A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (UrbFor), promove o 1º São João na Floresta, o Arraiá do Horto Florestal Municipal Falconete Fialho, no próximo sábado (23/06) das 10h às 12h. O evento, com entrada gratuita, contará com a participação da Banda Integração da Guarda Municipal de Fortaleza e muita diversão. 

Além disso, excepcionalmente neste sábado, durante o evento, haverá a doação de até três mudas, por pessoa, entre ornamentais e medicinais. O traje típico não é obrigatório.

Serviço
Arraiá do Horto Florestal Falconete Fialho
Data: Sábado (23/06)
Horário: 10h às 12h
Endereço: Av. dos Paroáras, 100 (Entrada pelo Zoológico Av. Prudente Brasil, 685, Passaré)

Publicado em Meio ambiente

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (UrbFor), realiza na próxima sexta-feira (15/06) a 2ª edição do Projeto Pôr do Sol no Parque. O evento acontece no Parque da Liberdade, mais conhecido como Parque da Criança, ponto histórico e cultural do Centro da cidade, das 15h30 às 17h30. A proposta é convidar a população a ocupar os parques públicos da Cidade como opção de lazer e diversão para toda a família.

Dentre as atrações haverá apresentação musical da Banda Integração da Guarda Municipal de Fortaleza, ação de conscientização sobre as Arboviroses, promovida pela Secretaria Municipal de Saúde, além de doação de mudas das mais diversas espécies por parte da UrbFor.

O superintendente do órgão, Regis Tavares, destaca que o projeto segue para a segunda edição, “a ideia é que o evento aconteça a cada 15 dias. Estamos buscando parceiras para trazer novas atrações, possibilitando assim a consolidação do projeto”, pontua Tavares.

As próximas edições do projeto Pôr do Sol no Parque estão previstas para o Parque Parreão, no Bairro de Fátima (13/07), e para o Parque da Lagoa do Opaia, no bairro Vila União (27/07).

Serviço
Projeto Pôr do Sol no Parque
Data: sexta-feira (15/06)
Horário: das 15h30 às 17h30
Endereço: Parque da Criança, R. Pedro I, s/n – Centro

Publicado em Meio ambiente
Imagem de funcionário efetuando a poda de uma árvore
O serviço é feito de forma preventiva, diariamente, por toda a Cidade

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (Urbfor), realizou 5.760 serviços de poda, corte e recolhimento de árvores nos primeiros cinco meses de 2018. Desse total, 5.188 foram referentes a poda, 318 a corte e 254 a recolhimento de árvores caídas. O objetivo dos serviços de poda preventiva é garantir que a planta continue saudável, evitando a eventual necessidade de corte.

A ação tem a intenção de preservar a cobertura vegetal da cidade, além de manter as vias limpas e seguras para o tráfego de pedestres e veículos, e também atender solicitações feitas pela população.

De acordo com o superintendente da UrbFor, Regis Tavares, a poda pode ser feita para contenção, quando há rede elétrica próxima, ou limpeza para retirada de galhos secos. “Nós realizamos esse trabalho de manutenção, diariamente por toda a Cidade e nos responsabilizamos também pelo transporte e destinação final dos restos da poda” comenta Tavares.

Entre locais que receberam o serviço nas últimas semanas, estão as avenidas Pedro Lasar (Cambeba), dos Paroáras (Passaré), Oliveira Paiva (Cidade dos Funcionários), N (Conjunto Prefeito José Valter), Humberto Monte (Parquelândia) e a rua Castelo de Castro (Conjunto Palmeiras).

A Urbfor esclarece que as podas são feitas de acordo com a necessidade da planta, seja para correção, manutenção, limpeza, tratamento de parasitas, desobstrução dos semáforos e placas de trânsito. Todos os serviços são orientados por uma equipe técnica qualificada, composta por engenheiros agrônomos.

Solicitações de serviços devem ser encaminhadas à Urbfor por meio da Central 156 (atendimento telefônico ou aplicativo para celular). A população também pode procurar a Regional do seu bairro. No caso de árvores caídas no período noturno, nos finais de semana e feriados, a demanda deve ser feita junto ao Corpo de Bombeiros (193). Após vistoria realizada por um engenheiro agrônomo, caso seja detectada a necessidade de poda ou corte de árvore, a Urbfor executa o procedimento. Já os casos de árvores entrelaçadas à rede elétrica ou muito próximas aos fios de energia devem ser comunicados a Enel para execução do serviço.

Publicado em Meio ambiente
Imagem do nosso canteiro de doação de mudas
As doações de mudas ocorrem de terça a sexta-feira, de 9 às 12h

A Prefeitura de Fortaleza, por meio do Horto Florestal Municipal Falconete Fialho, doou mais de 2.400 mudas para empresas e entidades distribuírem em eventos comemorativos em alusão ao Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado no dia 05 de junho.

O principal objetivo dessa ação da Prefeitura é levar às pessoas a oportunidade de realizar um plantio e ter mais contato com o verde. "A doação de mudas virou uma tradição que os fortalezenses abraçaram. Planejamos toda a ação com a felicidade de saber que as mudas levarão mais verde e mais cuidado com a natureza para a vida de cada uma dessas pessoas", afirma o superintendente da Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (UrbFor), Regis Tavares.

Entre as empresas e entidades que receberam mudas, estão Ecofor Ambiental, Extra Farma, Instituto Beatriz e Lauro Fiuza, Escola Daulia Bringel, Escola Paulo Freire, o Centro Educacional São Francisco, Metrofor, Tribunal de Justiça do Estado do Ceará, Companhia de Gás do Ceará, dentre outras.

As espécies ornamentais estão entre as mais procuradas, utilizadas para adornar jardins e interiores, como o mini lacre, jasmim branco, tumbérgia azul. Os interessados em retirar até três mudas devem se dirigir ao Horto Municipal, munidos de documento de identidade e escolher as espécies disponíveis.

Para receber a doação de mais de três mudas, o cidadão deve entrar em contato com a Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (UrbFor) pelo telefone 3131-7660. Após avaliação do pedido, as mudas são doadas.

O horário de atendimento do Horto Municipal ocorre de terça a sexta-feira das 9h às 12h para doação de mudas. Para visitação, o horário é de terça a domingo das 9h às 16h, incluindo os feriados.
Localizado no Parque Ecológico do Passaré e administrado pela UrbFor, o Horto foi fundado em 1965 em uma área de aproximadamente 8,6 hectares. O órgão responsável por produzir, cultivar e fornecer as plantas que compõem o paisagismo das ruas, avenidas e equipamentos públicos da Capital. 

Serviço:
Horto Municipal
Endereço: Avenida dos Paroáras, 100, Passaré ( entrada pelo Zoológico Municipal – Avenida Prudente Brasil, 685)
Contato: (85) 3105-2003
Horário de funcionamento: As doações de mudas ocorrem de terça a sexta-feira, de 9 às 12h. Para visitação terça a domingo, inclusive aos feriados, de 9h às 16h.

Publicado em Meio ambiente
Imagem do centeiros de mudas orçamentais do Horto Municipal
Horto Florestal Municipal Falconete Fialho realiza ações com o objetivo de racionalização do uso dos recursos do meio ambiente

Em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado no dia 5 de junho, o Horto Florestal Municipal Falconete Fialho realiza ações com o objetivo de racionalizar o uso dos recursos do meio ambiente. No decorrer da semana, cerca de 700 alunos de escolas públicas e particulares participarão de visitas guiadas ao local. Na oportunidade, além dos estudantes conhecerem o espaço, também serão orientados sobre as características de espécies nativas, frutíferas, medicinais e ornamentais apresentadas, recebendo, ao longo do caminho, orientações direcionadas à conservação do meio ambiente.

Segundo o superintendente da Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (UrbFor), Regis Tavares, a Semana do Meio Ambiente é um período que possibilita um olhar diferenciado da Cidade para suas áreas verdes. “No Horto, os alunos têm a oportunidade de ter contato com o processo de produção de mudas responsáveis pela arborização da Capital. A atividade é um exemplo real de educação e conscientização ambiental”, ressalta.

Além disso, a programação reúne diversas atividades como doação de mudas, visitas monitoras programadas, palestras, oficinas, mobilizando a todos em prol do meio ambiente.

O enceramento será na sexta-feira (08/06), com a realização de uma oficina de cultivo e preparações caseiras de plantas medicinais, onde a população terá a oportunidade de aprender a fazer diversas receitas utilizando as plantas medicinais, como por exemplo, o lambedor, utilizado popularmente para o tratamento de gripe.

Programação Completa

Terça-feira (05/06)
CAFÉ COM PALESTRA – Palestra A UrbFor e o ambiente natural de Fortaleza
Horário: 8h30
Para os servidores

Doação de Mudas
Horário: 09h às 12 h

Quarta-feira (06/06)
Doação de Mudas
Horário: 09h às 12h

Visita monitorada programada
Horários: 9h30 e 10h30

Quinta-feira (07/06)
Doação de Mudas
Horário: 09h às 12h

Sexta-feira (08/06)
Doação de Mudas
Horário: 09h às 12h

Oficina de cultivo e preparações caseiras de plantas medicinais
Horário: 09h
Local: Escola Ambiental do Horto Florestal Municipal
Aberto ao público geral
Vagas limitadas

Serviço
Horto Florestal Municipal Falconete Fialho
Endereço: Av. dos Paroáras, 100 (Entrada pelo Zoológico Av. Prudente Brasil, 685, Passaré)
Horário de funcionamento: Terça à domingo, de 09h às 16h, inclusive feriados.

Publicado em Meio ambiente

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (UrbFor), lança, na próxima sexta-feira (01/06), 1ª edição do Projeto Pôr do Sol no Parque. O evento acontece no Parque Lago Jacarey, localizado na Cidade dos Funcionários, das 15h30 às 17h30. A proposta é convidar a população a ocupar os nossos parques como opção de lazer e diversão para toda a família.

Dentre as atrações, haverá apresentação musical da Banda Integração da Guarda Municipal de Fortaleza, uma ação de conscientização sobre as Arboviroses, promovida pela Secretaria Municipal de Saúde, além de doação de mudas das mais diversas espécies por parte da UrbFor.

“Vamos levar o Projeto para diversos parques públicos da Cidade. Pelo menos duas vezes por mês, estaremos em um novo local, oferecendo para a população um momento diferenciado de descontração e bem estar para desfrutar o final do dia”, destaca Regis Tavares, superintendente da UrbFor.

As próximas edições do projeto Pôr do Sol no Parque estão previstas para o Parque da Criança, no Centro (15/06), Parque Parreão, no bairro de Fátima (13/07), e Parque da Lagoa do Opaia, no bairro Vila União (27/07).

Serviço
Projeto Pôr do Sol no Parque
Data: sexta-feira (01/06)
Horário: das 15h30 as 17h30
Endereço: Parque Lago Jacarey (Av. Viena Weyne, s/n - Cidade dos Funcionários)

Publicado em Meio ambiente
Imagem da entrada do Horto Municipal formando com palmeiras imperiais
O Horto funciona de terça a domingo, de 9h às 16h, inclusive feriados

A população de Fortaleza agora pode usufruir do Horto Florestal Municipal Falconete Fialho aos finais de semana e feriados para curtir momentos de descanso junto à natureza. Neste sábado e domingo, e em todos os outros finais de semana, o parque ficará aberto de 9h às 16h para visitação pública como mais uma opção de lazer para as famílias fortalezenses.

O equipamento está çocalizado no Parque Ecológico do Passaré em uma área de aproximadamente 8,6 hectares e o público visitante poderá aproveitar as trilhas e o espaço verde que vem recebendo melhorias dia-a-dia, além de desfrutar do parquinho infantil e da área de convivência, ideal para piqueniques.

Quem tem interesse em visitar o espaço por um passeio educativo com orientação técnica também pode contar com uma equipe disponibilizada pela Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (UrbFor), administradora do Parque, agendando horários durante a semana pelo número 3105-2004.

O superintendente da UrbFor, Regis Tavares, destaca que o Horto, na realidade, é um grande viveiro de mudas. “O Horto é responsável por produzir, cultivar e fornecer as plantas que compõem o paisagismo das ruas, avenidas e equipamentos públicos da Cidade, além de ser o local onde as plantas que a Prefeitura recebe como compensação ambiental ganham os cuidados necessários para serem posteriormente plantadas nas ruas”.

Para receber a população, o local passou por ajustes de gestão que resultaram num aumento recorde de produção, que praticamente dobrou de 2016 para 2017, passando de 67 mil para mais de 132 mil mudas. Neste ano de 2018, a produção já ultrapassou de 50 mil mudas, sem qualquer aumento de despesas. Exemplo desse ajuste foi o completo redimensionamento dos canteiros de mudas.

“Nossa meta não é só disponibilizar um espaço bonito para visitação e contemplação, mas também trabalhar com a recuperação ambiental. Com as mudas que cultivamos no Horto contribuímos para recuperar ambientalmente as áreas verdes de nossa cidade”, pontua Regis Tavares.

Grupo de escoteiros

O Horto Florestal sedia as atividades do 46º Grupo de Escoteiros Sargento Prata do Ceará, que desenvolve dinâmicas como o sistema de patrulhar, pilar central do método escoteiro. As atividades acontecem todos os sábados de 13h às 16 horas.

A coordenadora do grupo de escoteiros, Jamille Soares de Oliveira, explica que os jovens  também têm atividades educacionais, como por exemplo, a ajuda na requalificação de praças. “O objetivo do movimento escoteiro é preparar o jovem para ser um adulto melhor”, afirma. 

Serviço
Horto Municipal Falconete Filaho
Endereço: Av. dos Paroáras, 100 (Entrada pelo Zoológico Av. Prudente Brasil, 685, Passaré)
Horário de funcionamento: Terça a domingo, de 9h às 16h, inclusive feriados
Acesso gratuito

Publicado em Meio ambiente
Caminho do parque Rio Branco
Os frequentadores receberam mudas e apreciaram uma boa música

Na última terça-feira (22/05), o Parque Rio Branco foi palco da comemoração alusiva ao Dia Internacional da Biodiversidade, promovido pela Prefeitura de Fortaleza, por meio da Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (UrbFor). Ações como doações de mudas de plantas, atividades físicas de baixo impacto para os idosos e conscientização contra o abandono de animais foram abertas para os visitantes, além da apresentação da Banda Integração da Guarda Municipal. “Ainda há uma carência de informações sobre o cuidado sobre a natureza e com os animais. Eventos, como este, fazem a população refletir e conscientizar-se sobre o tema”, ressalta Toinha Rocha, coordenadora da Coordenadoria Especial de Proteção e Bem Estar Animal.

Já para os visitantes, a ocasião foi proveitosa e empolgante. Durante sua caminhada no Parque, Zélia Peixoto Soares, assistente social, soube da ação, foi participar e recebeu duas mudas de plantas como doação. “É muito importante conscientizar as pessoas sobre a importância da preservação das áreas verdes em Fortaleza, e do bem-estar que a natureza traz par as pessoas”, pontua Zélia.

Para Raphael Martins, biólogo e gerente de manutenção de parques da UrbFor, o evento foi muito proveitoso. “Aproveitamos o momento em que os frequentadores do parque estão fazendo sua caminhada e o tornamos ainda mais agradável para a realização das atividades físicas, além disso, os frequentadores receberam mudas e apreciaram uma boa música”, comenta.

Instituído em 1992 pela Organização das Nações Unidas (ONU), o Dia Mundial da Biodiversidade tem como objetivo alertar a população mundial sobre a importância da diversidade biológica, além da necessidade da proteção da biodiversidade em todos os ecossistemas do planeta.

Publicado em Meio ambiente
Imagem do parque Rio Branco
O evento ocorre nesta terça-feira (22/05), das 15h30 às 17h, no Parque Rio Branco

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (UrbFor), irá comemorar o Dia Internacional da Biodiversidade - 22 de Maio. A data foi instituída em 1992 pela Organização das Nações Unidas (ONU) para chamar atenção sobre a necessidade de se conservar e proteger a diversidade de vida no Planeta.

Como parte das comemorações, a UrbFor, realizará um evento nesta terça-feira (22/05), das 15h30 às 17h, no Parque Rio Branco, localizado no Bairro Joaquim Távora. Haverá apresentação musical da Banda Integração da Guarda Municipal de Fortaleza, atividades físicas de baixo impacto para os idosos, promovidas pela Coordenadoria Especial de Idosos, e uma ação de conscientização contra o abandono de animais, promovida pela Coordenadoria Especial de Proteção e Bem Estar do Animal, além de doação de mudas das mais diversas espécies por parte da UrbFor.

De acordo com o biólogo e gerente de manutenção de Parques da UrbFor, Raphael Martins, a escolha do Parque para o evento foi feita por se tratar de um local que representa um pouco da diversidade do ambiente natural em uma área urbana da cidade , “uma vez que podemos observar várias espécies de plantas e animais ao transitar pelo parque. Convidamos a todos os fortalezenses a fazer parte do evento”, ressalta.

A UrbFor é responsável por administrar os 23 Parques Públicos da Cidade, além do Zoológico Municipal Sargento Prata e do Horto Florestal Municipal Falconete Fialho, e tem como finalidade executar as políticas públicas relacionadas à conservação e manutenção do ambiente natural do Município, com foco na arborização e no paisagismo.

Localizado no bairro Joaquim Távora, o Parque Rio Branco tem a entrada principal voltada para Av. Pontes Viera, com acessos pela Rua Capitão Gustavo, Av. Visconde do Rio Branco, e Rua Castro Alves, e conta com uma área de aproximadamente 75 mil metros quadrados.

Publicado em Meio ambiente

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Autarquia de Urbanismo e Paisagismo de Fortaleza (Urbfor), realizou 4.488 serviços de poda, corte e recolhimento de árvores nos primeiros quatro meses de 2018. Desse total, 4.039 foram referentes a poda, 254 a corte e 195 a recolhimento de árvores caídas. Com as podas, há a redução dos riscos de tombamentos e quebra de galhos.

Entre locais que receberam o serviço nas ultimas semanas, estão as Avenidas Central (Cidade 2000), A e E (Conjunto Ceará), Humberto Monte (Bela Vista), Dom Manuel (Centro), Abolição (Meireles), Santos Dumont (Aldeota), Jovita Feitosa (Rodolfo Teófilo).

De acordo com o superintendente do órgão, Regis Tavares, os serviços de poda sempre se intensificam no período da quadra chuvosa. “O trabalho é preventivo para evitar possíveis danos causados por árvores que, eventualmente, possam tombar durante as chuvas”, ressalta.

A Urbfor esclarece que as podas são feitas de acordo com a necessidade da planta, seja para correção, manutenção, limpeza, tratamento de parasitas, desobstrução dos semáforos e placas de trânsito. O objetivo é garantir que a planta continue saudável. Todos os serviços são orientados por uma equipe técnica qualificada, composta por engenheiros agrônomos.

Solicitações de serviços de prevenção ou retirada da arborização das vias e logradouros públicos devem ser encaminhadas à Urbfor por meio da Central 156 (atendimento telefônico ou aplicativo para celular). A população também pode procurar a Regional do seu bairro. No caso de árvores caídas no período noturno, nos finais de semana e feriados, a demanda deve ser feita junto ao Corpo de Bombeiros (193). Após vistoria realizada por um engenheiro agrônomo, caso seja detectada a necessidade de poda ou corte de árvore, a Urbfor executa o procedimento.

Publicado em Meio ambiente
Página 1 de 7