O lançamento da Operação Inverno 2022 da Prefeitura de Fortaleza ocorre nesta segunda-feira (13/12), a partir das 8h30, com coletiva de imprensa no auditório da Secretaria Municipal da Saúde (SMS). A ação antecede o período da quadra chuvosa de 2022 com o objetivo de intensificar a prevenção e o controle das doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti e envolverá cerca de 1.100 profissionais da Vigilância Ambiental de Fortaleza.

Durante o lançamento, será apresentado o 4º Levantamento de Índice Rápido Amostral para Aedes aegypti (LIRAa) referente ao ano de 2021. A metodologia do estudo, promovido pelo Ministério da Saúde, objetiva fortalecer o controle de ações contra o mosquito vetor de arboviroses, como dengue, zika vírus e febre chikungunya.

Lançamento Operação Inverno 2022
Data: 13/12 (segunda-feira)
Horário: 8h30
Local: Auditório da SMS (Rua Barão do Rio Branco, 910 – Centro)

Publicado em Saúde

A Prefeitura de Fortaleza potencializa, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), as operações educativas e de enfrentamento às arboviroses, ao longo desta semana, de terça a sexta-feira (15 a 18/06), em 14 bairros considerados com maior índice de notificação de casos suspeitos de dengue.

As ações serão realizadas pelos agentes de combate às endemias, em parceria com os mobilizadores sociais do Núcleo de Educação em Saúde e Mobilização Social, e vão acontecer nos bairros: Cristo Redentor, Monte Castelo, Barra do Ceará, Vicente Pinzon, Bonsucesso, Conjunto Ceará, Panamericano, Serrinha, Itaperi, Parque São José, Parque Santa Rosa, Bom Jardim, Granja Lisboa e Parque Dois Irmãos.

Além das atividades focais de eliminação de criadouros e focos do Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Zika e Chikungunya, as equipes vão realizar blitze com abordagem educativa sobre as medidas de prevenção, implantação e monitoramento de brigadas, controle químico com máquinas portáteis e borrifação residual nos pontos estratégicos, entre outras.

Situação epidemiológica

De janeiro a maio de 2021, Fortaleza registrou 2.817 casos confirmados de dengue, o que representa uma redução de 40%, comparado ao mesmo período do ano anterior.

No entanto, conforme alertou Atualpa Soares, gerente da Célula de Vigilância Ambiental e de Riscos Biológicos da SMS, mesmo a Capital tendo registado essa importante queda, “a população, assim como o poder público, deve permanecer em sinal de alerta e reforçar, cada vez mais, todos os cuidados que já vêm sendo adotados no combate às arboviroses”.

Publicado em Saúde
arte com texto

A Prefeitura de Fortaleza continua intensificando as ações da Operação Inverno 2021 para combater o Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, e roedores, vetor da leptospirose. Nesta sexta-feira (15/01), a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) realiza, a partir das 8h, um grande mutirão de prevenção e controle, no bairro Bom Jardim (Regional V), uma das localidades com grande incidência de casos.

A previsão é que 3.699 imóveis sejam vistoriados, contemplando cerca de 8.908 moradores. Dentre as ações programadas, estão visitas domiciliares, blitze educativas, controle de roedores (desratização), controle químico e remoção de resíduos sólidos.

O mutirão envolve aproximadamente 135 profissionais da Vigilância Ambiental de Fortaleza, que seguirão os protocolos e recomendações de prevenção e controle da Covid-19, como distanciamento social, uso de máscaras e demais equipamentos de proteção individual. As equipes serão divididas em grupos de modo a evitar aglomerações, e as visitas seguirão uma metodologia de segurança para não expor a população que será beneficiada com a ação.

O coordenador Nélio Moraes reforça que o cuidado precisa ser permanente. “Os moradores devem sempre vistoriar os seus quintais, eliminando toda água parada nos recipientes que possam acumular essa água. É fundamental a conscientização e a mobilização de todos, não permitindo que o mosquito encontre ambientes propícios para se reproduzir”, explica. Ele ainda destaca que as ações da Operação Inverno começaram em novembro do ano passado. No total, já foram 394.883 imóveis vistoriados, 9.872 quarteirões trabalhados, 536 focos do Aedes aegypti eliminados, 5.816 inspeções realizadas em pontos estratégicos, entre outras atividades, visando minimizar os efeitos da leptospirose.

O próximo mutirão está previsto para acontecer ainda este mês, no bairro Vicente Pinzon, na Regional II.

A secretária de Saúde, Ana Estela Leite, fala sobre as ações do mutirão e como a população pode colaborar:

Comitê da Quadra Chuvosa

Na última segunda-feira (11/01), o prefeito José Sarto apresentou, em coletiva de imprensa, o plano preventivo direcionado à quadra chuvosa deste ano. O Comitê da Quadra Chuvosa é composto por representantes de órgãos municipais e estaduais relacionados ao tema: o secretário da Gestão Regional (Seger), João Pupo; o coordenador da Defesa Civil, Régis Tavares; o secretário da Segurança Cidadã (Sesec), Coronel Holanda; o secretário da Conservação e dos Serviços Públicos (SCSP), Ferruccio Feitosa; o secretário dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS), Cláudio Pinho; a superintendente da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), Juliana Coelho; o secretário municipal da Infraestrutura (Seinf), Samuel Dias; a secretária da Saúde, Ana Estela Leite; além do presidente da Companhia de Água e Esgoto do Estado do Ceará (Cagece), Neuri Freitas; e do presidente da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), Eduardo Sávio.

Saiba mais sobre as medidas previstas 

Serviço:
Mutirão no Bom Jardim
Data: 15/01 (sexta-feira)
Horário: 8h
Local de concentração: Praça do Parque Santa Cecília (Av. Virgílio Nogueira, s/n - Bom Jardim)

Publicado em Saúde

A Prefeitura de Fortaleza apresenta, nesta terça-feira (21/01), às 14 horas, no Paço Municipal, durante coletiva de imprensa o Plano Municipal de Enfrentamento às Arboviroses para o ano de 2020.

A estratégia busca garantir a execução das ações definidas pelos membros do Comitê Intersetorial de Enfrentamento às Arboviroses, que elaborou o plano de contingência estipulado para este ano e que será apresentado aos profissionais de imprensa.

De acordo com as previsões do Ministério da Saúde, existe a possibilidade de surto de dengue, a partir do mês de março, nos estados do Nordeste, assim como Espírito Santo e Rio de Janeiro.

Serviço:
Coletiva de Imprensa sobre Plano Municipal de Enfrentamento às Arboviroses 2020
Data: 21/01 (terça-feira)
Horário: 14 horas
Local: Auditório do Paço Municipal (Rua São José, 01 – Centro)

 

Publicado em Saúde
mulher mostra um cartaz para uma criança
Exposição educativa do ciclo biológico do mosquito faz parte do mutirão

O primeiro mutirão da Operação Inverno 2020 da Prefeitura de Fortaleza ocorre nesta sexta-feira (18/10), das 8h às 12h, no bairro Mondubim (Regional V). A ação da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) antecede o período da quadra chuvosa de 2020 com o objetivo de intensificar a prevenção e o controle das doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti e envolverá 1.200 profissionais da Vigilância Ambiental de Fortaleza, que irão realizar visitas domiciliares em um raio de 179 quarteirões.

A concentração está programada para iniciar no Cuca Mondubim, com exposição educativa do ciclo biológico do mosquito. Haverá ainda teatro de fantoche na escola municipal Maria Bezerra Quevedo, divulgação de panfletos e abordagem dialogada. Está prevista fiscalização sanitária em pontos estratégicos, integrada com a Agência de Fiscalização de Fortaleza (Agefis), e desratização, dentre outros serviços.

Até dezembro, estão previstos ainda quatro mutirões municipais nos bairros com histórico de casos de arboviroses e 25 mutirões regionais. Serão realizadas cerca de 700 mil visitas domiciliares, exposições educativas, inspeção semanal nos postos de saúde e recolhimento de resíduos sólidos. A operação quintal limpo vai percorrer 30 bairros selecionados. O próximo mutirão está marcado para o dia 31 de outubro, no bairro Serrinha (Regional IV).

De janeiro a setembro, ocorreram 1.498.637 visitas domiciliares e 32.517 focos foram eliminados. A inspeção em pontos estratégicos chegou à marca de 23.246, além do recolhimento de 920 toneladas de resíduos sólidos. O fumacê pulverizou inseticida em 6.456 quarteirões.

Serviço
Mutirão da Operação Inverno 2020
Data: 18/10 (sexta-feira)
Horário: a partir das 8h
Local: Cuca Mondubim - concentração (Rua Marlúcia, s/n)

Publicado em Saúde
Três agentes de endemias analisam vaso de água
Será realizado o balanço quadrimestral deste ano e a descrição das ações já implementadas na Capital

O prefeito Roberto Cláudio apresenta, nesta sexta-feira (03/05), às 10h30, no Paço Municipal, os dados e estratégias que resultaram na redução de 49,7% dos casos de arboviroses em 2019. Na oportunidade, haverá ainda a exposição do balanço quadrimestral deste ano e as ações já implementadas na Capital.

De acordo com o Ministério da Saúde, foi registrado um aumento de 264% dos casos de dengue em todo o país, enquanto Fortaleza mostrou um cenário oposto do que acontece no Brasil e registrou uma redução histórica dos casos de dengue, chikungunya e zika nos últimos anos.

Serviço:
Apresentação dos dados e balanço quadrimestral das arboviroses 2019
Data: 03/05 (sexta-feira)
Horário: 10h30
Local: Paço Municipal (Rua São José, 01 - Centro)

Publicado em Saúde

A Secretaria Municipal da Educação (SME) de Fortaleza, em parceria com a Secretaria Municipal da Saúde (SMS), entrega, nesta quinta-feira (25/04), às 14h, na Escola Municipal Reitor Martins Filho, na Granja Portugal (Distrito 5), o Selo Escola Amiga da Saúde 2018 para 323 escolas da Rede Municipal. Na ocasião, também haverá o lançamento do plano de ações de prevenção e combate às arboviroses que será executado na Rede em 2019.

O Selo Escola Amiga da Saúde tem como objetivo fomentar a participação das crianças, adolescentes, educadores e sociedade civil nas ações de mobilização, conscientização e prevenção às arboviroses, reconhecendo e divulgando as melhores iniciativas e trabalhos artísticos e culturais produzidos pelos alunos e educadores envolvidos nas ações de combate às arboviroses no município de Fortaleza.

Para adquirir o selo, foram inscritas 468 unidades escolares da Rede Municipal, distribuídas pelos seis Distritos de Educação em 2018. Em 2017, foram 334 inscrições e 137 escolas contempladas com o selo. As atividades envolvem alunos, pais, professores e toda a comunidade escolar.

As iniciativas desenvolvidas nas escolas, além do caráter preventivo e de promoção da saúde, também estimulam o protagonismo estudantil, valorizam os conteúdos trabalhados em sala de aula e fortalecem a integração com a comunidade em geral.

Serviço
Entrega Selo Escola Amiga da Saúde para unidades da Rede Municipal
Data: 25/04 (quinta-feira)
Horário: 14h
Local: Escola Municipal Reitor Martins Filho, no bairro Granja Portugal (Endereço: Rua Teodoro de Castro, 1109 - Granja Portugal)

Publicado em Educação
Exposição do ciclo do mosquito Aedes
Em 2018 foram realizadas 37 mil e 500 abordagens educativas, atingindo mais de meio milhão de pessoas.

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Célula de Vigilância Ambiental da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), tem promovido ações educativas de combate ao Aedes aegypti em diversos bairros da capital. Nesta sexta-feira (25/01) o trabalho acontece nas barracas da Praia do Futuro, às 10 horas, e "Feirinha da Beira Mar", às 15 horas. A programação acontece desde o início da semana e já realizou atividades nas seis Regionais, envolvendo a população dos bairros como Vila Velha, Jacarecanga, Vicente Pinzón, Papicu, Praia do Futuro, Meireles, Quintino Cunha, Antônio Bezerra, Henrique Jorge, Montese, Democrito Rocha, Mondubim e Messejana. 

Durante a programação, os educadores do Núcleo de Educação em Saúde e Mobilização Social (Nesms) da SMS promovem blitz educativas em avenidas, exposição do ciclo biológico do vetor, afixação de cartazes em pontos estratégicos dos bairros visitados, distribuição e panfletagem de material informativo sobre dengue, zika vírus e chikungunya, além do incentivo de formação de brigadas em estabelecimentos públicos e privados.

Para a coordenadora do Nesms, Cilene Chaves, o período de férias acaba sendo uma oportunidade de conscientizar a população e os turistas sobre os cuidados com o mosquito. “Nesse período, intensificamos ações em praças, centros comerciais e pontos turísticos da capital com o objetivo de alertar a população para os possíveis criadouros do mosquito. A cada 10 focos encontrados, oito estão localizados nas residências. A participação da população é muito importante nesse momento”, reforçou.

No ano passado, os esforços promovidos pelo Comitê Intersetorial Municipal de Enfrentamento das Arboviroses conseguiu reduzir em 97,7% o número de casos de arboviroses. Foram realizadas 2.233.089 visitas domiciliares para controle focal, que possibilitaram eliminação de 36 mil focos do vetor, inspeção em 29.869 pontos estratégicos, 789 ações de fiscalização sanitária em parceria com a AGEFIS, 6.142 inspeções em imóveis de grande fluxo e 2.155 visitas por demanda da população. Entre as abordagens educativas, foram registradas 37.494 operações atingindo diretamente 583.572 pessoas.

Serviço
Ações educativas contra o Aedes Aegypti
Data: sexta-feira (25/01)
Hora: a partir de 10h
Local: Barracas da Praia do Futuro (Av. Clóvis Arrais Maia, 4930 - Praia do Futuro / Concentração na Barraca do Chico do Caranguejo)

Publicado em Saúde
Agente de Endemias realizando vistoria de imóvel
A realização do mutirão neste momento é estratégica, pois antecede os meses de abril e maio, período em que o registro de arboviroses é maior

A Prefeitura de Fortaleza realiza, nesta sexta-feira (16/03), mutirão com foco no combate ao Aedes aegypti, no bairro Bom Jardim. A atividade iniciará às 8h, com concentração na Praça Santo Amaro. A realização do mutirão neste momento é estratégica, pois antecede os meses de abril e maio, período em que o registro de casos de arboviroses - dengue, zika e chikungunya - é maior.

Ao longo da manhã, serão realizadas apresentações culturais e exposição educativa sobre o ciclo evolutivo do mosquito. Serão realizados também serviços de capinação, limpeza e recolhimento de pneus e outros objetos que são possíveis criadouros para o mosquito, e distribuídos sacos para o recolhimento do lixo.

Além das atividades desenvolvidas na Praça, os profissionais da Prefeitura vão desenvolver ações de tratamento focal, de controle químico e de mobilização e educação nas casas dos moradores dessa região, fazendo a identificação e a eliminação de criadouros, como também a aplicação de larvicidas; realizando a aspersão de inseticidas por meio das bombas costais; e buscando sensibilizar a população sobre a importância de cada pessoa cuidar do seu espaço. Além disso, haverá uma intensificação das brigadas de combate ao Aedes e do trabalho educativo, através de orientações, distribuição de materiais informativos e fixação de cartazes.

A operação é intersetorial e envolve, além da Secretaria Municipal da Saúde, equipes da Secretaria Regional V, Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente, Secretaria Municipal de Educação, Secretaria de Conservação e Serviços Públicos, Agência de Fiscalização de Fortaleza e Ecofor.

O Bom Jardim possui é um bairro que apresentou números significativos das doenças transmitidas pelo Aedes aegypti nos últimos anos. Em 2017, foram confirmados 652 casos de dengue e 3197 de chikungunya. Neste ano, a área contabiliza três casos notificados de dengue e nove de chikungunya, de acordo com o Boletim Epidemiológico da SMS, divulgado na última sexta-feira (09/03).

A escolha dos locais que recebem os mutirões realizados pela Prefeitura é feita a partir de critérios epidemiológicos e entomológicos. Estas áreas apresentaram, nos últimos cinco anos, maior carga de transmissão de dengue, zika e chikungunya. O próximo bairro que receberá o mutirão de combate ao mosquito Aedes é o Mondubim.

Serviço
Mutirão de combate ao Aedes aegypti no bairro Bom Jardim
Data: Sexta-feira (16/03)
Horário: 8h
Local: Praça Santo Amaro - Rua Maria Júlia com Rua Pedro Martins, Bom Jardim

Publicado em Saúde

A Prefeitura de Fortaleza lança, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), nesta quinta-feira (01/03), às 7h30, na Escola Municipal Professora Maria José Macário Coelho, no bairro Passaré, o plano de combate às arboviroses, que será executado na Rede Municipal de Ensino de Fortaleza em 2018.

Durante o evento, a secretária da Educação, Dalila Saldanha, apresentará o resultado das medidas já realizadas na Rede Municipal e anunciará as ações de combate ao mosquito Aedes aegypti, vetor da dengue, chikungunya e zika, que estão programadas nas escolas municipais e demais equipamentos vinculados à SME.

As novas iniciativas para este ano incluem a ação "Quarteirão Limpo, Vida Segura", que prevê a criação de brigadas formadas por pessoas da própria comunidade para o monitoramento dos focos nos quarteirões próximos às escolas. Também serão criadas as brigadas juvenis, que envolvem os grêmios escolares. Outra novidade é o lançamento do Selo "Turma Amiga da Saúde", que certificará as turmas com maior destaque na execução dos trabalhos de combate.

O plano de ações contemplará ainda o lançamento da 2ª edição do Selo "Escola Amiga da Saúde: Todos contra o Aedes", ação de reconhecimento às unidades que promoveram planos de ações estratégicas ao longo do ano de 2017 no combate às arboviroses; a ampliação do projeto "Detetives contra o Aedes", cujo objetivo é despertar nos alunos o espírito investigativo contra as arboviroses, com aproveitamento de conteúdos da disciplina de ciências; e a intensificação no trabalho das brigadas de vigilância, existentes em todas as unidades escolares.

Serviço
Lançamento do plano de combate às arboviroses na Rede Municipal de Ensino
Data: 1º de março (quinta-feira)
Horário: a partir de 7h30
Local: Escola Municipal Professora Maria José Macário Coelho
Endereço: Avenida Passaré, nº 530 - Passaré
(Próximo ao Supermercado Nossa Casa e atrás da Lagoa do Parque da Paz)

Publicado em Educação