Alves de Aquino, o Poeta de Meia Tigela, participa da última entrevista do Fortaleza 21 (Foto: Divulgação)

Após discutir vários gêneros literários, o projeto "Fortaleza 21: A literatura fortalezense no século XXI" abordará a poesia em sua última etapa. Na próxima sexta-feira (23/01), às 17h30min, na Gibiteca da Biblioteca Dolor Barreira, os entrevistados serão Alves de Aquino, mais conhecido como Poeta de Meia Tigela, e Frederico Régis. Ambos são escritores e fazem parte do grupo Poetas de Quinta, reconhecido na cena literária de Fortaleza.

Contemplado na linguagem Literatura pelo Edital de Residências e Intercâmbios da Secretaria de Cultura de Fortaleza, o projeto "Fortaleza 21" tem como objetivo pensar e fortalecer um sistema literário fortalezense a partir da pesquisa, crítica, e difusão.

Mediada pelos realizadores do projeto, Talles Azigon, Nathan Matos e Madjer Pontes, a entrevista visa demonstrar que alguns escritores e poetas da cidade possuem uma produção densa e de grande contribuição literária, reinventando modelos já existentes ou não.

Sobre o projeto “Fortaleza 21”

Contemplado na linguagem Literatura pelo Programa de Residências e Intercâmbios, "Fortaleza 21: A literatura fortalezense no século XXI" é realizado pelos pesquisadores Nathan Matos, Talles Azigon e Madjer Pontes.

O projeto teve início em outubro de 2014, sendo finalizado em janeiro de 2015, na Biblioteca Municipal Dolor Barreira, onde tem sido realizada uma pesquisa minuciosa da produção literária criada por escritores fortalezenses no século XXI. O objetivo é pensar e fortalecer um sistema literário fortalezense a partir da pesquisa, crítica, e difusão.

Ao longo do processo, foi realizado o levantamento dos livros produzidos nos últimos 14 anos (2000 – 2014) em diversos gêneros como: romances, crônicas, contos, poesias, a partir das obras do acervo da Biblioteca Municipal Dolor Barreira. É a partir desse levantamento que tem sido elaborada uma seleção, dentre o conjunto dos escritores pesquisados, para a composição de um quadro de escritores, no intuito de realizar entrevistas no próprio espaço da Biblioteca. O desenvolvimento do projeto pode ser conferido no site http://www.fortaleza21.com.br

Sobre o autor Alves de Aquino, o Poeta de Meia Tigela

Nasceu Alves de Aquino a 28 de agosto de 1974, em Fortaleza, Ceará. Publicou em 2008 o “Memorial Bárbara de Alencar & outros poemas”. Dois anos depois ressurgiu com seu livro que reescreve ininterruptamente, chamado de “Concerto N. 1Nico em Mim Maior para Palavra e Orquestra — Realidade de Combinações Puramente Imaginárias”. É integrante do grupo Poetas de Quinta. Atualmente é editor da revista Mutirão, que proporciona a publicação de novos autores do Ceará.

Sobre o autor Frederico Régis

O Poeta Frederico Régis, integrante dos Poetas de Quinta, nasceu em Fortaleza, é bancário de profissão e poeta por nascimento. Já publicou três livros, Os Países, Minuta do Caos e Enquanto Somos, os três pelo programa Cultura da Gente, do Banco do Nordeste, local onde trabalha.

Fred, como é conhecido entre os amigos, também trabalha ccom restauro de bicicletas.

Sobre o Edital de Residências e Intercâmbios

Lançado em setembro de 2013, o Programa da Coordenadoria de Criação e Fomento da Secultfor, foi voltado a artistas, pesquisadores e produtores (indivíduos ou coletivos) de Fortaleza com projetos nas seguintes linguagens: artes visuais, circo, dança, literatura, teatro, música, moda, audiovisual, gastronomia, fotografia e humor. O Edital premiou 22 projetos, dentre 74 inscritos, com R$ 15 mil cada.

As propostas de residências são para um período de três meses, através de ações como intercâmbios artísticos, ocupações, acolhimentos etc., devendo as mesmas acontecerem nos equipamentos culturais da Prefeitura de Fortaleza (Passeio Público, Vila das Artes, Mercado dos Pinhões, Teatro Antonieta Noronha, Estoril e Biblioteca Pública Municipal Dolor Barreira) ou, ainda, em outros espaços tecnicamente viáveis e indicados pelos proponentes.

Serviço:
Programa de Residências e Intercâmbios - Projeto “Fortaleza 21 - A literatura fortalezense do século XXI”
Entrevista com Poeta de Meia Tigela e Frederico Régis
Quando: Sexta-feira (23), a partir das 17h30min
Onde: Gibiteca da Biblioteca Dolor Barreira (Av. da Universidade, 2572 – Benfica)
Mais Informações: http://www.fortaleza21.com.br

 

Publicado em Cultura
Serão selecionados 30 trabalhos que integrarão a programação do evento (Foto:Thiago Gaspar)

A Secretaria de Cultura de Fortaleza (Secultfor) disponibiliza para Consulta Pública o Edital do 66º Salão de Abril. Podem participar do processo consultivo quaisquer interessados, seja Pessoa Física ou Jurídica. As sugestões devem ser apresentadas por carta, ofício ou similar no setor de Protocolo da Secultfor (Rua Pereira Filgueiras, nº 4 – Centro) ou através do e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. Interessados têm até as 14h do dia 9 de Janeiro de 2015 para protocolar sugestões. O atendimento presencial será realizado em horário comercial.

O Edital do 66º Salão de Abril visa selecionar 30 trabalhos para integrar a sua programação, além de premiar três artistas dentre os selecionados. Em 2015, a 66º Edição do Salão de Abril terá curadoria da pesquisadora, psicanalista e curadora de artes visuais Flavia Corpas (RJ), e ocorrerá no período de 10 de abril a 10 de maio de 2015 na Galeria Antônio Bandeira, localizada no Centro Cultural Banco do Nordeste (Rua Conde D’eu, 560, Centro, Fortaleza – CE).

"Esperamos que essa edição do Salão de Abril seja tão ou mais significativa que a passada, que nos apresentou um belo panorama da nova produção artística contemporânea brasileira", ressalta a coordenadora de Ação Cultural da Secultfor, Germana Vitoriano.

O 66º Salão de Abril é uma realização da Prefeitura Municipal de Fortaleza, por meio da Secretaria de Cultura, com a parceria do Centro Cultural Banco do Nordeste.

Sobre o Salão de Abril
Lançado em 1943, como iniciativa da Secretaria de Cultura da União Estadual dos Estudantes (UEE), o Salão de Abril foi encampado em seguida por artistas que atuavam na cidade nos anos 1940. Foi assim que, a partir da segunda edição do Salão, em 1946, a Sociedade Cearense de Artes Plásticas (SCAP) assumiu a sua realização, tornando-se a entidade responsável por sua continuidade até 1958.

As exposições do Salão de Abril, contudo, não tiveram uma constância. Houve um hiato nesta periodicidade logo depois de suas primeiras edições. Somente em 1964, quando a administração municipal ratificou publicamente a importância do Salão e tomou para si a responsabilidade da realização anual do evento, o mesmo assumiu um papel de eixo da vida cultural da capital cearense.

Nas sete décadas de existência e 65 edições, nomes importantes passaram por suas mostras. Em 2014, foram mais de 800 inscritos, o que coloca o Salão de Abril entre os mais bem sucedidos e disputados Salões do País.

Sobre a curadora do 66º Salão de Abril
Flavia Corpas é curadora de artes visuais, pesquisadora e psicanalista. Atualmente, é docente do Curso de Especialização em Acessibilidade Cultural da UFRJ, na disciplina Exposição Acessível. Dentre seus trabalhos como curadora se destacam as exposições “Sansão”, do artista Daniel Senise, que será montada no Oi Futuro Flamengo em setembro de 2015; “Walter Firmo: um olhar sobre Bispo do Rosário”, do fotógrafo Walter Firmo (Caixa Cultural RJ/2013; Livre Galeria/2014), MACLI – Mostra de Arte Contemporânea em Literatura Infantil (Livre Galeria/2012; Caixa Cultural DF/2013; Caixa Cultural SP/2013-2014; SESC Paraty/2014); Todo artista é um impostor, de Lula Wanderley (Livre Galeria/2011); SESC Arte 24 horas (Cais do Porto-RJ/2010); À Mulheres: seus desejos (Casa Alejandro de Humbolt, La Havana/Cuba) e o projeto Cartografias da Criação (RJ e RS/2008).

Trabalhou entre 2005 e 2008 no Museu Bispo do Rosário Arte Contemporânea. Fundou, em 2011, no Rio de Janeiro, a Livre Galeria, espaço dedicado às artes visuais e às suas articulações com os campos da psicanálise, filosofia, literatura, cinema e ilustração. Neste espaço tem se dedicado a curadoria de diferentes exposições, buscando apresentar novos artistas (como Katia Wille, Lauro Roberto, João Bratkaskas e Raimundo Camilo) e artistas ainda não conhecidos no cenário das artes no Brasil (como o russo Dmitry Sokolenco, a israelense Ofra Amit, o belga Willian Gisgand e o norte-americano John Parra).

Serviço
Edital de Consulta Pública 66º Salão de Abril
Prazo para envio de sugestões: 9 de janeiro de 2015
Onde: setor de Protocolo da Secretaria de Cultura de Fortaleza (Rua Pereira Filgueiras, 4 – Centro) ou através do e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Mais informações: 3105.1339 / 3105.1392 ou http://www.salaodeabrilfortaleza.com.br/
Acesse o Edital aqui

 

Publicado em Cultura
Erivan Produtos do Morro iniciou sua carreira musical aos 12 anos já produziu mais de 30 CD´s

A Vila das Artes, equipamento da Prefeitura Municipal de Fortaleza, vinculado à Secretaria Municipal de Cultura (Secultfor), abre inscrições para a oficina “Produtos do Morro: Escola de beat e rima”, ministrada pelo rapper e produtor musical Erivan Produtos do Morro. A oficina destina-se à formação técnica e artística de jovens e adultos interessados em aprender mais sobre a cultura Hip Hop e produção musical de RAP. As inscrições podem ser feitas de 25 de setembro a 7 de outubro. A ação integra o Programa de Residências e Intercâmbios da Secretaria de Cultura de Fortaleza (Secultfor).

Com início no dia 13 de outubro, as aulas acontecerão duas vezes por semana, as segundas e quartas-feiras, das 14h às 17h, por um período de quatro semanas, na Vila das Artes. A segunda etapa do curso será realizada no estúdio Produtos do Morro – Produções de Rap, no Castelo Encantado.

Durante a oficina, Erivan apresentará os quatro elementos constitutivos da cultura Hip Hop e noções de produção musical de Rap, com orientações sobre o uso de programas de estúdios virtuais. Os participantes serão estimulados a criar um beat (batida ou base) e, na sequência, um Rap. O produto final da oficina será um CD com as faixas produzidas em aula e uma apresentação artística dos participantes, com data e local a serem definidos.

Para participar, os interessados devem preencher a ficha de inscrição aqui.

Sobre Erivan Produtos do Morro

Iniciou sua carreira musical aos 12 anos de idade, e desde a inauguração do seu estúdio, o primeiro especializado em Rap do Ceará, já produziu mais de 30 CD´s. Erivan passou pelo funk e desenvolveu habilidades dentro dos quatro elementos que dão vida ao Hip Hop. O rapper também domina a técnica do beatbox. Ao longo dos seus 21 anos de carreira, lançou 2 CD´s solo,com o terceiro em fase de finalização. Em 2013, viajou para a Finlândia e Alemanha, onde produziu dois de seus 3 vídeo clipes lançados. Erivan já subiu ao palco com artistas como Marcelo D2 e B-Negão e gravou com nomes como DunDun do Facção Central, Moysés do A286, Gaspar do Záfrica Brasil, Pacificadores, entre outros.

A Escola Produtos do Morro pretende contribuir com a formação de agentes culturais que, através desta experiência, sintam-se preparados para atuar nas comunidades e construir uma rede de trocas e disseminação de conhecimentos, que tenha como finalidade fomentar oportunidades artísticas para grupos sociais identificados com o Rap.

Sobre o Edital de Residências e Intercâmbios

Com o objetivo de potencializar a produção artística de Fortaleza e propiciar uma maior apropriação dos equipamentos culturais da cidade, o Programa de Residências e Intercâmbios foi lançado em 2013 pela Secretaria Municipal de Cultura de Fortaleza (Secultfor) e premiou 22 projetos em diversas linguagens, dos 74 inscritos, com R$ 15 mil cada. O Programa da Coordenadoria de Criação e Fomento da Secultfor é direcionado a artistas, pesquisadores e produtores (indivíduos ou coletivos) de Fortaleza com projetos nas seguintes linguagens: artes visuais, circo, dança, literatura, teatro, música, moda, audiovisual, gastronomia e humor

As propostas de residências são para um período de três meses, através de ações como intercâmbios artísticos, ocupações, acolhimentos etc., devendo as mesmas acontecer nos equipamentos culturais da Prefeitura de Fortaleza (Passeio Público, Vila das Artes, Mercado dos Pinhões, Teatro Antonieta Noronha, Estoril e Biblioteca Pública Municipal Dolor Barreira) ou, ainda, em outros espaços tecnicamente viáveis e indicados pelos proponentes.

Serviço:
O que: Oficina “Produtos do Morro: escola de beat e rima”
Facilitador: Erivan Produtos do Morro
Quando: de 13 a 29 de Outubro e 3 de novembro
Inscrições: 25 de setembro a 7 de outubro de 2014
Ficha de Inscrição: http://inscricaoviladasartes.blogspot.com.br/2014/09/oficina-produtos-do-morro-escola-de.html
Onde: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221 – Centro)
Público Alvo: Jovens e adultos de todas as idades, com ou sem experiências técnicas e artísticas, que tenham noções básicas de informática, interessados em aprender sobre o universo da cultura Hip Hop
Observações: É desejável que o participante traga o seu computador portátil
Mais informações: 85 3105.1402

 

Publicado em Cultura
As inscrições devem ser realizadas no setor de Protocolo da Secultfor | Foto: Nely Rosa

Até essa segunda-feira (1º/9), a Secretaria Municipal de Cultura de Fortaleza estará recebendo inscrições para o Edital do X Festival de Teatro de Fortaleza, que selecionará 15 trabalhos para integrar a Mostra de Espetáculos do Festival, além de cinco projetos de Ações de Fortalecimento das Sedes dos Grupos de Teatro. As inscrições, que tiveram início no da 13 de agosto, devem ser realizadas no setor de Protocolo da Secultfor, em envelope lacrado, das 9 às 12 horas e de 13h às 17h.

Cada proponente poderá inscrever até dois Espetáculos Teatrais, podendo ser contemplado com apenas um Espetáculo. Cada proponente poderá inscrever até dois projetos de Ações de Fortalecimento das Sedes dos Grupos de Teatro, podendo ser contemplado com apenas um projeto.

O formato do X Festival de Teatro de Fortaleza resulta de uma ampla discussão com a comissão designada pelo Fórum de Teatro. O X FTF acontecerá entre os dias 10 e 29 de novembro de 2014, em locais ainda a serem divulgados. A seleção será realizada em duas etapas: 1ª Etapa - Seleção Conceitual e Técnica - de caráter classificatório e eliminatório; 2ª Etapa - Habilitação Jurídico/Fiscal - de caráter eliminatório, a qual serão submetidos somente os candidatos selecionados na etapa anterior.

Para mais detalhes, acesse Edital do X FTF na íntegra, bem como ficha de inscrição e declarações de autoria e de uso de imagem no portal da Prefeitura Municipal de Fortaleza: www.fortaleza.ce.gov.br ou no site da Secultfor: www.fortaleza.ce.gov.br/cultura

Premiações do X FTF

Os 10 grupos teatrais selecionados para a Mostra de Espetáculos nas categorias Teatro Adulto e Infantil receberão cachê bruto de R$ 7.000,00, cada um para a realização de duas apresentações. Poderão se inscrever artistas/coletivos de Fortaleza com no mínimo dois anos de atuação no cenário teatral da cidade.

Serão selecionados até cinco espetáculos de grupos /artistas/coletivos de Fortaleza, para compor a Mostra Formação,oriundos dos mais diversos campos de formação que estejam em processo de aperfeiçoamento profissional e que tenham até três anos de trabalhos continuados: cursos básicos, universidades, comunidades, grupos novos, igrejas, terreiros, paróquias, quadrilhas, ONGs, escolas.

Os cinco projetos de Ações de Fortalecimento das Sedes dos Grupos de Teatro selecionados receberão cada um o valor bruto de R$ 10.000,00 por proposta. Poderão se inscrever para estas ações grupos de teatro com sede no município de Fortaleza, em funcionamento de no minimodois) ano. Serão selecionados projetos que fomentem a circulação, pesquisa, oficinas, formação de plateia, palestras e/ou outras atividades que possam dialogar com a comunidade no entorno da sede do grupo/coletivo. Dos valores destinados a serem pagos pelo presente Edital, serão descontados os impostos e taxas devidos legalmente.

Tema do X FTF

Com o propósito de valorizar e discutir o conceito de Teatro e Memória, o X Festival de Teatro de Fortaleza tem como principal objetivo discutir a importância deste festival para a cidade, momento no qual serão debatidos e encenados o fazer teatral que permeou as nove edições anteriores do Festival.

“Para a edição desse ano, o Festival retoma o conceito e a história que marcaram as suas nove edições anteriores. Além das apresentações e das ações de fortalecimento das sedes dos grupos, acontecerá a Exposição Teatro e Memória e o Simpósio Teatro e Memória, onde aspectos importantes da trajetória da cena e da formação teatral da cidade de Fortaleza serão exibidos, pensados e discutidos. Com esse formato de programação, busca-se um modelo mais enxuto e que possa dialogar de maneira mais efetiva com os anseios do público e da classe artística”, detalha Lenildo Gomes, coordenador de Criação e Fomento da Secultfor.

Edital ficou aberto para Consulta Pública

O Edital do X Festival de Teatro de Fortaleza esteve aberto, para Consulta Pública, no período de 5 a 11 de agosto de 2014. Puderam participar da consulta quaisquer interessados, fossem Pessoa Física ou Jurídica.

Serviço:
Edital X Festival de Teatro de Fortaleza
Inscrições: 13 de agosto a 1º de setembro de 2014
Onde: Setor de Protocolo da Secretaria de Cultura de Fortaleza (Rua Pereira Filgueiras, 4 – Centro)
Mais informações: 1305.1358
O Edital e os anexos estão disponíveis no portal da Prefeitura Municipal de Fortaleza: www.fortaleza.ce.gov.br/cultura

Clique aqui, para acessar o Edital
Clique aqui para acessar o anexo I - Fórmulário de Inscrição
Clique aqui para acessar o anexo II - Declaração de Autoria
Clique aqui para acessar o anexo III - Declaração de Autorização para o Uso de Imagem
 

Publicado em Cultura
Espetáculo "Relampião", da Cia. Miolo (SP), que se apresentou no IX FTF. (Foto: Kaio Machado)

A Secretaria Municipal de Cultura de Fortaleza torna público o Edital do X Festival de Teatro de Fortaleza, que selecionará 15 trabalhos para integrar a Mostra de Espetáculos do Festival, além de cinco projetos de Ações de Fortalecimento das Sedes dos Grupos de Teatro. As inscrições estão abertas de 13 de agosto a 1 de setembro de 2014 e devem ser realizadas no setor de Protocolo da Secultfor, em envelope lacrado, de segunda e sexta-feira, das 9 às 12 horas e de 13 horas às 16h30min.

Cada proponente poderá inscrever até dois Espetáculos Teatrais, podendo ser contemplado com apenas um Espetáculo. Cada proponente poderá inscrever até dois projetos de Ações de Fortalecimento das Sedes dos Grupos de Teatro, podendo ser contemplado com apenas um projeto.

O formato do X Festival de Teatro de Fortaleza resulta de uma ampla discussão com a comissão designada pelo Fórum de Teatro. O X FTF acontecerá entre os dias 10 e 29 de novembro de 2014, em locais ainda a serem divulgados. A seleção será realizada em duas etapas: 1ª Etapa - Seleção Conceitual e Técnica - de caráter classificatório e eliminatório; 2ª Etapa - Habilitação Jurídico/Fiscal - de caráter eliminatório, a qual serão submetidos somente os candidatos selecionados na etapa anterior.

Para mais detalhes, acesse Edital do X FTF na íntegra, bem como ficha de inscrição e declarações de autoria e de uso de imagem no portal da Prefeitura Municipal de Fortaleza: www.fortaleza.ce.gov.br ou no site da Secultfor: www.fortaleza.ce.gov.br/cultura

Premiações do X FTF

Os 10 grupos teatrais selecionados para a Mostra de Espetáculos nas categorias Teatro Adulto e Infantil receberão cachê bruto de R$ 7.000,00, cada um para a realização de duas apresentações. Poderão se inscrever artistas/coletivos de Fortaleza com no mínimo dois anos de atuação no cenário teatral da cidade.

Serão selecionados até cinco espetáculos de grupos /artistas/coletivos de Fortaleza, para compor a Mostra Formação, oriundos dos mais diversos campos de formação que estejam em processo de aperfeiçoamento profissional e que tenham até três anos de trabalhos continuados: cursos básicos, universidades, comunidades, grupos novos, igrejas, terreiros, paróquias, quadrilhas, Ong’s, escolas.

Os cinco projetos de Ações de Fortalecimento das Sedes dos Grupos de Teatro selecionados receberão cada um o valor bruto de R$ 10.000,00 por proposta.Poderão se inscrever para estas ações grupos de teatro com sede no município de Fortaleza, em funcionamento de no minimodois) ano. Serão selecionados projetos que fomentem a circulação, pesquisa, oficinas, formação de plateia, palestras e/ou outras atividades que possam dialogar com a comunidade no entorno da sede do grupo/coletivo. Dos valores destinados a serem pagos pelo presente Edital, serão descontados os impostos e taxas devidos legalmente.

Tema do X FTF

Com o propósito de valorizar e discutir o conceito de Teatro e Memória, o X Festival de Teatro de Fortaleza tem como principal objetivo discutir a importância deste festival para a cidade, momento no qual serão debatidos e encenados o fazer teatral que permeou as nove edições anteriores do Festival.

“Para a edição desse ano, o Festival retoma o conceito e a história que marcaram as suas 9 edições anteriores. Além das apresentações e das ações de fortalecimento das sedes dos grupos, acontecerá a Exposição Teatro e Memória e o Simpósio Teatro e Memória, onde aspectos importantes da trajetória da cena e da formação teatral da cidade de Fortaleza serão exibidos, pensados e discutidos. Com esse formato de programação, busca-se um modelo mais enxuto e que possa dialogar de maneira mais efetiva com os anseios do público e da classe artística”, detalha Lenildo Gomes, coordenador de Criação e Fomento da Secultfor.

Edital ficou aberto para Consulta Pública

O Edital do X Festival de Teatro de Fortaleza esteve aberto, para Consulta Pública, no período de 5 a 11 de agosto de 2014. Puderam participar da consulta quaisquer interessados, fossem Pessoa Física ou Jurídica.

Serviço:
Edital X Festival de Teatro de Fortaleza
Inscrições: 13 de agosto a 1 de setembro de 2014
Onde: Setor de Protocolo da Secretaria de Cultura de Fortaleza (Rua Pereira Filgueiras, 4 – Centro)
Mais informações: 1305.1358
O Edital e os anexos estão disponíveis no portal da Prefeitura Municipal de Fortaleza: www.fortaleza.ce.gov.br/cultura

Publicado em Cultura
Oficina de Malabares com o artista argentino Rodrigo Möller acontece de 13 a 15 de agosto no Passeio Público. (Foto: Divulgação)

Com o objetivo de potencializar a produção artística de Fortaleza e propiciar uma maior apropriação dos equipamentos culturais da cidade, o Programa de Residências e Intercâmbios foi lançado em 2013 pela Secretaria Municipal de Cultura de Fortaleza e premiou 22 projetos em diversas linguagens. Abrindo as atividades, Gustavo Portela, contemplado na linguagem Música, está promovendo Oficina de Malabares com o artista argentino Rodrigo Möller.

Destinada a artistas, educadores, e amantes do malabarismo, a Oficina busca compartilhar exercícios de dissociação, ritmos e manipulação de objetos (bolas, rebotes, chapéu e claves), às técnicas de malabares, numerologia e criação de truques. A Oficina acontece de 13 a 15 de agosto, das 15 às 18 horas, no Passeio Público, e está com inscrições abertas através do site www.gustavoportela.com.brOs participantes selecionados deverão levar seus equipamentos (bolas, claves, chapéu e etc) para a oficina.

A programação contará, ainda, com o show “Le Son Sur Scène” de Gustavo Portela no sábado (16), às 15 horas, no Passeio Público, quando os alunos terão a chance de por em prática o conteúdo que viram nos três dias de teoria, tudo sob a coordenação do facilitador.

Sobre o Show Le Son Sur Scène

“Le Son Sur Scène” é um show “cênico-musical” e leva justamente esse título por se tratar de uma tentativa de entender e decifrar todas as linguagens inseridas dentro do show. Com 10 faixas, o espetáculo conta a rocambolesca história de um ser que desce à terra com vontade de conhecer a humanidade e as sensações humanas, mas acaba encarando os reveses da vida real. O personagem é assaltado, perde as roupas, quase confisca um carro e tem a infeliz ideia de roubar as vestimentas de um assassino perigoso que irá persegui-lo. No meio disso tudo, um número de mágica.

 

Sobre o Edital de Residências e Intercâmbios

Lançado em setembro de 2013, o Programa da Coordenadoria de Criação e Fomento da Secultfor, foi voltado a artistas, pesquisadores e produtores (indivíduos ou coletivos) de Fortaleza com projetos nas seguintes linguagens: artes visuais, circo, dança, literatura, teatro, música, moda, audiovisual, gastronomia, fotografia e humor. O Edital premiou 22 projetos, dentre 74 inscritos, com R$ 15 mil cada.

As propostas de residências são para um período de três meses, através de ações como intercâmbios artísticos, ocupações, acolhimentos etc., devendo as mesmas acontecerem nos equipamentos culturais da Prefeitura de Fortaleza (Passeio Público, Vila das Artes, Mercado dos Pinhões, Teatro Antonieta Noronha, Estoril e Biblioteca Pública Municipal Dolor Barreira) ou, ainda, em outros espaços tecnicamente viáveis e indicados pelos proponentes.

O Programa seguiu as seguintes linhas: I) Estímulo à Criação; II) Estímulo à Produção Crítica ou de Memória; III) Formação. A seleção aconteceu em duas etapas: 1ª Etapa: Seleção Conceitual e Técnica: de caráter classificatório; 2ª Etapa: Habilitação Jurídico/Fiscal: de caráter eliminatório a qual serão submetidos somente os candidatos selecionados na etapa anterior.

 

Serviço:

Programa Residências e Intercâmbios - Oficina de Malabares com Rodrigo Möller

Quando: Dias 13, 14 e 15 de agosto de 2014, das 15 às 18h

Onde: Passeio Público

Público: alunos, educadores e artistas de circo

Nível: principiante e intermediario

Vagas: 20

Inscrições: www.gustavoportela.com.br

Gratuito

 

Apresentação de “Le Son Sur Scène” com Gustavo Portela

Quando: Sábado (16), às 15h

Onde: Passeio Público

Mais informações: 3105.1386 / 3105.1358

Contato Gustavo Portela: 8842.9249

 
Publicado em Cultura
O Edital permanecerá em consulta pública dos dias 5 a 11 de agosto de 2014 (Foto: Nely Rosa)

A Secretaria de Cultura de Fortaleza disponibiliza, para Consulta Pública, o Edital do X Festival de Teatro de Fortaleza, que selecionará 15 trabalhos para integrar a Mostra de Espetáculos do Festival, além de cinco projetos de Ações de Fortalecimento das Sedes dos Grupos de Teatro. Podem participar da consulta quaisquer interessados, seja Pessoa Física ou Jurídica, no período de 5 a 11 de agosto de 2014. As sugestões deverão ser apresentadas por meio físico (carta, ofício ou similar), no setor de Protocolo da Secultfor (Rua Pereira Filgueiras, 4 – Centro) ou por via eletrônica, através do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. 

O formato do X Festival de Teatro de Fortaleza resulta de uma ampla discussão com a comissão designada pelo Fórum de Teatro e acontecerá entre os dias 10 e 29 de novembro de 2014, em locais ainda a serem divulgados. A seleção será realizada em duas etapas: 1ª Etapa - Seleção Conceitual e Técnica - de caráter classificatório e eliminatório; 2ª Etapa - Habilitação Jurídico/Fiscal - de caráter eliminatório, a qual serão submetidos somente os candidatos selecionados na etapa anterior.

Poderão se inscrever propostas para os diversos segmentos teatrais, inclusos nas seguintes categorias: Teatro Adulto, Teatro Infantil, Teatro de Rua, Teatro de Bonecos, Performances e Intervenções, entre artistas e grupos profissionais e amadores.

Das premiações do X FTF

Os 10 grupos teatrais selecionados para a Mostra de Espetáculos nas categorias Teatro Adulto e Infantil receberão cachê bruto de R$ 7.000,00, cada um para a realização de duas apresentações. Poderão se inscrever artistas/coletivos de Fortaleza, com no mínimo dois anos de atuação no cenário teatral da cidade.

Serão selecionados até cinco espetáculos de grupos /artistas/coletivos de Fortaleza, para compor a Mostra Formação, oriundos dos mais diversos campos de formação que estejam em processo de aperfeiçoamento profissional e que tenham até três anos de trabalhos continuados: cursos básicos, universidades, comunidades, grupos novos, igrejas, terreiros, paróquias, quadrilhas, Ong’s, escolas.

Os cinco projetos de Ações de Fortalecimento das Sedes dos Grupos de Teatro selecionados receberão cada um o valor bruto de R$ 10.000,00, por proposta. Poderão se inscrever grupos de teatro com sede no município de Fortaleza, em funcionamento de, no minimo, dois anos. Serão selecionados projetos que fomentem a circulação, pesquisa, oficinas, formação de plateia, palestras e/ou outras atividades que possam dialogar com a comunidade no entorno da sede do grupo/coletivo.

Dos valores destinados a serem pagos pelo presente Edital, serão descontados os impostos e taxas devidos legalmente.

Para mais detalhes acesse Edital de Consulta Pública do X FTF na íntegra aqui.

 

Serviço:

Edital de Consulta Pública do X Festival de Teatro de Fortaleza

Prazo para envio de sugestões: 5 a 11 de agosto de 2014, às 16h.

Onde: Setor de Protocolo da Secretaria de Cultura de Fortaleza (Rua Pereira Filgueiras, 4 – Centro) ou através do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Mais informações: 1305.1358

Confira o Edital de Consulta Pública do X Festival de Teatro de Fortaleza aqui

Publicado em Cultura
Em junho e julho, diversos bairros da cidade recebem quadrilhas e festivais juninos. (Foto: Nely Rosa)

A tradição, a música e as cores dos festejos juninos já se espalham pela cidade. Nas sete regionais de Fortaleza, festivais e grupos de quadrilhas infantis e adultas, selecionados pelo Edital Festejos Juninos de Fortaleza 2014, movimentam os meses de junho e julho. O Edital, lançado pela Prefeitura Municipal de Fortaleza, por meio da Secretaria de Cultura, tem como objetivo reconhecer e apoiar ações que garantam o fomento às tradições juninas em Fortaleza. Em 2014, está sendo distribuído R$ 700 mil.

A programação dos festivais acontece nos bairros Antonio Bezerra, Barra do Ceará, Genibaú, Joaquim Távora, Monte Castelo, Messejana, Parque Araxá, Moura Brasil, Barra do Ceará, Tancredo Neves, Tirol, Parque São José, Jardim Iracema, Dias Macedo, Parque Dois Irmãos, Bairro de Fátima, Vila Manuel Sátiro e Siqueira.

Em junho, entre os destaques estão o 5 º Festival de Quadrilha Junina Amctn, que acontece dias 17 e 18; o XII Festival de Quadrilha Junina das Quadras Anexas ao Ginásio Paulo Sarasate, de 19 a 21; o Festival Junino Infantil Aças e o Festival III Arraia da Tia Eliete, nos dias 20 e 21; o 17º Festival Junino do Arraia do Cumpade Kiko, de 26 a 28; o 22º Festival de Quadrilhas de Messejana e o 12º Festival Junino Profetas do Sertão, de 27 a 29; além do 7º Festival do Arraia de Genibaú, que acontece ao longo dos dias 27 a 30.

Em julho, o arrasta-pé continua com o Festival de Quadrilha Junina do Jardim América, que acontece de 3 a 6; o 11º Festival de Quadrilhas Juninas Arraia da Paz e o XIII Ceará Festa Junina, de 4 a 6; o X Festival de Quadrilhas Junina da Amam, nos dias 5 a 6; o Festival Cumpade Rogério, de 11 a 13; e o 13º Festival Arraia do Sumaré, nos dias 18 e 19. (Confira a programação completa ao final do texto)

 

Sobre o Edital Festejos Juninos de Fortaleza 2014

As inscrições para o Edital Festejos Juninos de Fortaleza 2014 ficaram abertas de 5 a 16 de maio de 2014. Foram selecionados 70 projetos, sendo 40 projetos de Grupos de Quadrilha Junina Adulta, 10 projetos de Grupos de Quadrilha Junina Infantil, 10 projetos de Festival Junino de Grande Porte e 10 projetos de Festival Junino de Médio Porte. A seleção foi realizada em duas etapas: Habilitação Jurídico-Fiscal: de caráter eliminatório e Seleção Conceitual e Técnica: de caráter classificatório e eliminatório.

 

Edital passou por Consulta Pública e Fórum com quadrilheiros

Interessados em participar do Edital Festejos Juninos de Fortaleza 2014 tiveram a oportunidade de protocolar sugestões e alterações ao Edital, que ficou aberto para Consulta Pública de 28 a 30 de abril. Um Fórum com quadrilheiros também foi realizado na terça-feira (29), das 14h às 16h, no Teatro Antonieta Noronha, localizado na sede da Secretaria.

 

Sobre a descentralização das políticas públicas aos Festejos Juninos

Em atendimento à Lei Municipal Nº 9.989, de 28/12/2012, que institui o Plano Municipal de Cultura da Cidade de Fortaleza, a Secretaria de Cultura de Fortaleza informa que tem desenvolvido mecanismos que propiciem a descentralização das políticas públicas municipais de cultura. No caso do Edital Festejos Juninos de Fortaleza 2014, foi optado pela adoção do formato que viabilize a ampla participação de agentes culturais que se situem nos diversos territórios da cidade, prezando ainda pela máxima utilização dos recursos públicos, permitindo a migração de valores em não havendo selecionados para um destes territórios.

Saiba Mais
A Lei Nº 9.989, de 28/12/2012, destaca, por diversas vezes, a necessidade do poder publico em fomentar políticas culturais de forma descentralizada. Em destaque:
Art. 1º. Fica aprovado o Plano Municipal de Cultura, com duração de 10 (dez) anos, constante no anexo desta Lei e regido pelas seguintes diretrizes:
(...)
VII - descentralização territorial da gestão e das ações culturais do Município;
Art. 2º. São objetivos do Plano Municipal de Cultura:
(...)
VI - descentralizar territorialmente as políticas públicas do Município.
Art. 3º. São atribuições do poder público municipal:
(...)
XIV - descentralizar a política cultural do Município, assegurando a realização de atividades artísticas nas Regionais;
Art. 6º. São estratégias do Plano Municipal de Cultura:
(...)
VII - criar mecanismos de descentralização da política cultural, assegurando a realização de atividades artísticas nas Regionais"

Serviço:

Programação completa dos Festivais Juninos 2014

Festivais de Grande Porte:

29º Festival de Quadrilhas Junina Cumade Maria

Quando: 11 a 13/6

Onde: Espaço Cultural do Clube do Sargento na Avenida Francisco Sá, s/n – Bairro Barra do Ceará

 

20º Arraia Cumpade Paulão

Quando: 06 a 11/6

Onde: Praça Joaquim Nogueira – Bairro Antônio Bezerra (Próximo a Rodoviária do Antônio Bezerra)

 

7º Festival do Arraia de Genibaú

Quando: 27 a 30/6

Onde: Praça do Genibaú, localizada entre a rua 24 de Outubro e a Avenida Senador Fernandes Távora – Bairro Genibaú

 

XII Festival de Quadrilha Junina das Quadras Anexas ao Ginásio Paulo Sarasate

Quando: 19 a 21/6

Onde: Quadras Anexas ao Ginásio Paulo Sarasate – Bairro Joaquim Távora

 

17º Festival Junino do Arraia do Cumpade Kiko

Quando: 26 a 28/6

Onde: Praça Coronel João Pontes (nas ruas Antônio Drumont com Beijamim Barroso) – Bairro Monte Castelo

 

22º Festival de Quadrilhas de Messejana

Quando: 27 a 29/6

Onde: Quadra da Praça de Messejana

 

Festival de Quadrilha Junina do Jardim América

Quando: 3 a 6/7

Onde: Pracinha do Parque Araxá – Bairro Parque Araxá

11º Festival de Quadrilhas Juninas Arraia da Paz

Quando: 4 a 6/7

Onde: Quadra da Igreja Santa Edwiges do Bairro Moura Brasil

 

XIII Ceará Festa Junina

Quando: 4 a 6/7

Onde: Espaço Cultural do Clube do Sargento na Avenida Francisco Sá, s/n – Bairro Barra do Ceará

 

Festival Cumpade Rogério

Quando: 11 a 13/7

Onde: Pracinha do Parque Araxá – Bairro Parque Araxá

 

Festivais de Médio Porte:

44º Festival do Bairro Tyrol

Quando: 11 a 13/6

Onde: Quadra da Pracinha do Conjunto Dom Élder Câmara

 

9º Arraia do Cumpade Concelho

Quando: 6 e 7/6

Onde: Rua Costa Freire, Nº 2238 – Bairro Parque São José

 

7º Arraia da Cumade Carminha

Quando: 13 e 14/6

Onde: Praça do Guajeru – Bairro Messejana

 

15º Festival de Quadrilhas Juninas Folia na Roça

Quando: 14 e 15/6

Onde: Avenida Major Assis (entre a rua Rio Paraguai) Bairro Jardim Iracema

 

5 º Festival de Quadrilha Junina Amctn

Quando: 17 e 18/6

Onde: Escola Professor Dolores de Alcantara, Rua 1 Nº 930 – Bairro Tancredo Neves ( Por trás da igreja universal)

 

Festival Junino Infantil Aças

Quando: 20 e 21/6

Onde: Praça do Conjunto Enéas Arruda – Bairro Dias Macedo (entre as ruas Capitão João Ferreira Lima, Geraldo Cosme da Silva, Francisca Rodrigues e José Alves de Andrade)

 

Festival III Arraia da Tia Eliete

Quando: 20 e 21/6

Onde: Avenida Moura de Matos em frente a Panificadora Riacho Doce

 

12º Festival Junino Profetas do Sertão

Quando: 27 a 29/6

Onde: Rua Petronilha Bezerra, Nº 185 – Vila Manuel Sátiro

 

X Festival de Quadrilhas Junina da Amam

Quando: 5 a 6/7

Onde: Rua Br 116 quilometro 0 – Bairro de Fátima

 

13º Festival Arraia do Sumaré

Quando: 18 e 19/7

Onde: Rua Almerinda Montenegro – Conjunto Sumaré - Siqueira

 

Publicado em Cultura
A VI Mostra de Música Petrúcio Maia acontece de 15 a 18 e de 22 a 24 de maio no Estoril. (Foto: Thiago Gaspar)

Artistas selecionados, imprensa e convidados se reuniram nesta quinta-feira (8), para dar boas-vindas e conhecer a programação da VI Mostra de Música Petrúcio Maia, que será realizada nos dias 15, 16, 17, 18, 22, 23 e 24 de maio no Estoril. A festa de lançamento teve como atração o DJ Dado. A VI Mostra de Música Petrúcio Maia é uma realização da Prefeitura Municipal de Fortaleza, por meio da Secretaria de Cultura, com produção da Associação dos Produtores de Disco do Ceará (Prodisc), selecionada por meio de Chamada Pública. Confira programação completa ao final.

O Edital da VI Mostra de Música Petrúcio Maia foi lançado em setembro de 2013. Oitenta e seis artistas se inscreveram e os 36 artistas selecionados serão apoiados com o cachê de R$ 1.200,00. Cada projeto selecionado fará um show de 30 minutos. Seis serão selecionados para a Final e três receberão um Prêmio para Circulação, no valor de R$ 15.000,00 cada. Todos os seis projetos da Final também receberão cachê de R$ 1.200,00. A Secretaria de Cultura de Fortaleza dará suporte institucional às bandas contempladas com o Prêmio de Circulação para a realização de shows fora do Estado.

A Comissão Julgadora será composta pelos jornalistas e críticos de música, Luciano Almeida Filho e Dawlton Moura, e pelo professor e músico, Robério Sacramento. Mostra terá um total de 42 perfomances.

“A consolidação da Mostra Petrúcio Maia, com quase 90 inscritos e 36 selecionados, aponta para o amadurecimento da cena musical fortalezense. A alta qualidade dos artistas dificultou, inclusive, a seleção. Esse caráter de Festival que a Mostra adquiriu e a possibilidade de concentração dos shows num curto espaço de tempo, também funciona como um painel dessa cena, que, se por uma lado dá visibilidade para artistas consolidados, por outros, coloca no mesmo palco artistas que ainda buscam consolidar seu trabalho”, detalha o coordenador de Criação e Fomento da Secultfor, Lenildo Gomes.

A seleção da VI Mostra de Música Petrúcio Maia

A seleção dos 36 Projetos Musicais para compor as Seletivas da Mostra foi conduzida por uma Comissão de Curadoria, formada para este fim, constituída por dois profissionais de renome da área de música no País (os jornalistas Lúcio Ribeiro e Luciano Almeida Filho) e por Rodrigo Colares, da Coordenadoria de Criação e Fomento da Secultfor.

O Edital inscreveu artistas e grupos comprovadamente residentes na capital. Além do levantamento de informações sobre músicos e bandas de Fortaleza, a inscrição serviu, igualmente, como um cadastro que servirá para mapear a produção musical de grupos e artistas do município.

Sobre a Mostra de Música Petrúcio Maia

A Mostra de Música Petrúcio Maia, desde sua primeira edição, atende a uma demanda crescente de músicos na cidade. Com as transformações tecnológicas na produção musical, há um considerável número de bandas, músicos, coletivos e artistas que trabalham de modo independente e necessitam expor suas produções.

Com tantos projetos de qualidade nas mais variadas vertentes, que vão desde novas roupagens do punk ao tradicional samba, passando pela pluralidade da música brasileira, é essencial que se criem políticas públicas no sentido de fomentar e disseminar estas novas produções e estes novos artistas.

Serviço:
VI Mostra de Música Petrúcio Maia
Quando: De 15 a 18 e de 22 a 24 de maio, a partir das 18h30. Domingo (18), a partir das 17h30
Onde: Estoril (Rua dos Tabajaras, 397 – Praia de Iracema)
Mais informações: 3105.1358/3105.1386
Entrada gratuita

Programação completa da VI Mostra de Música Petrúcio Maia
Quinta-feira (15)
18h30 – 19h Murmurando CE
19h15 – 19h45 Renegados
20h – 20h30 Gustavo Portela
20h45 – 21h15 Paula Tesser
21h30 – 22h DanChá
22h15 – 22h45 Descedentes da Índia Piaba

Sexta-feira (16)
18h30 – 19h Meia Noite e Um
19h15 – 19h45 Glauco King & The West Wolves
20h – 20h30 Clamus
20h45 – 21h15 Moço Velho
21h30 – 22h Verônica Decide Morrer
22h15 – 22h45 Obskure

Sábado (17)
18h30 – 19h Anderson Camelo Trio
19h15 – 19h45 Oscar Arruda
20h – 20h30 R.D.F (Relatos de Fortaleza)
20h45 – 21h15 Jânio Florêncio
21h30 – 22h0 Astronauta Marinho
22h15 – 22h45 Lidia Maria

Domingo (18)
17h30 – 18h Jardim de Ferro
18h15 – 18h45 Ivan Timbó
19h – 19h30 Bhakti Sabiaguaba
19h45 – 20h15 Caio Castelo
20h30 – 21h Capotes Pretos na Terra Marfim
21h15 – 21h45 Felipe Cazaux

Quinta-feira (22)
18h30 – 19h It Girl
19h15 – 19h45 Chacomdéga
20h – 20h30 Banana Scrait
20h45 – 21h15 Felipe de Paula
21h30 – 22h Hardy e o fim do Mundo
22h15 – 22h45 Fernando Rosa

Sexta-feira (23)
18h30 – 19h Plastique Noir
19h15 – 19h45 Cocaine Cobras
20h – 20h30 Chicones
20h45 – 21h15 In No Sense
21h30 – 22h00 Jonnata Doll e os Garotos Solventes
22h15 – 22h45 Siege of Hate – S.O.H

Sábado (24)
18h30 – 19h00 Final
19h15 – 19h45 Final
20h – 20h30 Final
20h45 – 21h15 Final
21h30 – 22h00 Final
22h15 – 22h45 Final

 

 

Publicado em Cultura
A Mostra segue em cartaz de terça a sábado na Galeria Antonio Bandeira. (Foto: Thiago Gaspar)

Os 30 trabalhos selecionados para a Mostra Nacional 2014 do 65º Salão de Abril seguem expostos até 31 de maio na Galeria Antônio Bandeira, no Centro Cultural Banco do Nordeste – CCBNB - (Rua Conde D'Eu, 560 – Centro). A Mostra está aberta para visitação de terça a sexta-feira, 10h às 20h e sábados 10h às 19h. Principal evento de artes plásticas do Estado, em 2014, o Salão de Abril contou com 855 candidatos inscritos, de diversas localidades do País, como Ceará; Piauí; Amazonas; Acre; Rondônia; Maranhão; Sergipe; Alagoas; Mato Grosso; Espírito Santo; Rio Grande do Norte; Mato Grosso do Sul; Goiás; Pará; Pernambuco; Santa Catariana; Paraíba; Bahia; Paraná; Rio Grande do Sul; Minas Gerais; Rio de Janeiro; São Paulo; e Distrito Federal.

Os artistas selecionados são: Alexandre de Albuquerque Mourão (DF), Arthur Vicentini Tuoto (SP), Cláudio Henrique Marques da Silva (MG), Dirceu da Costa Maués (DF), Doralice Lacerda de Araujo Filha (CE), Eduardo Montelli Lacerda (RS), Elen Braga Gruber (SP), Felipe Abdala Lins de Santana (RJ), Felippe Moraes Cardoso (RJ), Fernando Ancil de Souza Gaede (MG), Gabriel Domingues Petito Vieira (SP), Gabriela di Battista Mureb (RJ), Gustavo Pinheiro Martinez Torres (RJ), Jimson Ferreira Vilela (SP), João Victor Silva Oliveira (BA), Leonardo De Melo Versieux (RN), Mai Britt Wolthers (SP), Maíra Gouveia Ortins (CE), Marcel Martins Lacerda Diogo (MG), Marcos Muniz Da Silva (SP), Marcus Ernesto Marchi Júnior (SP), Marília Da Silva Bianchini (RS), Priscila Barcelos Tomé (RJ), Renan Marcondes Cevales (SP), Ricardo Ernest Machado (PR), Roberto Moreira Junior (PE), Romy Pocztaruk (RS), Steffania Paola Costa Di Albanez (RJ), Thiago Feijó Ponte (CE) e Willian Menkes De Oliveira (MS).

A Comissão de Seleção do 65º Salão de Abril se reuniu de 20 a 22 de março no Teatro Antonieta Noronha para a avaliação dos trabalhos. A Comissão foi composta pela curadora convidada, crítica e pesquisadora em artes visuais, Gabriela Kremer Motta; o artista, professor e curador, Herbert Rolim; e a jornalista, pesquisadora, crítica de arte e curadora, Ana Cecília Soares.

O 65º Salão de Abril é uma realização da Prefeitura Municipal de Fortaleza, por meio da Secretaria de Cultura, com a parceria do Centro Cultural Banco do Nordeste.

 

O 65º Salão de Abril

Em 2014, o Salão de Abril está distribuindo um montante de R$ 135.000,00, sendo 30 prêmios de R$ 3.000,00 brutos para cada uma das 30 obras selecionadas para compor a Mostra Nacional, além de três prêmios de R$ 15.000,00 brutos para cada uma das obras premiadas dentre as 30 selecionadas, que são dos artistas: Alexandre de Albuquerque Mourão (Coletivo Aparecidos Políticos - CE), Eduardo Montelli Lacerda (RS) e Felipe Abdala Lins de Santana (RJ). Dos valores destinados a serem pagos pelo Edital, serão descontados impostos e taxas devidos legalmente.

Sobre o Salão de Abril
Lançado em 1943, como iniciativa da União Estadual dos Estudantes (UEE), o Salão de Abril foi encampado por artistas que atuavam na cidade. Foi assim que, a partir de sua segunda edição, em 1946, a Sociedade Cearense de Artes Plásticas (SCAP) assumiu sua realização, tornando-se a entidade responsável por sua continuidade, até 1958.

As exposições do Salão de Abril, contudo, não tiveram uma constância. Houve um hiato nesta periodicidade logo depois de suas primeiras edições. Somente em 1964, quando a administração municipal ratificou publicamente a importância do Salão e tomou para si a responsabilidade da realização anual do evento, o mesmo assumiu um papel de eixo da vida cultural da capital cearense.

Nas sete décadas de existência e em 64 edições, nomes importantes participaram de suas mostras. Em 2013, foram mais de 500 inscritos, o que coloca o Salão de Abril entre os mais bem-sucedidos e disputados Salões do País.

 

Serviço:

Mostra Nacional do 65º Salão de Abril

Onde: Galeria Antônio Bandeira - Centro Cultural Banco do Nordeste (Rua Conde D'Eu, 560 – Centro)

Visitação: Terça a sexta-feira de 10h às 20h e sábados 10h às 19h

A exposição fica em cartaz até 31 de maio de 2014

Mais informações: 3105.1386

Publicado em Cultura