos sete terminais de ônibus da Capital. Neste mês de dezembro, permanecem no ar as 12 canções finalistas.

Sobre o Festival

As inscrições para o 1º Festival da Música de Fortaleza foram abertas a qualquer gênero musical e artista brasileiro acima de 18 anos, de todo o País, com canções inéditas e em língua portuguesa. O Edital do Festival considerou como inédita, a composição que não foi, até a divulgação do resultado das classificadas, objeto de comunicação ou transmissão ao público, sob qualquer plataforma, ou fixação de qualquer natureza.

Serviço
Final do Festival da Música de Fortaleza
Data: Sábado (08/12)
Hora: 19h
Local: Teatro São José (Rua Rufino de Alencar, 299, Centro)
Gratuito

Publicado em Cultura

A Prefeitura de Fortaleza realiza, na sexta-feira (30/11) e no sábado (01/12), as duas fases de eliminatórias do Festival da Música de Fortaleza, com a apresentação das 30 músicas selecionadas. O evento, aberto ao público, tem previsão de início às 19h, no Teatro São José.

As performances receberão nota conforme avaliação técnica da comissão julgadora. Das 30 composições apresentadas, 12 irão para a fase final. Os nomes dos finalistas serão divulgados ainda no dia 01/12, levando em consideração as melhores notas obtidas nos dois dias de apresentação. Todas as apresentações serão abertas ao público.

A final ocorrerá no dia 08/12, no Teatro São José. O vencedor do Festival da Música de Fortaleza ganhará um contrato no valor de R$ 30 mil para uma apresentação no Réveillon 2019 de Fortaleza. O segundo e o terceiro lugar ganham R$ 10 mil e R$ 5 mil, respectivamente.

O Festival da Música de Fortaleza é realizado pela Prefeitura de Fortaleza e pela Rádio Terra do Sol, com apoio cultural da Indaiá, do Grupo Hapvida e do Restaurante Cantinho do Frango.

Processo seletivo
No total, foram inscritas 359 músicas, de autores de 17 unidades da Federação, sendo 16 Estados mais o Distrito Federal. O número de autores cearenses inscritos representou 78% do total. Ou seja, foram 283 composições de autores cearenses. Os estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Maranhão também tiveram significativo número de concorrentes.

As 30 canções selecionados pelos jurados fazem parte, durante o mês de novembro, da programação da Rádio Terra do Sol, rádio da Prefeitura de Fortaleza, que tem programação transmitida pela Internet, online no Portal da Prefeitura de Fortaleza ou por meio de aplicativo e nos sete terminais de ônibus da Capital.

Sobre o Festival
As inscrições para o 1º Festival da Música de Fortaleza foram abertas a qualquer gênero musical e artista brasileiro acima de 18 anos, de todo o País, com canções inéditas e em língua portuguesa. Considera-se música inédita pelo Edital do Festival a composição que ainda não tenha sido objeto de comunicação ou transmissão ao público, sob qualquer plataforma, ou fixação de qualquer natureza.

Confira aqui o Edital

Conheça a relação das 30 músicas selecionadas para as eliminatórias:

Ordem de apresentações na sexta-feira (30/11/2018)

1º - NOSSA PRAIA - RAIMUNDO EDSON SANTOS TÁVORA FILHO
2º - MENINO BONITO - TOM DRUMMOND
3º - XAMBIOÁ - ADOLAR MARIN E FLÁVVIO ALVES
4º - CÉU AZUL - LUCAS ESPINOLA
5º - AS DEUSAS D'IRACEMA - DALWTON MOURA/RODGER ROGÉRIO
6º - SÃO TUPÃ DE XANGÔ - FERNANDO ROSA
7º - A CULPA - ALCIO BARROSO
8º - BEM PERTO DE MIM - APARECIDA SILVINO
9º - PAPEL - PEDRO FALCÃO
10º - PEÃO E REI - BRAGUINHA BARROSO
11º - ORAÇÃO DE UM VELEIRO - YURI EDUARDO
12º - ARTISTA BRASILEIRO - CUMPADRE BARBOSA
13º - BRASILEIA DESVAIRADA - GENÉSIO TOCANTINS
14º - MEU QUINTAL - EDMAR GONÇALVES DE ALENCAR
15º - OLOR DE FLOR EM FLOR - EDU ASAF E ZEBETO CORRÊA

Ordem de apresentações do sábado (01/12/2018)

1º - LUZIA - PAULO ARAUJO, CLARA BARROS E DANIEL CONTI
2º - SUA CANÇÃO - MARCOS MAIA E PAULO ROSSGLOW
3º - CANÇÃO EM SOL MAIOR COM NONA - LAURA FINOCCHIARO
4º - SETE MERGULHOS NO MAR- EUTERPE
5º - PIXOTE - SYMARA TÂMARA
6º - É NÓS - CASSUNDÉ
7º - AFETO - ROGÉRIO SOARES
8º - SINA DA CANÇÃO - CHICO BARRETO
9º - LIVRE - JOTA
10º - O SAMBA DA HORA - CIRIBAH SOARES
11º - SAMBA DA FÉ - BÁRBARA SENA
12º - DESPACHO - ROBERTO FLAVIO
13º - OLHOS DESESPERADOS - EDINHO VILAS BOAS
14º - VOLTA DO MUNDO - JOÃO VITOR SOARES E IVALDO GUIMARAES
15º - DEITA - ANASTÁCIA AZEVEDO

Publicado em Cultura

O Teatro São José recebe, a partir desta sexta-feira (19/10), a Bienal Internacional de Dança do Ceará/De Par Em Par. Na festa de abertura, a partir das 22h, o espaço recebe a performance de Linn da Quebrada (SP), DJ Guga de Castro e Carnaval no Inferno (CE). O equipamento cultural foi reinaugurado em setembro passado, reformado pela Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinf) e administrado pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor).

Com acesso gratuito e indicado para maiores de 18 anos, a VI Bienal De Par Em Par acontece de 19 a 28 de outubro com programação em diversos equipamentos de Fortaleza e nas cidades de Paracuru, Pacatuba, Itapipoca e Trairi, somando mais de 125 apresentações e 25 vídeos de companhias e artistas locais, nacionais e internacionais, envolvendo profissionais do Brasil, França, Inglaterra, Canadá, Suíça e Alemanha.

Nesta sexta-feira (19/10), a abertura da Bienal Internacional de Dança do Ceará/De Par Em Par acontece no Theatro José de Alencar, com solenidade às 20h, seguida do espetáculo “Antes”, da Alias Company, da Suíça. No TJA, após a apresentação da companhia suíça, serão distribuídos os convites para a Festa de Abertura, que acontece logo em seguida, a partir das 22h, no Teatro São José, com a performance de Linn da Quebrada, DJ Guga de Castro e Carnaval no Inferno. Para os espetáculos dos outros dias, a entrada será por ordem de chegada.

De 20 a 27 de outubro, o Teatro São José recebe a edição especial dos Pequenos Trabalhos Não São Trabalhos Pequenos (PTNSTP), durante a programação da Bienal Internacional de Dança do Ceará. O evento é voltado para a apresentação de trabalhos breves, contemplando várias linguagens e enfatizando o caráter processual das criações, o PTNSTP já promoveu 47 edições ao longo dos seus 5 anos.

A VI Bienal Internacional de Dança do Ceará / De Par Em Par é apresentada pelo Ministério da Cultura, por meio da Lei Rouanet, tem o apoio institucional do Governo do Estado do Ceará, via Secretaria da Cultura (Lei Estadual Nº 13.811 – Mecenato Estadual) e tem como realizadores a Indústria da Dança e a Proarte. Agradecimento: Enel.

Confira abaixo a programação da bienal no Teatro São José

20 a 27 de outubro
19h às 0h
(Instalações e exibições)
Rastros de Nódoa - Ruth Aragão e Victor Hugo Portela (2018. Fortaleza/CE)
Own Gat@, deixa de ser uoó! - Sol Moufer (2017. Fortaleza/CE)
Nudianismo - Samer Lopes (2010. Fortaleza/CE) (Intervenção a qualquer momento em
qualquer noite)
A mulher com a marreta na mão (3º impulso) - Maria Isabel (2018. Fortaleza/CE)
Baronesa Falida Visita - Elsa von Freytag-Loringhoven (2018. 20min. Fortaleza/CE)

Sexta-feira (19/10)
22h
Festa de abertura – Guga de Castro, Linn da Quebrada e Carnaval no Inferno.

Sábado (20/10)
20h
Por Inteiro - Eugênia Siebra (2018. 20min. Fortaleza/CE)
Raízes - D'a Sul (2017. 10min. Fortaleza/CE)

22h
For All: Para Todos os Ritmos - Janaína Bento (2016. 15min. Fortaleza/CE)
Sentar e Sentir: Microuniverso De Afetos - David Alencar (2018. Fortaleza/CE)
Baile Preto - Luiza Nobel (2018. 60min. Fortaleza/CE)
DJ Set - Henrique Gomes

Domingo (21/10)
20h
Diálogos Ausentes: [Re]Leituras Possíveis - Anonimus.Cia - 2017 | 20min | Pacajus (CE)
​Coisas Que Quero Fazer, Porém Não Faço / Coisas Que Não Sei Fazer, Por Isso Não Faço -
Monstra e Sunshine (2018. 20min. Fortaleza/CE)
22h
Manifesto Menino Feminino – Carlota (2017. 10min. Fortaleza/CE)
Dance Primitivo - Vitor Colares (2018. 60min. Fortaleza/CE)
Sob As Luzes Dos Bugs Debochando Estarei - Cia Bug (2018. 15min. Fortaleza/CE)
DJ Set - DJ Bug

Segunda (22/10)
20h
Nego Tem Que Se Virar - Mike Dutra (2018. 23min. Fortaleza/CE)
Eugenia No Espaço - Henrique Gomes e Juliana Siebra (2013. 16min. Fortaleza/CE)
Exumação - Diogo Braga e Thales Luz (2016. 11min. Fortaleza/CE)
Resistência - Natália Coehl (2016. 17min. Fortaleza/CE)
22h
Brecha - Caironi Ramos (2018. 20min. Fortaleza/CE)
Dj Set - Monstra
Dj Set - Löe Ciryaco

Terça (23/10)
20h
Cria: A Que Restou - Phelipe Cruz (2018. 20min. Fortaleza/CE)
As Palavras Não Dão Conta - Escola de Dança do Centro Cultural Grande Bom Jardim (2018.
20min. Fortaleza/CE)
22h
A Mulher Mais Forte Do Mundo - Samia Bittencourt e Cia Cle (2017. 25min. Fortaleza/CE)
Dronedeus - Lenildo Gomes, Rodrigo Colares e Vitor Colares (2016. 40min. Fortaleza/CE)
DJ Set - Henrique Castro

Quarta (24/10)
20h
1964+2016=Golpes - Jefferson Skorupski (2016. 10min. Fortaleza/CE)
Desvirtuoso - Raffael Tomaz (2018. 10min. Fortaleza/CE)
É tua a Estória Contada? - Farpa Teatro (2018. 15min. Fortaleza/CE)
Ações Sobre Um Corpo - Cia. Desvirtuosa (2018. 20min. Fortaleza/CE)
22h
Maracatuará - Nascendo Com O Sol - Cia Solar De Dança (2018. 20min. Fortaleza/CE)
Dj Set - Mayara Mota
Dj Set - Wladimir Cavalcante

Quinta (25/10)
20h
Raiz Do Céu – Camila Pessoa (2015. 20min. Fortaleza/CE)
Tornar – Jéssica Cruz (2018. 15min. Fortaleza/CE)
Bestiário – Luciana Hoppe (2017. 20min. São Paulo/SP)
22h
Versos e Versões – Phelipe Cruz (2018. 20min. Fortaleza/CE)
O Cheiro Do Queijo – Abu (2018. 40min. Maracanaú/CE)
Dj Set – Dj Pascal (Karthaz Studio)

Sexta (26/10)
20h
Amostragem (Desvio Padrão) - Tieta Macau (2018. 5min. São Luís/MA)
Ludomira Silva - Maruska Ribeiro (2017. 20min. Fortaleza/CE)
Quantos 8 me impedem de cegar a 5 milhões e pouco? (Desvio Padrão) - Tieta Macau (2018.
5min. São Luís/MA)
22h
Pequeno Manual de Como Desenterrar Corpos – Tupiniqueer (2018. 15min. Fortaleza/CE)
60 : 1 (Desvio Padrão) - Tieta Macau (2018. 5min. São Luís/MA)
Margem (Desvio Padrão) - Tieta Macau (2018. 5min. São Luís/MA)
Dj Set - Uirá Dos Reis
Vj Set - Vj Ldgrn / Ivna Lundgren

Sábado (27/10)
20h
Minha Cara Invade a Cena - Canal Corpo De Cena (2018. 15min. Fortaleza/CE)
Flanar - Júnior Mendes (2018. 5min. Caucaia/CE)
O Peso Do Lugar - Germana Brito (2018. 3min. Sobral/CE)
Bicho - Felipe Bittencourt (2016. 2min. São Paulo/SP)
As Aventuras de Berta - Felipe Damasceno (2011. 2min. Fortaleza/CE)
As Aventuras de Berta – Capitulo II: A Batalha No Templo De Papel - Felipe Damasceno (2011.
2min. Fortaleza/CE)
As Aventuras de Berta – Capitulo III: Flores São Para Começos E Fins - Felipe Damasceno (2013.
2min. Fortaleza/CE)

22h
Banda Glamourings (2017. 60min. Fortaleza/CE)
Dj Set - Alejandro Ahmed

Serviçp
Pequenos Trabalhos Não São trabalhos Pequenos / Bienal De Par Em Par 
Data: De 20 a 27 de outubro
Local: Teatro São José (Rua Rufino de Alencar, 299-327 – Centro – Fortaleza).
Toda a programação é gratuita.

VI Bienal Internacional de Dança do Ceará / De Par Em Par
Data: De 19 a 28 de outubro de 2018 com programação em Fortaleza (19 a 28), Paracuru (19 e 20), Pacatuba (22 a 24), Itapipoca e Trairi (26 e 27). Informações: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..
Site: www.bienaldedanca.com.
Toda a programação é gratuita.

Publicado em Cultura
A marca vencedora é de autoria de Lorena Moreira Freire

A Secretaria de Cultura de Fortaleza (Secultfor) divulgou o resultado final do Concurso de Criação da Marca do Teatro São José. A logomarca vencedora será utilizada para representar o Teatro Municipal São José e identificar programas, projetos e ações do equipamento, visando consolidar sua função junto à sociedade e comunidade cultural fortalezense, bem como contribuir para a divulgação da produção artística e cultural de Fortaleza no Brasil e no exterior. A autora da marca vencedora levará o prêmio de R$ 15 mil.

A seleção aconteceu em três etapas: análise da Comissão de Seleção Técnica; Consulta Pública através de votação popular; e Análise Jurídica. O período de recurso será de cinco dias úteis, contados a partir desta terça-feira (15/12).

Confira resultado final do Concurso de Criação da Marca do Teatro São José

Inscrição Nº P872924/2015 – 190,6 pontos
Lorena Moreira Freire

Inscrição Nº P870948/2015 – 183,8 pontos
Igor Morais Landim Leite

Inscrição Nº P872973/2015
Marcus Vinicius Coelho Sampaio – 154,2 pontos

Confira ata final completa aqui.

Sobre a seleção
A Comissão de Seleção Técnica foi composta por Germana Vitoriano, coordenadora de Ação Cultural, e Jober Pinto, coordenador de Patrimônio, além de representantes da Secultfor. Também participaram Francisco Fábio Vasconcelos de Sousa, diretor e produtor de arte, Leonardo Araújo da Costa, professor do Curso de Design, do DAU/CT da Universidade Federal do Ceará, e Leonilia Gabriela Bandeira de Souza, coordenadora do Curso de Design da Faculdade 7 de Setembro, convidados pela Comissão Organizadora do Concurso.

Já a Consulta Pública aconteceu entre os dias 11 e 13 de dezembro, durante a programação do XI Festival de Teatro de Fortaleza. Foram distribuídas cédulas com as três marcas selecionadas na primeira etapa. Ao todo, foram contabilizados 150 votos, sendo anulado um deles por não ter sido utilizada a cédula de votação. Confira ata aqui.

A terceira etapa do Concurso foi a Avaliação Jurídica.

O Edital do Concurso de Criação da Marca do Teatro São José visa concretizar os direitos culturais em âmbito municipal, nos termos dos artigos 215 e 216 da Constituição Federal, dos artigos 8, XIV; 278 e 283 da Lei Orgânica do Município de Fortaleza e do Plano Municipal de Cultura, Lei 9.889/2012.

 

Publicado em Cultura
Imagem do projeto de restauro do Teatro São José. Obras estão previstas para começar ainda este ano

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (Secultfor), lança o concurso público para criação da marca do Teatro Municipal São José. O concurso tem o intuito de selecionar o melhor trabalho de criação de identidade visual e posterior desenvolvimento do Manual de Identidade Visual do Teatro. Interessados têm até o dia 27 de novembro para se inscrever. O autor da marca vencedora receberá o prêmio de R$ 15 mil. Acesse edital na íntegra aqui.

Estão aptas a participar do concurso pessoas físicas com apenas um trabalho inédito por interessado. Os documentos e projeto exigidos no edital deverão ser enviados por via postal ou entregues ao setor de Protocolo da Secultfor (Rua Pereira Filgueiras, 4 – Centro), de segunda a sexta-feira, de 8h30 às 16h30.

A marca vencedora será utilizada para representar o Teatro Municipal São José e identificar programas, projetos e ações do equipamento, visando consolidar sua função junto à sociedade e comunidade cultural fortalezense, bem como contribuir para a divulgação da produção artística e cultural de Fortaleza no Brasil e no exterior.

O presente concurso visa concretizar os direitos culturais em âmbito municipal, nos termos dos artigos 215 e 216 da Constituição Federal, dos artigos 8, XIV, 278 e 283 da Lei Orgânica do Município de Fortaleza e do Plano Municipal de Cultura, Lei 9.889/2012.

Serviço
Concurso público para seleção da marca do Teatro Municipal São José

Inscrições: até o dia 27 de novembro de 2015.
- Os documentos e projeto exigidos no edital deverão ser enviados por via postal ou entregues ao setor de Protocolo da Secultfor (Rua Pereira Filgueiras, 4 – Centro), de segunda a sexta-feira, de 8h30 às 16h30.
Confira o edital na íntegra aqui.
Mais informações: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.



 

Publicado em Cultura
O próximo passo é a apresentação do projeto de restauro para o início das obras. (Foto: Nely Rosa)

Os trabalhos de prospecções pictóricas de reboco e de piso do Teatro São José, que tiveram início em março de 2014 e têm o objetivo de analisar e conhecer a estrutura original da edificação antes da criação do seu projeto de restauro, foram finalizados. Foram realizadas prospecções pictóricas nas janelas, portas, balaústres, colunas e paredes em diferentes substratos: madeira, ferro e alvenaria. Também foram realizados estudos no piso e nos rebocos do prédio. Em 2015, o São José celebra o seu centenário.

Dentre o que foi encontrado nos estudos se confirmou a existência de portas anteriormente voltadas para a Praça do Cristo Redentor e que, atualmente, são janelas fechadas. Também foi descoberto que ao longo das paredes do térreo do Teatro, por detrás do atual reboco, existe uma pintura, que presume-se seja original. A ideia é que durante a obra avalie-se a possibilidade de aproveitá-la. Outro detalhe que veio à tona foi que nas proximidades da boca de cena do São José havia passagens que davam acesso ao palco e as mesmas foram fechadas.

Pinturas artísticas imitando um marmorizado na parede sul (que dá para a Rua Rufino de Alencar) ao nível da torrinha ou terceiro piso também foram encontradas, bem como uma pintura de paisagem descoberta sob diversas camadas de tinta a base de cal nas laterais da boca de cena.

Outro destaque é uma tela de 2,60m x 3,20m, do artista plástico Vicente Leite, datada de 1923 e que pertence ao acervo do Teatro. A tela, com título desconhecido e que retrata a Sagrada Família realizando trabalhos de carpintaria, já foi retirada do local e atualmente está sendo restaurada na Casa do Barão de Camocim pelo arquiteto e restaurador, Frederico Barros, também responsável técnico pelas atividades de prospecção.

Além das atividades de prospecção, será realizada ainda uma pesquisa histórica para que se conheça as intervenções realizadas ao longo do tempo no prédio para que, então, seja feito o projeto final de restauro do Teatro São José. Após apresentado e aprovado, a próxima etapa será a abertura do processo licitatório pela Secretaria Municipal da Infraestrutura para realização das obras.

“A importância do trabalho de prospecção se deve ao fato de que as decisões projetuais de aberturas de portas e definição de alguns fluxos da circulação, por exemplo, ou mesmo de determinação das cores internas e externas da edificação, são tomadas a partir das discussões com os profissionais envolvidos neste processo, tomando como base o resultado deste minucioso e criterioso trabalho”, avalia Frederico Barros.

Publicado em Cultura