Os casos de veículos abandonados em via pública têm se tornado um desafio à medida que ocupam indevidamente o espaço público, dificultam o estacionamento e chegam a se transformar em um sério problema de saúde pública e segurança. Para reverter esse quadro, a Prefeitura de Fortaleza desenvolve, por meio da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), uma operação especial de tráfego que tem apresentado bons resultados.

De janeiro a julho deste ano, 365 veículos foram retirados de circulação. Em 72 dos casos, agentes de trânsito fizeram a remoção e encaminharam para o depósito do órgão. Já o restante foi removido pelos proprietários após receberam notificação educativa da AMC. O objetivo é desobstruir a via e garantir mais segurança para a população, visto que o acúmulo de sujeira nestes veículos contribui para a proliferação de doenças.

De acordo com a Lei Municipal nº 10.677/2018, os veículos automotores, elétricos, articulados, reboques e semirreboques podem ser removidos quando estiverem estacionados em logradouros públicos a mais de cinco dias, sem uma das placas de identificação ou quando apresentarem qualquer sinal de abandono, como evidente estado de decomposição de sua carroceria e de suas partes removíveis, mau estado de conservação e/ou vidro quebrado ou avarias nas portas que permita acesso de pessoas sem obstrução.

Em cumprimento à legislação, antes de rebocar o veículo, o órgão notifica, em caráter educativo, o proprietário para que ele mesmo possa retirá-lo em um prazo máximo de cinco dias. Não sendo recolhido, o veículo é levado para o depósito do órgão onde só poderá ser liberado mediante pagamento das despesas de remoção e estadia, bem como outros encargos já previstos. Decorrido o prazo de 60 dias contados a partir da remoção do veículo, o mesmo irá a leilão.

O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) não prevê multa para os casos de abandono, exceto quando o veículo estiver cometendo infração, ou seja, estacionado em local proibido.

A medida resolve um problema antigo. Até 2018, as remoções só eram realizadas quando os veículos abandonados estavam estacionados em locais proibidos pela sinalização. "Às vezes você via um carro com sinal claro de abandono, mas não podia fazer nada porque ele não estava cometendo nenhuma infração de trânsito. Com essa legislação temos garantido mais fluidez nos espaços públicos, além de prevenir doenças e situações inseguras”, esclarece o superintendente da AMC, Arcelino Lima.

Os usuários que desejarem denunciar veículos nestas condições devem entrar em contato com o órgão, formalizando processo em uma das centrais de atendimento ou por meio do aplicativo AMC Móvel. As operações são contínuas e acontecem diariamente em todas as áreas da Cidade.

Publicado em Mobilidade
Avenida Leste Oeste
Em virtude do evento, a Av. Leste-Oeste será interditada a partir de 13h em ambos os sentidos
Religiosos devem se reunir em nome da fé na 17ª Caminhada com Maria, realizada nesta quinta-feira (15/08), data em que é celebrado o dia de Nossa Senhora da Assunção, padroeira de Fortaleza. O evento, que já faz parte do calendário católico da Cidade, contará com o apoio da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) para garantir o controle do tráfego e a segurança dos fiéis. Serão disponibilizados aproximadamente 220 agentes do órgão e orientadores de trânsito.
 
A operação será iniciada às 6h com o isolamento do Santuário de Nossa Senhora da Assunção, no bairro Vila Velha, onde acontece a concentração. Após a saída do cortejo, previsto para 14h, batedores e viaturas do órgão acompanharão a procissão que sairá do santuário em direção à Catedral Metropolitana, no Centro, realizando bloqueios temporários e desvios necessários de acordo com o avanço da caminhada.
 
Em virtude do evento, a Av. Leste-Oeste será interditada a partir de 13h em ambos os sentidos com bloqueios ao longo das ruas Estevão de Campos, Gomes Passos, Jacinto Matos e Filomeno Gomes.
 
A AMC orienta que os veículos evitem trafegar na Av. Leste-Oeste e vias adjacentes no período de 13 às 20h. O tráfego será liberado à medida que a caminhada for prosseguindo. Ao chegar na Catedral, agentes de trânsito promoverão o isolamento das ruas de acesso onde ocorrerá a missa campa e permanecerão no local até a dispersão total do público.
 
Ônibus disponíveis
 
A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) reforçará a frota de ônibus para o evento religioso com 74 coletivos extras distribuídos nos terminais Messejana, Siqueira, Parangaba, Conjunto Ceará, Antônio Bezerra e Papicu, na Praça da Estação e na Praça do Coração de Jesus, a partir de 8 horas da manhã até meia-noite.
 
A partir de 18h, 20 ônibus estarão concentrados na Praça da Estação e três na Praça Coração de Jesus, para fazer o percurso do público de volta para casa.
 
Publicado em Mobilidade
operários numa obra
A Av. Alberto Craveiro passará a contar com um novo sistema de drenagem, próximo ao Makro, ponto crítico de alagamento durante o período chuvoso

Para dar continuidade às obras do viaduto da Av. Alberto Craveiro, no Castelão, a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) informa que, na manhã da próxima segunda-feira (05/08), haverá a interdição de pista na Av. Alberto Craveiro, no sentido Aldeota-Castelão, entre a alça do viaduto da CE 401 (Av. Senador Carlos Jereissati) e a R. Pedro Dantas. A medida é necessária para viabilizar o início das obras de drenagem na via, que terá a duração de 30 dias.

Em virtude das obras, a AMC orienta que os condutores que trafegam na Av. Senador Carlos Jereissati em direção ao Castelão, no sentido Oeste-Sul, deverão dobrar à direita na R. Neném Gonçalves, à esquerda na R. Pedro Dantas e à direita na Av. Alberto Craveiro. Já para quem vem da Av. Raul Barbosa em direção ao Castelão deve seguir no contrafluxo da Av. Alberto Craveiro, entre a alça do viaduto e a R. Pedro Dantas. É importante ressaltar que a pista da Alberto Craveiro, no sentido Castelão-Aldeota, funcionará como mão dupla contemplando os dois sentidos.

Confira o mapa da interdição

A Secretaria Regional VI informa que agentes da Célula de Participação Social realizam um trabalho de mobilização nas casas dos moradores do bairro para orientar sobre as intervenções na área. Na oportunidade são entregues panfletos com sugestões de rotas alternativas.

Sobre a obra

A Av. Alberto Craveiro passará a contar com um novo sistema de drenagem, próximo ao Makro, ponto crítico de alagamento durante o período chuvoso. A construção da nova galeria de drenagem e a elevação da pista irão facilitar no escoamento da água em direção ao Riacho Martinho. A principal via de acesso à Arena Castelão também passará por obras de requalificação com a construção de calçadas, ciclovia e pavimentação asfáltica.

Publicado em Infraestrutura

A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) intensificará, a partir desta quinta-feira (01/08), o controle de tráfego no entorno das principais instituições de ensino para garantir a segurança durante o embarque e desembarque de alunos, no início do período letivo. A operação tem como objetivo disciplinar o acesso às escolas, assegurando o respeito às normas de circulação e fluidez viária.

Durante a ação, haverá uma atenção especial à conduta dos passageiros quanto ao uso do cinto de segurança, da cadeirinha, bebê conforto, assento de elevação, manobras de conversão e uso do celular. Além disso, serão coibidas infrações de estacionamentos irregulares que acabam comprometendo a fluidez do trânsito no entorno das escolas.

Por dia, três escolas receberão a visita dos agentes do órgão, de 6h às 8h e de 11h às 12h, distribuídos em viaturas, motocicletas ou posto fixos, tendo como base os registros da Central de Atendimentos da AMC ou por meio de denúncias formalizadas pelos cidadãos fortalezenses.

As instituições interessadas em receber o apoio da AMC na organização do trânsito pode solicitar por meio de ofício em uma das centrais de atendimento do órgão (Shoppings Benfica, RioMar e Del Paseo), além do Vaput-Vupt de Messejana e do Antônio Bezerra. Ao receber a demanda, a Autarquia planejará o atendimento, tendo como objetivo principal um trânsito mais seguro e fluido para todos.

Abertura do 2º semestre letivo de 2019

Os alunos da Rede Municipal de ensino iniciam o 2º semestre letivo de 2019. nesta quinta-feira (01/08). As atividades escolares ocorrem em 573 unidades, atendendo mais de 221 mil estudantes do Infantil I ao 9º ano e Educação de Jovens e Adultos (EJA).

Saiba mais sobre a abertura do semestre letivo da Rede Municipal.

Publicado em Mobilidade
Três agentes de trânsito sinalizando para carros
A orientação para quem segue na Rua Frederico Borges é dobrar à esquerda na Rua Ana Bilhar, à direita na Av. Virgílio Távora e à direita na Av. Antônio Justa

A Prefeitura de Fortaleza informa, por meio da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), que realizará a interdição da Rua Frederico Borges, no bairro Varjota, a partir desta quinta-feira (01/08), no trecho compreendido entre a rua Ana Bilhar e a Av. Antônio Justa. O bloqueio será necessário para a continuação das obras do Polo Gastronômico da Varjota, que teve início com a construção de uma galeria de drenagem nas ruas Castro Monte e Tavares Coutinho, e que seguem agora com os serviços de urbanização da Rua Frederico Borges.

Confira o mapa de desvio

As intervenções contemplam toda a revitalização da via com a substituição da pavimentação asfáltica por piso em blocos de concreto, construção de novas calçadas, ciclofaixas e passagens elevadas para pedestres.

Os serviços, especificamente neste trecho, terão duração de 40 dias e contarão com o suporte operacional dos agentes da AMC. A orientação para quem segue na Rua Frederico Borges é dobrar à esquerda na Rua Ana Bilhar, à direita na Av. Virgílio Távora e à direita na Av. Antônio Justa.

Durante esta semana, a equipe de articulação da Secretaria Regional II estará na região informando sobre o início das obras, dando suporte com orientações e auxiliando os moradores e comerciantes quanto ao bloqueio que será estabelecido temporariamente no local.

Sobre a obra

O projeto do Polo Gastronômico da Varjota prevê a urbanização de 1,5 km das ruas Ana Bilhar e Frederico Borges, oferecendo novas vias com calçadas padronizadas e mobiliários urbanos em todo o quadrilátero da Varjota, melhorando o acesso aos mais de 110 estabelecimentos da região e fortalecendo o turismo local.

A região passará a contar, ainda, com intervenções urbanísticas como a instalação de parklets, paraciclos, jardineiras, arborização e nova iluminação. Orçadas em R$ 13 milhões, as obras têm conclusão prevista para abril de 2020.

Publicado em Infraestrutura

Em alusão ao Dia Nacional do Motociclista, comemorado no dia 27 de julho, a Prefeitura de Fortaleza programou, por meio da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), uma semana de ações educativas direcionadas aos condutores e passageiros de motocicletas que são os agentes mais vulneráveis a acidentes de trânsito.

A abertura acontece nesta segunda-feira (29/07) com o projeto “Motociclista Prudente: quem é consciente não se envolve em acidente”. A abordagem se inicia na Av. Luciano Carneiro, na altura do número 345, mas se repete durante toda a semana em locais diferentes. Confira a programação:

  • Segunda-feira (29/07)

    9h - Av. Luciano Carneiro, 345

    14h - Faixa de retenção no cruzamento das avenidas Duque de Caxias X Dom Manuel.

  • Terça-Feira (30/07)

    9h – Rua Antônio Justa, 3180

    14h – Faixa de retenção no cruzamento das avenidas Almirante Jaceguai X Pessoa Anta.

  • Quarta-feira (31/07)

    9h – Mobilização com motociclistas na Rua Clarindo de Queiroz (entre a Rua Senador Pompeu e a Av. Tristão Gonçalves)

    14h – Faixa de retenção na rotatória da Av. Aguanambi.

  • Quinta-Feira (01/08)

    9h – Praça das Flores

    14h – Faixa de retenção no cruzamento das avenidas Rogaciano Leite x Chanceler Edson Queiroz.

  • Sexta-Feira (02/08)

    9h – Av. Rogaciano Leite,  20

    14h – Faixa de retenção no cruzamento das avenidas Oliveira Paiva X Desembargador Gonzaga.

Na oportunidade, os condutores receberão informativos para utilizar os equipamentos de uso obrigatório e consequentemente prevenir colisões. O principal objetivo é alertar quanto ao uso do capacete de segurança, que quando afivelado corretamente, reduz em até 40% o número de mortes e em 70% a probabilidade de lesões graves.

Redução de acidentes fatais

Considerado um dos agentes mais vulneráveis a acidentes de trânsito, o motociclista é priorizado nas diversas ações da AMC. Além das campanhas educativas, foram implantadas faixas de retenção nos cruzamentos e a fiscalização vem sendo intensificada para evitar riscos de conflitos veiculares e atropelamentos. De 2018 para 2016, o número de acidentes fatais envolvendo esse modal caiu cerca de 30%. Apesar da redução, ocupantes de motocicleta ainda são as principais vítimas.

Publicado em Mobilidade

Além de maior agilidade nas viagens, deslocar-se por Fortaleza de ônibus está cada vez mais seguro. É o que aponta levantamento realizado pela Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC). No primeiro trimestre deste ano, o quantitativo de acidentes envolvendo coletivos reduziu 76% quando comparado com igual período do triênio 2016-2018. O número de colisões apenas com danos materiais caiu de 222 para 54.

Segundo o estudo, foi registrada ainda queda de 35% no número de acidentes com vítimas feridas que reduziu de 115 para 75. No que se refere a acidentes fatais considerando esse modal a redução foi de 25%. A diminuição dos índices é reflexo da política desenvolvida pela Prefeitura de Fortaleza, com apoio da Iniciativa Bloomberg de Segurança Viária Global, que consiste na priorização do transporte público, capacitação e reciclagem dos motoristas, campanhas educativas e fiscalização efetiva.

“Cerca de um milhão de pessoas que utilizam ônibus diariamente vêm sendo priorizadas por medidas que garantem a segurança e ainda reduz o tempo de percurso nas viagens dos coletivos. A implantação de faixas exclusivas, por exemplo, não só aumenta a velocidade operacional como reduz os conflitos com os demais veículos”, explica o vice-presidente da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), Antônio Ferreira.

Hoje, Fortaleza conta com 111,4 km de faixas exclusivas de ônibus e o principal objetivo deste sistema é priorizar o transporte público, proporcionando diversas vantagens aos usuários, como o aumento da velocidade operacional, previsibilidade do tempo de viagem, redução no consumo de combustíveis e de emissão de gases poluentes.

Outra iniciativa que tem contribuído para a redução de acidentes é a adesivagem de ponto cego para alertar pedestres, ciclistas e motociclistas sobre a visibilidade no veículo. Esses adesivos ajudam as pessoas a se posicionar melhor e facilita a compreensão sobre a visibilidade dos motoristas de ônibus em pontos específicos no exterior dos coletivos.

Para o gerente de operação e fiscalização da AMC, Disraelli Brasil, a redução também está relacionada com a readequação de velocidade em vias de grande tráfego como a Osório de Paiva e Leste-Oeste. “O excesso de velocidade é um dos principais fatores de risco de acidentes de trânsito. À medida que se readequa o limite máximo, o condutor tem mais chance de reação a imprevistos que possam surgir”, explica.

Publicado em Mobilidade

Em atendimento à solicitação de alunos e professores da Escola de Ensino Fundamental Ademir Martins, a Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) implantará um novo semáforo no cruzamento da Av. Francisco Sá com Rua Irapuã, na Barra do Ceará. O equipamento começa a operar neste sábado (27/07) e contará com estágio exclusivo de pedestres para aumentar a segurança durante a travessia.

O semáforo será instalado após a realização de estudo técnico que analisou o fluxo de veículos e pedestres, além dos riscos de acidentes. Ao longo do ano passado foram registradas três colisões com vítimas neste local. Com essa implantação, Fortaleza passa a dispôr de 941 cruzamentos semaforizados.

Parangaba

Desde a última quarta-feira (24/07), os transeuntes podem se deslocar com mais segurança na região da Parangaba. Isso porque a AMC colocou em funcionamento um semáforo exclusivo para pedestres na Rua Eduardo Perdigão, em frente ao Terminal. A medida atende à solicitação dos populares que relataram dificuldade ao realizar a travessia. O equipamento conta com botoeira sonora para auxiliar o deslocamento de deficientes visuais.

 

Publicado em Mobilidade

A Prefeitura de Fortaleza preparou, por meio da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) e da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), um planejamento de mobilidade para o Fortal 2019. O Carnaval fora de época, que acontece entre os dias 25 e 28 de julho, contará com uma operação especial de trânsito e de transporte público coletivo para facilitar o acesso dos foliões.

Durante os quatro dias de evento, a operação de trânsito será iniciada a partir de meio-dia com o monitoramento do tráfego e a coibição de estacionamento irregular na Avenida Aldy Mentor e nas principais rotas de chegada e saída da Cidade Fortal. Um efetivo diário composto por cerca de 100 agentes e orientadores de tráfego irão trabalhar em conjunto para otimizar o deslocamento do público.

Como não está prevista nenhuma interdição viária, os condutores poderão deixar seus veículos no estacionamento privado disponível no próprio local do evento. Dependendo da estimativa do público, a AMC poderá desviar o tráfego da Av. das Castanholeiras para a Av. Santos Dumont no intuito de desafogar o trânsito.

A AMC orienta ainda que os foliões utilizem táxi ou transporte coletivo para chegar à Cidade Fortal e alerta aos que optarem por utilizar veículo particular que não dirijam sob efeito de álcool, estacionem apenas em locais permitidos e saiam de casa com antecedência para evitar transtornos.

Frota de Ônibus

A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) disponibilizará 34 ônibus extras para a operação de transporte público coletivo durante o Fortal 2019. O acesso ao evento será facilitado por meio da linha especial, bem como a maior oferta de linhas que serão prolongadas ou estendidas para atender ao evento.

A linha especial 840 - Papicu/Fortal entra em operação a fim de atender a demanda, interligando o Terminal do Papicu e a Cidade Fortal. A operação começará a partir de 14 horas e os ônibus da linha especial ficarão à disposição do controle operacional do Terminal do Papicu.

Nos dias do evento, a Etufor ampliará os horários de onze linhas (confira abaixo) e prolongará o itinerário de três linhas em direção à Cidade Fortal: 831 - Papicu/Hospital Geral/Cidade 2000; 832 - Papicu/Cidade 2000 e a 833 - Cidade 2000/Centro.

Prolongamentos provisórios dos horários de 11 (onze) linhas nos dias de evento:

027 - Siqueira/Papicu/Aeroporto

028 - Antônio Bezerra/Papicu

030 - Siqueira/Papicu/13 de Maio

041 - Parangaba / Oliveira Paiva / Papicu

042 - Antônio Bezerra/Francisco Sá/Papicu

045 - Cj Ceará/Papicu/Montese

051 - Grande Circular I

052 - Grande Circular II

076 - Cj Ceará/Aldeota

092 - Antônio Bezerra / Papicu / Praia de Iracema

804 - Aldeota

Os veículos das linhas abaixo deverão cumprir o prolongamento de itinerário:

831- Papicu/Hospital Geral/Cidade 2000

832- Papicu/Cidade 2000

833- Cidade 2000/Centro

Linhas corujões que atendem no horário de 00h às 04h e integram no Terminal do Papicu:

023 – Corujão/Edson Queiroz/Papicu

034 – Corujão/Av. Paranjana I

035 – Corujão/Av. Paranjana II

036 – Corujão/Conjunto Ceará/Montese

037 – Corujão/Conjunto Ceará/Aldeota

048 – Corujão/Parangaba/Papicu

054 – Corujão / Praia do Futuro / Caça e Pesca

055 – Corujão / Grande Circular I

056 – Corujão / Grande Circular II

Publicado em Mobilidade

A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) e a Defesa Civil iniciam o bloqueio temporário do tráfego de veículos e de pedestres na Avenida Rui Barbosa, no trecho compreendido entre as Avenidas Historiador Raimundo Girão e Beira-Mar. O bloqueio vai ocorrer em virtude do descarregamento do material para início das obras de engorda do novo aterro da Avenida Beira-Mar.

Confira o mapa com o bloqueio

Outro ponto de bloqueio é na Avenida Beira-Mar, entre as Avenidas Barão de Studart e Rui Barbosa. A intervenção será realizada entre os dias 18 e 30 de julho, das 9 às 16h e das 23 às 5 horas.

O bloqueio temporário acontece em função da descarga dos contentores e tubos flutuantes que serão utilizados na execução da obra que será executada a partir do mês de agosto. Para o trabalho, serão utilizados veículos pesados como carretas, guindastes e empilhadoras.

A operação conta, ainda, com o apoio da Secretaria Regional II, Secretaria Municipal de Segurança Cidadã, Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seinf) e Secretaria de Conservação e Serviços Públicos (SCSP).

Apesar da alteração de circulação, estará garantido o acesso local para moradores com a presença dos agentes de trânsito e da Defesa Civil que darão suporte operacional à intervenção. Os órgãos municipais orientam que os condutores evitem o trecho bloqueado.

Obra

As obras preveem a engorda de aproximadamente 80 metros da faixa de praia, com 1,2 km de extensão, no trecho que corresponde a toda faixa de areia existente entre os espigões da Avenida Rui Barbosa até a Avenida Desembargador Moreira.

As intervenções, que consistem na recomposição da engorda do aterro existente na Praia de Iracema e a criação de um novo aterro entre as Avenidas Rui Barbosa e Desembargador Moreira, e resultarão, juntas, em cerca de 2 km de engorda, uma área que equivale a quase 18 quarteirões. O cronograma de obra para a conclusão do novo aterro é agosto de 2020, o mesmo das obras de requalificação da Avenida Beira-Mar.

 

Publicado em Mobilidade
Página 1 de 15