Mostrando itens por tag: Cuca Mondubim
Veterinário atendendo cachorro no VetMóvel
Neste ano, o VetMóvel já passou pelos bairros Granja Portugal e Vicente Pinzón, tendo proporcionado mais de 11.000 atividades em benefício aos animais 

A Prefeitura de Fortaleza inicia, a partir desta quarta-feira (07/04), os serviços do VetMóvel no Cuca Mondubim, que fica na Rua Santa Marlúcia, s/n (Regional 10). O equipamento itinerante vai atender no local, sempre de 8h às 12h e de 13h às 17h, com serviços veterinários gratuitos destinados aos cães e gatos de moradores da região. O agendamento para castrações de animais no VetMóvel é realizado exclusivamente pelo telefone 156.

Desde janeiro, já foram realizadas mais de 11.000 atividades em benefício aos animais. Gerido pela Coordenadoria Especial de Proteção e Bem-Estar Animal (Coepa), que é vinculada à Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), o VetMóvel oferece os serviços de castração, consultas clínicas, vacinação antirrábica, exames de triagem para calazar, exames de hemograma e implantes de microchips. Atuam no VetMóvel médicos veterinários, clínicos gerais, cirurgiões e anestesista.

Todos os dias, a partir de 8 horas, são distribuídas 20 fichas para atendimento clínico pela manhã e outras 20 são distribuídas às 12 horas para atendimento à tarde. A vacinação antirrábica e os testes para diagnósticos de Calazar ocorrem todos os dias. Para realização da esterilização para castração, os tutores que agendaram o atendimento pela manhã devem chegar com os animais ao VetMóvel até às 8 horas e, no período da tarde, devem comparecer até às 12 horas, com tolerância de uma hora em cada turno. Os animais devem estar banhados, sem carrapatos e em jejum hídrico e sólido.

Neste ano, o VetMóvel já passou pelos bairros Granja Portugal e Vicente Pinzón, tendo proporcionado mais de 11.000 atividades em benefício aos animais. Nesse período, foram realizadas mais de 2.660 consultas clínicas, 1.910 castrações, 1.350 exames de triagem de calazar, 1.000 vacinações antirrábicas, 510 hemogramas e mais de 3.600 palestras, rodas de conversa e distribuição de material educativo.

Criado em junho de 2018, ao todo, o VetMóvel já proporcionou mais de 106.730 atividades, sendo mais de 19.800 vacinações antirrábicas, 20.060 consultas clínicas, 12.950 exames de triagem de calazar, 11.910 castrações, 4.410 hemogramas, 3.300 implantes de microchips e mais de 34.300 palestras, rodas de conversa e distribuição de material educativo.

Medidas de prevenção à Covid
Todos os profissionais atuantes no local usam máscaras e o VetMóvel disponibiliza álcool em gel 70% para higienização das mãos e restringe o acesso a apenas uma pessoa com animal em atendimento no consultório. Seguindo a orientação do distanciamento entre as pessoas, são oferecidas 10 cadeiras para as pessoas em cada bloco de serviço e com o controle de um atendimento por vez. O uso da máscara é obrigatório e está proibida a presença de crianças no local.

Serviço
VetMóvel no Cuca Mondubim
Período: a partir do dia 07/04 (quarta-feira)
Horário: de 8h às 12h e de 13h às 17h
Local: Cuca Mondubim
Endereço: Rua Santa Marlúcia, s/n – Mondubim
* Agendamento de castrações exclusivamente pelo telefone 156

Publicado em Fortaleza
cachorro
O VetMóvel também oferece todos os dias, até às 15h, vacinação antirrábica e testes para diagnósticos de Calazar

A Prefeitura de Fortaleza oferece, a partir desta segunda-feira (09/12), os serviços do VetMóvel no Cuca Mondubim, localizado na Rua Marlúcia, s/n, no bairro Mondubim (Regional V). O equipamento itinerante vai realizar atendimentos no local até sexta-feira (13/11), sempre de 8h às 12 e de 13h às 17h, com serviços gratuitos destinados aos animais provenientes de ONGs, abrigos de animais e tutores baixa renda da região.

O agendamento de castrações e todo o atendimento ao público agora é feito apenas presencialmente na Coordenadoria Especial de Proteção e Bem-Estar Animal (Coepa), que funciona na sede da Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC), localizada na Avenida Desembargador Gonzaga, 1630, no bairro Parque Iracema (Regional VI).

Gerido pela Coepa, que é vinculada à Secretaria Municipal da Conservação e Serviços Públicos (SCSP), o VetMóvel faz parte do plano de ações programadas com o objetivo de conscientizar a população de Fortaleza e envolvê-la no combate contra os maus tratos, cuidados e abandono de animais. Atuam no VetMóvel quatro médicos veterinários, sendo um clínico geral, um anestesista e dois cirurgiões.

As castrações são destinadas aos animais oriundos de ONGs, abrigos de animais, protetores independentes e tutores de baixa renda. É obrigatória a apresentação do Número de Identificação Social (NIS), RG, CPF e comprovante de endereço. Para realização da esterilização, os tutores que agendaram o atendimento pela manhã devem chegar até às 8h e, no período da tarde, devem comparecer até às 12h ao VetMóvel, com tolerância de uma hora em cada turno, e os animais devem estar banhados e sem carrapatos.

O VetMóvel também oferece todos os dias, até às 15h, vacinação antirrábica e testes para diagnósticos de Calazar. As consultas são realizadas de 8h às 17h, destinadas aos animais cujos tutores resgatarem as 40 fichas de atendimento, que são entregues a partir das 7h. O equipamento também oferece, gratuitamente, registro geral animal e distribuição de material educativo com informações sobre bem-estar animal e guarda responsável.

Serviço
VetMóvel no Cuca Mondubim
Período: de 09/12 a 13/12 (segunda a sexta-feira)
Horário: de 8h às 12h e de 13h às 17h
Endereço: Rua Marlúcia, s/n – Mondubim
Agendamento de castrações e atendimento ao público: Avenida Desembargador Gonzaga, 1630 – Parque Iracema

Publicado em Fortaleza
Atendimento VetMóvel
Atuam no VetMóvel quatro médicos veterinários, sendo um clínico geral, um anestesista e dois cirurgiões

A Prefeitura de Fortaleza realiza atendimentos do VetMóvel, a partir desta segunda-feira (19/11), no estacionamento do Cuca Mondubim, localizado na Rua Santa Marlúcia, s/n. Com consultas até sexta-feira (23/11), de 8h às 12h e de 13h às 17h, destinadas a cães e gatos oriundos de ONGs, abrigos de animais e tutores baixa renda, o equipamento veterinário itinerante também realiza castrações destes animais mediante agendamento prévio pelo número (85) 3272-3356 ou presencialmente na Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), localizada na Avenida Pontes Vieira, 2391.

As castrações são destinadas exclusivamente aos animais de tutores baixa renda, ONGs e protetores independentes. É obrigatório a apresentação do Número de Identificação Social (NIS), RG, CPF e comprovante de endereço dos cuidadores. Para realização do serviço, é necessário levar os animais devidamente banhados e sem carrapatos para dar prosseguimento à cirurgia. As atividades gratuitas de consulta veterinária, vacinação antirrábica e exame para diagnóstico do Calazar são disponibilizadas aos animais de tutores do público em geral até às 15h.

Atuam no VetMóvel quatro médicos veterinários, sendo um clínico geral, um anestesista e dois cirurgiões. O equipamento também oferece, gratuitamente, registro geral animal e distribuição de material educativo com informações sobre bem-estar animal e guarda responsável.

Gerido pela Coordenadoria Especial de Proteção e Bem-Estar Animal (Coepa), que é vinculada à Secretaria Municipal de Conservação e Serviços Públicos (SCSP), o VetMóvel faz parte do plano de ações programadas para 2018 com o objetivo de conscientizar a população de Fortaleza e envolvê-la no combate contra os maus tratos, cuidados e abandono de animais.

Atividades do VetMóvel
Normalmente, as atividades são desenvolvidas da seguinte forma:
- Segunda-feira
Atendimento clínico para animais com tutores e atendimento cirúrgico para os animais de ONGs de caninos (cães);
- Terça-feira
Atendimento cirúrgico previamente agendado para caninos (cães) de tutores de baixa renda;
- Quarta-feira
Atendimento clínico para animais com tutores e atendimento cirúrgico para os animais de ONGs de felinos (gatos);
- Quinta-feira
Atendimento cirúrgico previamente agendado para felinos (gatos) de tutores de baixa renda;
- Sexta-feira
a) Atendimento cirúrgico previamente agendado para felinos (gatos) de tutores de baixa renda;
b) Acompanhamento pós-cirúrgico no local da semana anterior.

Documentação e regras para atendimento
I – As atividades de consulta veterinária, vacinação antirrábica e exame para diagnóstico do Calazar são disponibilizadas aos animais do público em geral;
II – As castrações são destinadas exclusivamente aos animais de tutores de baixa renda e oriundos de ONGs e protetores independentes. É obrigatório a apresentação do NIS, RG, CPF e comprovante de endereço do tutor;
III – O retorno para o acompanhamento pós-cirúrgico será feito por um médico cirúrgico-veterinário no local da semana anterior, sempre das 8h às 10h. Caso o animal não seja levado ao local marcado para avaliação, o tutor poderá levá-lo aonde o VetMóvel estiver em atividade, tendo prioridade no atendimento. Durante a semana, os animais que precisarem retornar ao VetMóvel para avaliação pós-cirúrgica, poderão ir ao equipamento ou entrar em contato para orientação pelo telefone da Coepa: (85) 3272-3356;
IV – O VetMóvel irá atender os animais oriundos das ONGs e protetores independentes cadastrados na Coepa, cujo controle está sendo feito por meio de parceria com a ONG Deixa Viver, no sentido de encaminhar os animais para serem castrados, enquanto não for feito o chamamento público para credenciamento das clínicas veterinárias. Os protetores independentes cadastrados encaminharão suas demandas diretamente à Coepa;
V – Os animais deverão ter jejum alimentar de 12 horas e jejum hídrico (água) de 6 horas para as castrações previamente agendadas;
VI – Os animais de ponto de abandono só serão castrados se tiverem protetor independente que ofereçam lar temporário para o pós-operatório e assinem termo de responsabilidade, após passarem por avaliação clínica e exames complementares.

Serviço
VetMóvel no Cuca Mondubim
Período: de 19 a 23 de novembro de 2018
Local: Estacionamento do Cuca Mondubim
Endereço: Rua Santa Marlúcia, s/n – Mondubim
Horário: de 8h às 12h e de 13h às 17h.

Publicado em Fortaleza
CCD
Palestras e oficinas acontecem durante todo o mês

A Prefeitura de Fortaleza divulga a programação de junho das Casas da Cultura Digital, localizadas no Cuca Jangurussu e Mondubim. Os equipamentos fazem parte do projeto Vila da Cultura Digital, desenvolvido pela Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação (Citinova). 

Nas atividades, os jovens terão acesso ao conhecimento de ferramentas tecnológicas, programas educativos, introdução a softwares, conhecimento e noções básicas de hardwares e novas mídias. Além disso, palestras e oficinas acontecem durante o mês, enriquecendo o conhecimento do público em geral. As inscrições são gratuitas, de terças as sextas-feiras, das 8h às 17h e devem ser feitas presencialmente nas Casas da Cultura Digital.

Uma oficina em destaque, que acontece nos dias 07 e 21 de junho, é a de Youtuber, na qual os jovens aprendem de forma prática os passos iniciais de um profissional das mídias digitais, trabalhando em seu próprio canal, conquistando seguidores e alcançando a fama e o sucesso que sempre quis.

Serviço
Casa da Cultura Digital (CCD) Jangurussu
Endereço: Av. Gov. Leonel Brizola, s/n – Jangurussu.

Casa da Cultura Digital (CCD) Mondubim
Endereço: Rua Santa Marlúcia, s/n – Mondubim.

Informações: 85 98970.6516

Programação completa CCD Jangurussu

Dia 07 de junho às 15h – Oficina de Youtuber
Dia 12 de junho às 15h – Workshop - Game Design: uma visão geral
Dia 14 de junho às 15h – Workshop – Influência Digital
Dia 19 de junho às 15h –Workshop - Game Design: uma visão geral
Dia 21 de junho às 15h – Workshop – Marketing Digital
Dia 26 de junho às 14h – Workshop – Empreendedorismo Social: do conceito ao planejamento do negócio
Dia 28 de junho às 15h – Workshop – Gerência de Projetos 2.0: Deixando de seguir trilhos para abrir trilhas

Programação completa CCD Mondubim

Dia 07 de junho às 16h – Workshop – Gerência de Projetos 2.0: Deixando de seguir trilhos para abrir trilhas
Dia 12 de junho às 15h – Workshop – Marketing Digital
Dia 14 de junho às 15h – Workshop - Game Design: Elementos de um Jogo Digital
Dia 19 de junho às 15h – Oficina de Youtuber
Dia 21 de junho às 15h – Workshop - Game Design: uma visão geral
Dia 26 de junho às 15h – Workshop – Influência Digital
Dia 28 de junho às 14h – Workshop – Empreendedorismo Social: do conceito ao planejamento do negócio

Publicado em Tecnologia
prefeito roberto cláudio observa computador da casa da cultura digital
“Nossa expectativa é que este seja um espaço que possa ofertar aos jovens lazer e entretenimento digital", declarou o Prefeito durante o evento

O prefeito Roberto Cláudio inaugurou a nova Casa da Cultura Digital, nesta quinta-feira (26/04). O primeiro equipamento do projeto Vila da Cultura Digital funcionará no Cuca Mondubim, oferecendo oficinas, cursos e eventos a jovens que queiram desenvolver projetos usando componentes eletrônicos, atividades de robótica, metareciclagem (processo que permite reaproveitar materiais por meio do recondicionamento de computadores) e manutenção de computadores.

O projeto tem o objetivo de oferecer ainda mais oportunidade e um futuro para os jovens de Fortaleza. “Nossa expectativa é que este seja um espaço que possa ofertar aos jovens lazer e entretenimento digital. Também ofertamos cursos de capacitação, formação a quem tem curiosidade e interesse. Além disso, queremos despertar o senso de empreendedorismo, fazendo com que os jovens passem a ser geradores nesta área. Queremos criar uma nova cultura para essas pessoas e um caminho para o futuro”, explicou Roberto Cláudio.

A Casa da Cultura Digital funcionará de terças às sextas-feiras. É um espaço livre para experiências com jogos eletrônicos e de permanente incentivo à pesquisa e à divulgação de conteúdos relacionados à cultura digital e de estímulo à criatividade.

No local, é possível aprender e construir robôs, imprimir e fabricar objetos em impressões 3D, por exemplo. O estudante Davi Viera, de 15 anos, se interessou pelo projeto. “Achei muito interessante a nova Casa da Cultura Digital, já que você ganha mais conhecimentos e descobre coisas que não vê no dia a dia. Conheci o robô que dança conforme a música e isso despertou meu interesse e deu vontade de aprender ainda mais”, disse.

Fortaleza já conta com uma Casa da Cultura Digital que funciona em um casarão preservado na Praia de Iracema, vizinho ao Largo do Mincharia. O projeto Vila da Cultura Digital é desenvolvido pela Fundação de Ciência, Tecnologia e Inovação (Citinova), com apoio do Ministério de Ciência e Tecnologia, Inovações e Comunicações.

Programação do mês de maio na Casa da Cultura Digital

1ª Semana (2 a 4)
Oficina: Cidades Inteligentes
Arena Gamer

2ª Semana (8 a 11)
Oficina: Empreendedorismo Social
Roda de Conversa: Desvendando a Netflix
Oficina: Gerência de Projetos 2.0
Arena Gamer

3ª Semana (15 a 18)
Oficina: Game Design
Roda de Conversa: Meu Primeiro App em Android
Oficina: Empreendedorismo para Começar Bem
Arena Gamer

4ª Semana (22 a 25)
Oficina: Marketing Digital
Roda de Conversa: Montando uma Startup de Sucesso
Oficina: Primeira Impressão
Arena Gamer

5ª Semana (29 a 31)
Oficina: Canvas
Arena Gamer
#OcupaCasa

Publicado em Economia
Processo seletivo Grupo de dança

A Coordenadoria de Juventude, da Prefeitura de Fortaleza, promove processo seletivo para o grupo de dança da Rede Cuca, no mês de maio. O grupo tem o objetivo de reunir jovens com interesses e aptidões em dança para desenvolver trabalhos coreográficos e pesquisas dentro da área e dar visibilidade às produções artísticas da juventude.

Para se inscrever é necessário atender alguns pré-requisitos: ter idade entre 15 e 29 anos e ter experiência de participação em grupos de dança.

Os interessados devem comparecer presencialmente a sala de matrícula da Rede Cuca Mondubim, entre os dias 8 e 15 de maio, levando um documento de identificação com foto. As audições acontecerão no dia 16 de maio. O resultado será divulgado no 18 de maio e as aulas iniciarão dia 25 de maio. São ofertadas 25 vagas. Além disso, haverá cinco classificáveis.

Saiba Mais

O Grupo de Dança da Rede Cuca teve início em 2016 para dar continuidade ao trabalho realizado no curso de dança urbana. Sob direção do professor Luís Alexandre, o grupo desenvolveu, em dezembro de 2016, o espetáculo “afro-dizia” , que participou de mostras na área da dança como o Festival de Dança do Litoral Oeste e Fendafor.

Em 2017, o grupo criou o espetáculo IDEM, que também participou de eventos na cidade.

Sobre o Cuca

A Rede Cuca conta com três equipamentos localizados nos bairros Jangurussu, Mondubim e Barra do Ceará e oferece, todos os meses, uma média de 5 mil vagas entre as 21 modalidades esportivas e os cursos de formação distribuídas em oito áreas para jovens entre 15 e 29 anos. A Rede também traz para a periféria de Fortaleza a oportunidade de participar de eventos culturais como festivais, mostras, exposições, sessões de cinema e apresentação de espetáculos.

Serviço
Seleção Grupo de Dança da Rede Cuca

Período de inscrições: 8 a 15 de maio
Local: sala de matrícula da Rede Cuca Mondubim (Rua Santa Marlúcia, s/n - Mondubim)
Data da audição: 16 de maio
Resultado: 18 de maio
Matrícula dos selecionados: 22 a 24 de maio
Início das aulas: 25 de maio
Horário: 14h às 17h

Publicado em Juventude
peça de divulgação

Jovens do grupo de dança da Rede Cuca Mondubim estrearão, nesta quarta-feira (20/12), o espetáculo Idem. A apresentação acontecerá no Teatro do Cuca Mondubim, a partir das 19h. A ação, promovida pela Prefeitura de Fortaleza, por meio da Coordenadoria de Juventude, terá acesso gratuito para toda comunidade. 

A produção deste espetáculo conta com a participação de 22 jovens e já acontece há seis meses. A proposta tem o objetivo de entender o ser humano a partir das suas emoções. De acordo o professor e coreografo da turma, Luís Alexandre, o trabalho de pesquisa parte da rotina do cotidiano dos jovens no grupo de dança, em casa ou no trabalho. ‘O espetáculo é sensível, emocionante, intrigante e desvairado. Nós entramos no processo de pesquisa pensando nesse lugar de sentimento. Idem é um espetáculo que carrega no corpo, na poesia e na dança, todos os sentimentos possíveis. O trabalho também tem muita poesia declamada, onde falamos de conquistas, das derrotas e das angustias do amor”, explica.

Para o bailarino e aluno da Rede Cuca Mondubim desde a inauguração do equipamento, Diego Alexandre (24), esta apresentação exige ainda mais dos alunos porque o outro espetáculo foi um trabalho que teve muito destaque no cenário da dança. “O Afro-Dizia foi muito novo para todo mundo, recebemos muitas coisas boas com o espetáculo, então o Idem passa a ser ainda mais desafiador, pelo fato do outro ter sido um sucesso. A rotina de ensaio é um desgaste físico, mas a recompensa vem no palco”, afirma.

Saiba mais
Este grupo de dança da Rede Cuca Mondubim começou em junho de 2016 com o processo de formação com fundamentos e aulas básicas e constituição de coreografias. Em seguida, o grupo entrou num processo de pesquisa e composição do espetáculo afro–dizia, que participou de mostras importantes como o Fendafor, Festival de Dança do Litoral Oeste, entre  outros.

Serviço
Alunos de dança da Rede Cuca estreiam espetáculo “Idem” no Cuca Mondubim
Data: Quarta-feira (20/12)
Hora: 19h 
Local: Cuca Mondubim (Rua Santa Marlúcia, s/n - Mondubim)

Publicado em Juventude
peça de divulgação

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Coordenadoria de Juventude, promoverá  mais uma edição do Encontro das Artes, na Rede Cuca Mondubim. O evento acontecerá nesta quinta-feira (23), das 15h às 19h. O objetivo é apresentar todo o trabalho que foi desenvolvido pelos jovens da Rede Cuca, com o apoio e mediação dos professores, no segundo semestre de 2017.

O evento contará com apresentações de teatro, música, audiovisual, exposição fotográfica, além de uma apresentação representativa da cultura surda, entre outros. A entrada é gratuita e aberta ao público em geral.

Clique aqui para programação completa

Atualmente, a Rede Cuca conta com oito áreas de formação: fotografia, audiovisual, teatro, dança, música, informática, libras e inglês. O Encontro das Artes é o resultado das ações desenvolvidas nos cursos durante o semestre. Neste evento é oferecido uma oportunidade para que os alunos mostrem todo o conhecimento adquirido ao longo da participação nos cursos. Além de proporcionar visibilidade e fortalecimento da autoestima para jovens que residem em espaços de grande vulnerabilidade social.

Serviço
Encontro das Artes na Rede Cuca 
Data e hora: 23 de novembro, das 15h às 19h
Local: Rede Cuca Mondubim

Publicado em Juventude

prefeito roberto cláudio
O evento, que ocorreu na Rede Cuca Mondubim, contou com a apresentação dos jogos e homenagens aos atletas
O prefeito Roberto Cláudio lançou, nesta quarta-feira (31/05), a segunda edição das Olimpíadas da Juventude de Fortaleza. O evento, que ocorreu na Rede Cuca Mondubim, contou com a apresentação dos jogos, homenagens aos atletas e teve o propósito de explicar o regulamento e o calendário da competição.

A expectativa é que cinco mil jovens participem das Olimpíadas deste ano. "A edição do ano passado foi um sucesso e queremos trazer ainda mais jovens de todos os bairros de Fortaleza. O esporte é saúde, educação, inclusão social e oportunidade. Esse é o papel da Prefeitura: olhar para o jovem e dar uma chance para que ele expresse seu talento", explicou Roberto Cláudio.

De acordo com o coordenador Especial de Políticas Públicas de Juventude, Julio Brizzi, o torneio, que é a maior competição esportiva da Rede Cuca e a segunda maior do Estado, disponibiliza 15 modalidades esportivas: Futsal, Futebol de Areia, Voleibol, Vôlei de Praia, Handebol, Basquete, Natação, Triathlon, Corrida de Rua, Passeio Ciclístico, Muay Thai, Kick Boxing, MMA, Jiu Jitsu e Capoeira.

As competições vão ocorrer durante todo o mês de julho na Rede Cuca (Barra, Mondubim e Jangurussu). O evento consolida as ações esportivas desenvolvidas pela Rede Cuca, além de fortalecer as políticas de juventude da cidade.

Franciérico Costa Lima, de 20 anos, já garantiu sua inscrição nas Olimpíadas. "Comecei a frequentar o Cuca do Jangurussu no início deste ano e me identifiquei bastante com as oportunidades ofertadas. Vou participar na categoria de futsal. Estou bastante animado com o torneio", disse.

Publicado em Juventude

A história de uma menina de oito anos que recebe na escola a tarefa de fazer uma pesquisa sobre o significado do Dia da Mulher é o enredo do livro “Mirela e o Dia Internacional da Mulher”, escrito por Ana Prestes, neta de Luiz Carlos Prestes e doutora em Ciência Política. O livro será apresentado em palestra neste domingo (26/03), na biblioteca do Cuca Mondubim, e na segunda-feira (27/03), no Teatro Antonieta Noronha.

A programação faz parte da agenda realizada pelo Dia Internacional da Mulher – instituído em 8 de março - da Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria da Cultura de Fortaleza (Secultfor). A palestra será ministrada por Ana Prestes e sua filha Helena, que serviu de inspiração para a realização do livro infantil.

A autora teve como motivação para escrever sobre este tema, a ausência de livros infantis com essa temática nas bibliotecas e livrarias do País. O livro discute como e porquê surgiu esta data, quando e em que países se comemora, e outras coisas que, como conta Prestes, as crianças nunca tinham ouvido falar.

Em forma de poema, todo rimado e cantado, o livro mostra as feministas que lutaram pelos direitos de entrar em uma universidade, votar, sair de casa desacompanhada, etc. Fotografias históricas e gravuras dialogam com as ilustrações de Vanja Freitas, que trazem a percepção de como a sociedade mudou e o quanto aumentou o espaço conquistado pela mulher. A obra ensina e desperta nas crianças a questão do gênero e do empoderamento feminino.

Serviço
Palestra sobre o livro “Mirela e o Dia Internacional da Mulher”

Data: Domingo (26/03)
Horário: 16h
Onde: Biblioteca do Cuca Mondubim
Endereço: Rua Santa Marlúcia, s/n - Mondubim

Data: Segunda-feira (27/03)
Horário: 9h30
Onde: Teatro Antonieta Noronha
Endereço: Rua Pereira Filgueira, 4 - Centro

Publicado em Cultura
Página 1 de 2