Mostrando itens por tag: RegionalVI
pessoas posando para a foto de máscara e mantendo um metro de distância entre uma e outra
"Estamos esperando a decisão sanitária para o retorno às aulas e, com isso, abrir as portas e receber os novos alunos, neste espaço de aprendizado e cuidados”, declarou Roberto Cláudio

O prefeito Roberto Cláudio entregou, nesta sexta-feira (31/07), o mais novo Centro de Educação Infantil (CEI) de Fortaleza, no bairro Ancuri (Regional VI). Denominada professora Lais de Sousa Vieira Nobre, a unidade de ensino beneficiará aproximadamente 200 crianças de 1 a 5 anos de idade.

“O equipamento está sendo oficialmente entregue hoje, completamente pronto. Estamos esperando a decisão sanitária para o retorno às aulas e, com isso, abrir as portas e receber os novos alunos, neste espaço de aprendizado e cuidados”, declarou Roberto Cláudio, enfatizando a importância da manutenção das regras de distanciamento social neste período.

O novo CEI funciona em tempo integral e atenderá crianças até 3 anos de idade o dia inteiro, com cinco refeições, dando o direito a mães e pais trabalharem com a certeza de que seus filhos estarão protegidos, bem nutridos e aprendendo na idade certa. Além disso, é também pré-escola em dois turnos e seguirá com as práticas de ensino às crianças do Infantil IV e V.

A unidade de ensino dispõe de dez salas de aula, banheiros com acessibilidade, cozinha, refeitório, despensa, lavanderia com depósito para material de limpeza, fraldário, lactário, secretaria, coordenação, sala de professores, entre outros espaços. O projeto contempla, ainda, brinquedoteca (sala multiuso), área de lazer com playground e solarium. Ao todo, foram investidos R$ 3.557.604,78, oriundos do tesouro municipal.

mulher posa para a foto de máscara
Crisney Kelly de Freitas, coordenadora pedagógica, informou que já há um cadastro reserva de alunos para o novo equipamento

Crisney Kelly de Freitas, coordenadora pedagógica, informou que já há um cadastro reserva de alunos para o novo equipamento e que eles serão chamados assim que forem liberadas as aulas, que terão início de forma prudente para preservar a vida de crianças, suas famílias, além dos colaboradores do local.

A entrega faz parte de uma política de investimentos da Prefeitura de Fortaleza em prol do desenvolvimento das crianças da Capital, como explicou Dalila Saldanha. “Este é um programa de expansão que se iniciou desde a primeira gestão. Com o de hoje, foram entregues 37 equipamentos com a mesma estrutura, toda voltada para atender o desenvolvimento da nossa política educacional. Temos ainda outros 36 em execução a serem entregues”, ressaltou a Secretária da Educação.

Fortaleza tem sido referência nacional na educação infantil, no número de abertura de matrículas e na modalidade tempo integral. A ação faz parte dos investimentos da gestão Roberto Cláudio que compreende que a educação é o principal caminho para a real mudanças de vida e desenvolvimento de uma sociedade mais justa e igualitária.

Publicado em Educação
prefeito em uma rua que recebeu calçamento
O Prefeito esteve comunidade Unidos Venceremos, onde 17 vias receberão infraestrutura completa, com rede de esgoto, drenagem, pavimentação e calçadas

Na manhã desta segunda-feira (29/06), o prefeito Roberto Cláudio visitou algumas obras em execução no bairro Barroso (Regional VI). Foram vistoriadas ações de infraestrutura urbana e drenagem, além das obras de uma Escola em Tempo Integral (ETI), de um Centro de Educação Infantil (CEI) e de uma Areninha.

“Aproveitamos para acompanhar como estão algumas obras aqui no Barroso. Além disso, estamos observando se os trabalhadores estão de fato cumprindo os protocolos exigidos de segurança e proteção à própria saúde e se, efetivamente, o andamento delas está como imaginamos, com prazos garantidos. Felizmente, até agora, só encontramos boas notícias”, declarou o Prefeito.

Urbanização e Drenagem

As primeiras obras visitadas foram as de urbanização e drenagem da comunidade Unidos Venceremos. Ao todo, 17 vias locais receberão infraestrutura completa, com rede de esgoto, drenagem, pavimentação e calçadas, sonho antigo dos moradores que esperavam há mais de 40 anos por essas melhorias.

Só nessa ação serão aplicados R$ 20 milhões, compartilhados com a obra do Jardim Glória. A expectativa é que a população já possa contar com as novas infraestruturas urbanas até o final do ano, trazendo melhorias concretas na vida dos moradores daquela localidade.

Educação

Roberto Cláudio também vistoriou a construção de uma ETI que contará com 12 salas de aulas temáticas, incluindo os eixos Projeto de Vida e Protagonismo, além de três laboratórios.

pessoas visitando uma obra
A ETI visitada pelo Prefeito contará uma área total de 4.800 m²

A infraestrutura do equipamento oferecerá biblioteca, cozinha, refeitório, auditório, diretoria, secretaria, coordenação pedagógica e coordenação de área, além de sala do professor diretor de turma, sala dos professores, pátio com projeto paisagístico, ginásio (com quadra poliesportiva coberta, arquibancadas e alambrados), vestiários e depósitos.

O equipamento contará uma área total de 4.800 m², sendo 3.906,08 m² construída e investimentos de R$ 8.639.239,81, com recursos federal e do CAF.

Já o novo CEI do Barroso terá 10 salas de aula, banheiros com acessibilidade, cozinha, refeitório, despensa, lavanderia com depósito para material de limpeza, fraldário, lactário, secretaria, coordenação, sala de professores, entre outros espaços.

O projeto contempla, ainda, brinquedoteca (sala multiuso), área de lazer com playground e solarium. Ao todo, a obra custará R$ 2.599.928,38.

Esporte e Lazer

Por último, Roberto Cláudio seguiu para as instalações da Areninha Violeta. O equipamento, que já está em fase avançada, contará com área total de 4.865,78 m², sendo 3.477,72 m² só de campo com gramado sintético, arquibancadas, refletores, vestiários, projeto paisagístico e mobiliários urbanos, além de bicicletário. Ao todo, serão investidos R$ 986.624,68.

No local, ele lembrou que, embora em fase final, alguns equipamentos de esporte e lazer só serão inaugurados quando não houver mais necessidade de isolamento social, compreendendo que eles podem aglomerar pessoas e disseminar a pandemia do coronavírus.

Publicado em Infraestrutura