A Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes promove, neste mês de setembro, a mostra Marcharemos em nossa luta: por um novo amanhecer do Brasil. Serão quatro sessões cineclubistas, nos dias 20, 22, 27 e 29/09 , a partir das 18h, no estacionamento da Vila das Artes.

A curadoria dos filmes é de Kamilla Medeiros, que media debate sobre os filmes após cada sessão. Confira mais abaixo o detalhamento da programação.

A curadora explica a proposta da mostra: "são filmes que nos fazem lembrar que a luta deve continuar, que os vencidos e os vencedores mudam de lugar a todo instante e que o cinema está aqui também para nos contar essas histórias", comenta Kamilla. "Tamanhas são as semelhanças entre o passado e o presente que não seria de total anacronismo dizer que mesmo após 60 anos, vivemos infortúnios de ordem social, econômica, ambiental e cultural".

A Vila das Artes é um complexo cultural da Prefeitura de Fortaleza, administrado pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) em parceria com o Instituto Cultural Iracema (ICI).

Sobre a curadora
Paraibana de berço e cearense de criação, Kamilla Medeiros é mestranda e bolsista Capes no Programa de Pós-Graduação da Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e graduada em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Sob orientação da Profª. Drª. Consuelo Lins, sua pesquisa de mestrado parte da relação da obra de Eduardo Coutinho e o Nordeste brasileiro. Foi eleita representante discente no Conselho Deliberativo da Sociedade Brasileira de Estudos de Cinema e Audiovisual (Socine) no biênio 2021-2023.

Programação
Sessão 1
"Cabra Marcado Para Morrer", de Eduardo Coutinho (Documentário / Brasil / 1964-1984 / 110’ / 12 anos)
Data: 20/09
Horário: 18h

Sessão 2
"Chão", de Camila Freitas (Documentário / 2019 / Brasil / 110’ / 10 anos)
Data: 22/09
Horário: 18h

Sessão 3
"Edna", de Eryk Rocha (Documentário / 2021 / Brasil / 64’ / 12 anos)
Data: 27/09
Horário: 18h

Sessão 4
"Lavra", de Lucas Bambozzi (Documentário / Brasil / 2021 / 98’ / Livre)
Data: 29/09
Horário: 18h

Telas Abertas
A mostra Marcharemos em nossa luta: por um novo amanhecer do Brasil é a segunda oriunda da convocatória Telas Abertas 2022, que selecionou propostas de curadoria de mostra de filmes com temática livre para compor a programação do Cineclube da Vila das Artes durante o período de agosto a dezembro de 2022.

Serviço
Cineclube Vila das artes – Mostra Marcharemos em nossa luta: por um novo amanhecer do Brasil
Data: 20, 22, 27 e 29/09
Hora: 18h
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221 - Centro)

Publicado em Cultura

A Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes promove, neste mês de agosto, a mostra "Cantar das Imagens". Serão quatro sessões cineclubistas, nos dias 23, 24, 30 e 31/08 , a partir das 18h30, no estacionamento da Vila das Artes.

A curadoria dos filmes é de Karina das Oliveiras, que participa de debate sobre os filmes após cada sessão. Confira mais abaixo o detalhamento da programação.

A curadora Karina explica a proposta da mostra: "Temos como eixo curatorial a produção de artistas indígenas e negros no Brasil que por meio do audiovisual há elaborado zonas críticas de reflexão através do canto, das histórias e das técnicas. Cada sessão sobrevoa um panorama diverso que prioriza as narrativas de transformações dos fim dos mundos e novos inícios. A mostra reflete a produção de videoclipes, vídeos álbuns e documentários musicais na contemporaneidade. Reúne uma pluralidade de narrativas, estéticas e visualidades, propondo um estudo da imagem e do som em movimento na linguagem audiovisual".

A Vila das Artes é um complexo cultural da Prefeitura de Fortaleza, administrado pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) em parceria com o Instituto Cultural Iracema (ICI).

Programação
Sessão 1
Filme: "Niwe Bai - Caminhos do Vento", de Lucas Navarro e Nana Orlandi (Documentário musical / 2021 / 33’34’’ / Livre)
Data: 23/08
Horário: 18h30
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221, Centro)

Sessão 2
Filmes: "Nawa Shunu" (6’37’’ / Livre), "Nai Basi Sitime" (1’39’’ / Livre), "Nai Basa Masheri" (3‘01’’ / Livre) e "Tum Tum Tum" (2’41’’ / Livre), de Grupo Kayatibu Huni Kuin e Mi Mawai
Data: 24/08
Horário: 18h30
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221, Centro)

Sessão 3
Filmes: "Capella", de Vírus e ddd pxc (2021/11'/ Livre), "Olho de Vidro", de Jadsa; "Noite Perigosa", de Mayara Ferrão (2021/3’/Livre)
Data: 30/08
Horário: 18h30
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221, Centro)

Sessão 4
"Música é arma de Luta", de Carou Trebitsch, Idjahure Kadiwéu e Lucas Canavarro (Curta documentário musical/2021/26'/Livre)
Data: 31/08
Horário: 18h30
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221, Centro)

Telas Abertas
A mostra "Cantar das Imagens" é a primeira oriunda da convocatória Telas Abertas 2022, que selecionou propostas de curadoria de mostra de filmes com temática livre para compor a programação do Cineclube da Vila das Artes durante o período de agosto a dezembro de 2022.

Serviço
Cineclube Vila das artes – Mostra "Cantar das Imagens"
Data: 23, 24, 30 e 31/08
Hora: 18h30
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221, Centro)

Publicado em Cultura

A Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes abre inscrições para o Pontos de Corte 2022 – Formação de Cineclubistas e Exibidores Independentes. São disponibilizadas, ao todo, 10 vagas, destinadas a grupos ou coletivos culturais interessados em ações de Audiovisual, com ou sem experiência em cineclubismo. Inscrições seguem até o dia 28 de agosto.

Clique aqui para acessar o Edital

Clique aqui para acessar a Ficha de Inscrição

Com carga horária total de 280 horas-aula, o curso terá formato híbrido, com aulas presenciais na sede da Vila das Artes e aulas síncronas por meio de plataforma on-line. As aulas ocorrerão às segundas, terças e quartas-feiras, das 18h às 20h, e também, eventualmente, às sextas-feiras, no caso da realização de workshops e laboratórios.

Coordenadora da Escola Pública de Audiovisual, Kennya Mendes comenta sobre a importância do programa para as ações audiovisuais na capital cearense: "O curso tem uma grade que propõe um caminho que dialoga com o fazer artístico, tendo como foco específico o cinema em uma linguagem expandida. Ações cineclubistas são apoiadas através da articulação em rede e os estudantes são estimulados a atuar em seus bairros e a realizar ocupações artísticas e culturais em espaços públicos", explica.

A coordenadora também ressalta a retomada das aulas presenciais: "A última edição do programa, em 2020, foi também voltadas para grupos e coletivos, mas todos os encontros foram on-line. Agora, em um cenário de mais segurança, retomamos as aulas presenciais e teremos um formato híbrido, com aulas presenciais e on-line", comenta Kennya.

A Vila das Artes é um complexo cultural da Prefeitura de Fortaleza, vinculado à Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) e administrado pelo Instituto Cultural Iracema (ICI).

Inscrição
Cada grupo proponente deverá realizar apenas uma inscrição. Os integrantes indicados no formulário on-line não podem fazer parte de mais de um grupo candidato à participação no curso. No formulário, também deverão ser submetidos a proposta de projeto cineclubista, um breve vídeo de apresentação (máximo de 3 minutos) e o portfólio de ações do grupo, caso o grupo tenha realizado alguma ação previamente.

Para o detalhamento da documentação necessária e dos critérios de seleção, confira o regulamento completo no edital. As inscrições deverão ser realizadas exclusivamente por meio do preenchimento de formulário de inscrição on-line. Edital e ficha de inscrição se encontram disponibilizados no endereço eletrônico da Vila das Artes (www.viladasartesfortaleza.com.br).

Cronograma
Inscrições: até 28 de agosto
Processo seletivo: 29 de agosto a 01 de setembro
Resultado: 02 de setembro
Matrícula: 05 a 09 de setembro
Início das aulas: 12 de setembro de 2022

Serviço
Pontos de Corte 2022
Inscrições: até 28/08
Local: página das Vila das Artes
Gratuito

Publicado em Cultura

A Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes promove, no jardins do Centro Cultural Casa do Barão de Camocim, mostra especial de conclusão da 5ª turma do Curso de Realização em Audiovisual. O evento começa às 18h de sexta-feira (08/07) e conta com exibições de sete curtas-metragens, seguidas por debates com os realizadores e mediação do professor e pesquisador Érico Oliveira. A entrada é gratuita. Confira mais abaixo a programação.

Os filmes a serem exibidos são resultantes das atividades desenvolvidas ao longo dos anos de 2020 e 2021, nos módulos Ateliê II e Ateliê TCC. "Na ocasião de estreia dos filmes, em mostra realizada no 1º semestre deste ano de 2022, no Cineteatro São Luiz, não houve debates após as exibições", comenta Kennya Mendes, coordenadora da Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes.

"Agora é uma ótima oportunidade para quem não viu os filmes ou para quem viu e quer rever. E todos ainda poderão participar de uma roda-de-conversa com os realizadores", complementa a coordenadora.

A Vila das Artes é um complexo cultural da Prefeitura de Fortaleza, vinculado à Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) e gerido pelo Instituto Cultural Iracema (ICI).

Programação
- "As Lavadeiras do Rio Acaraú Transformam a Embarcação em Nave de Condução" (Kulumym-Açu | Vídeo Arte | Colorido | Digital | 14min | CE | 2021)
Sinopse: as memórias do fluxo do Rio Acaraú contam histórias por onde os gestos coletivos da lavação de roupa acompanham gerações que celebram a importância dessas águas dentro do ciclo solar da cidade de Sobral/CE.

- "Na Estrada Sem Fim Há Lampejos de Esplendor" (Liv Costa e Sunny Maia | Ficção | Colorido | Digital | 11min | CE | 2021)
Sinopse: uma vez, elu disse: quando fui embora de mim, adeus era tudo o que tinha para dizer. Nessa viagem, talvez não exista uma chegada. Só um caminho infinito.

- "A Canção que Dediquei a Você" (Matheus Monteiro | Animação | Colorido | Digital | 15 min | CE | 2022)
Sinopse: uma entrevista do badalado podcast Aura Musical com o cantor pop star Anil Saint revela segredos obscuros.

- "Ensaio sobre abismos ou as imagens que resgatei de algum lugar da minha mente" (Rafael Luan | Filme Dispositivo/Documentário | Colorido | Digital | 8 min | CE | 2022)
Sinopse: filme dispositivo, de montagem, documentário, ensaio, documentário, híbrido, com imagens e sons.

- "Aquele que Veio do Oeste" (Wesjley Maria | Ficção | Colorido | Digital | 18min | CE | 2022)
Sinopse: decidida em vender antigo imóvel onde morava na cidade de Fortaleza, Beatriz volta e se depara com suposto ataques de monstros marinhos que anda aterrorizando moradores das praias locais.

- "Origem" (Jauhf e Davinci | Demo Vídeo | Colorido | Digital | 13min | CE | 2022)
Sinopse: em meio ao caos da cidade de Fortaleza, Davinci busca trilhar seus próprios caminhos. Origem é um convite para a festa.

- “Os Nordestes” (Lucas Madi | Web Série | cinco vídeos de 9min | 2022)
Sinopse: cinco pessoas nascidas no nordeste brasileiro analisam suas trajetórias de vida, tendo um ponto em comum: em algum momento, todas desafiaram-se a saírem de seus territórios para descobrir através do trabalho e do estudo outras maneiras de estarem no mundo.

O curso
O Curso de Realização em Audiovisual da Vila das Artes é constituído por ciclos e cada um deles é composto por módulos, divididos nos seguintes eixos: histórico, teórico, linguagem, técnico, aproximativo e ateliê. O curso tem por objetivo atuar na formação de pessoas, incentivando o desenvolvimento de parâmetros artísticos e organizacionais próprios, bem como estimulando prioritariamente os projetos autorais que tenham como suporte os meios audiovisuais. São ofertadas 1.700 horas-aula de carga horária, com a chancela de extensão certificada pelo curso de Cinema e Audiovisual do Instituto de Cultura e Arte da Universidade Federal do Ceará (ICA/UFC). Atualmente, estão em andamento as aulas da sexta turma do curso, formada a a partir de processo seletivo realizado ao longo do segundo semestre de 2021.

Serviço
Curso de Realização em Audiovisual • Exibição de Conclusão da 5ª Turma
Data: Sexta-feira (08/07)
Hora: 18h
Local: Centro Cultural Casa do Barão de Camocim (Rua General Sampaio, 1632 – Centro)
Gratuito

Publicado em Cultura

A Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes abre inscrições para o projeto Telas Abertas 2022. Serão selecionadas cinco propostas de curadoria de mostras de filmes com temática livre para compor a programação do Cineclube Vila das Artes durante o período de agosto a dezembro de 2022. Inscrições on-line seguem até 10 de julho.

Regulamento
Ficha de inscrição

Poderão se inscrever pessoas, maiores de 18 anos e com domicílio em Fortaleza ou região metropolitana, interessadas em desenvolver propostas de curadoria de filmes de livre temática. As mostras de filmes serão realizadas na Vila das Artes, em sessões cineclubistas que consistem em exibições gratuitas seguidas por debates e discussões sobre os filmes exibidos.

Para cada proposta de curadoria selecionada, será disponibilizado um cachê de R$ 1.000,00. Além do preenchimento da ficha de inscrição on-line, os proponentes devem enviar currículo e descrição da proposta de curadoria, conforme descrito no regulamento, bem como o documento de autorização de exibição dos filmes listados na referida proposta (anexo único do regulamento).

A Vila das Artes é um complexo cultural da Prefeitura de Fortaleza, vinculado à Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) e gerido pelo Instituto Cultural Iracema (ICI).

Cronograma
Inscrições: até 10 de julho
Análise e seleção das propostas: 11 a 14 de julho
Divulgação das propostas selecionadas: 15 de julho
Reunião para contratação e entrega de documentação: 18 de julho

Para fins de assinatura do contrato e recebimento do cachê, do qual serão descontados os tributos devidos, os proponentes selecionados deverão apresentar, na reunião prevista para o dia 18/07, documentação de Microempreendedor Individual (MEI) próprio, ou de pessoa jurídica da qual seja sócio ou que lhe represente, mediante apresentação obrigatória de contrato de representação.

Serviço
Projeto Telas Abertas 2022 – Convocatória
Inscrições: até 10 de julho
Link de inscrição
Período de realização das mostras: agosto a dezembro de 2022
Mais informações: 3252-1444 ou Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Publicado em Cultura

A Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes abre inscrições para o curso "Pensamentos Travestis na Arte Contemporânea", com Isadora Ravena. A atividade ocorre de 06 a 10 de junho, das 18h às 21h30, na Vila das Artes. Inscrições devem ser realizadas on-line até o dia 02 de junho.

Inscrição

São ofertadas 20 vagas ao total. O curso visa investigar metodologias de criação movimentadas por artistas e coletivos artísticos travestis na arte contemporânea. Os encontro serão norteados por temas como "A dimensão da loucura enquanto cura", "A penumbra como espaço possível de criação", "O cruzamento com os demais saberes trangêneres, com os saberes pretes e indígenas" e "O ininterrupto combate a linguagem".

As pessoas selecionadas serão notificados por e-mail no dia 03/06. O resultado será também publicizado por meio do Instagram da Vila das Artes (@viladasartesfortaleza).

A Vila das Artes é um complexo cultural da Prefeitura de Fortaleza, vinculado à Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) e gerido pelo Instituto Cultural Iracema (ICI).

Sobre a ministrante
Isadora Ravena é travesti, artista e professora. É mestra em Artes e graduada em Teatro pela Universidade Federal do Ceará (UFC). É professora de artes em escolas da Prefeitura de Fortaleza e da graduação em Teatro do Centro Universitário Leonardo da Vinci. Suas criações artísticas tensionam os limites da cena, do audiovisual e das artes visuais. É autora do livro "Sinfonia para o fim do mundo" (2020).

Serviço
Curso "Pensamentos Travestis na Arte Contemporânea", com Isadora Ravena
Período de inscrições: até 02 de junho
Inscrições: Vila das Artes
Data do curso: 06 a 10 de junho
Hora: 18h a 21h30
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221 – Centro)
Gratuito

Publicado em Cultura

A Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes prorrogou o prazo de inscrição para a convocatória "Fortaleza em Movimento". Ação do Núcleo de Produção Digital (NPD) da escola em comemoração ao aniversário de 296 anos da cidade, a convocatória selecionará três projetos de curta-metragem que serão realizados a partir de um Laboratório de Orientação em Audiovisual ofertado gratuitamente aos participantes. As inscrições seguem agora até o dia 27 de maio.

Edital completo
Ficha de Inscrição

Além do preenchimento das informações solicitadas, os proponentes devem realizar o envio de currículo e descrição do projeto, assim como possíveis anexos, conforme descreve o edital, nos campos específicos da ficha de inscrição on-line. Para cada uma das três propostas audiovisuais selecionadas, será disponibilizado o valor de R$ 2.500,00, com as devidas contrapartidas conforme consta no regulamento. Interessados devem ter idade maior que 18 anos e ser residente em Fortaleza.

A convocatória tem como objetivo estimular a realização, a composição e a produção audiovisual em Fortaleza. O Laboratório de Orientação em Audiovisual gratuitamente oferecido aos participantes ao longo dos meses agosto e setembro será realizado por integrantes da Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes.

A Vila das Artes é um equipamento cultural da Prefeitura de Fortaleza, administrado pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) em parceria com o Instituto Cultural Iracema (ICI).

O tema
"Fortaleza em Movimento" trata de Fortaleza, seus movimentos sociais e as ações coletivas formadas pela sociedade civil. Por meio do debate social e político, ela trazem mudanças sociais dentro de um determinado contexto da cidade. A partir de uma série de lutas por reconhecimento e direitos civis, novos movimentos sociais voltados a questões éticas e de valores muito discutidos na sociedade surgiram. São exemplos o Movimento Negro, o Movimento Estudantil, o Movimento Feminista, o Movimento LGBTQIA+, o Movimento Ecológico. O tema "Fortaleza em Movimento" abrange todos os movimentos sociais da contemporaneidade.

Sobre o NPD
Criado em novembro de 2006, o Núcleo de Produção Digital (NPD) é um programa de apoio à realização em audiovisual que visa a democratização da atividade por meio da realização de cursos livres, convocatórias, oficinas e palestras; e do empréstimo de equipamentos de câmera, som, iluminação e ilha de edição para a realização de produções autorais.

Serviço
Convocatória Audiovisual "Fortaleza em Movimento" – inscrições prorrogadas
Inscrições: até 27 de maio
Local: site do Instituto Iracema
Gratuito

Publicado em Cultura

A Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes lança a convocatória "Fortaleza em Movimento". Ação do Núcleo de Produção Digital (NPD) da escola em comemoração ao aniversário de 296 anos da cidade, a convocatória selecionará três projetos de curta-metragem que serão realizados a partir de um Laboratório de Orientação em Audiovisual ofertado gratuitamente aos participantes. As inscrições seguem até o dia 13 de maio de 2022.

Edital completo
Ficha de Inscrição

Além do preenchimento das informações solicitadas, os proponentes devem realizar o envio de currículo e descrição do projeto, assim como possíveis anexos, conforme descreve o edital, nos campos específicos da ficha de inscrição on-line. Para cada uma das três propostas audiovisuais selecionadas, será disponibilizado o valor de R$ 2.500,00, com as devidas contrapartidas conforme consta no regulamento. Interessados devem ter idade maior que 18 anos e ser residente em Fortaleza.

A convocatória tem como objetivo estimular a realização, a composição e a produção audiovisual em Fortaleza. O Laboratório de Orientação em Audiovisual gratuitamente oferecido aos participantes ao longo dos meses agosto e setembro será realizado por integrantes da Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes.

A Vila das Artes é um equipamento cultural da Prefeitura de Fortaleza, administrado pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) em parceria com o Instituto Cultural Iracema (ICI).

O tema
"Fortaleza em Movimento" trata de Fortaleza, seus movimentos sociais e as ações coletivas formadas pela sociedade civil. Por meio do debate social e político, ela trazem mudanças sociais dentro de um determinado contexto da cidade. A partir de uma série de lutas por reconhecimento e direitos civis, novos movimentos sociais voltados a questões éticas e de valores muito discutidos na sociedade surgiram. São exemplos o Movimento Negro, o Movimento Estudantil, o Movimento Feminista, o Movimento LGBTQIA+, o Movimento Ecológico. O tema "Fortaleza em Movimento" abrange todos os movimentos sociais da contemporaneidade.

Sobre o NPD
Criado em novembro de 2006, o Núcleo de Produção Digital (NPD) é um programa de apoio à realização em audiovisual que visa a democratização da atividade por meio da realização de cursos livres, convocatórias, oficinas e palestras; e do empréstimo de equipamentos de câmera, som, iluminação e ilha de edição para a realização de produções autorais.

Serviço
Convocatória Audiovisual "Fortaleza em Movimento" – Inscrições Abertas
Inscrições: até 13 de maio
Local: site do Instituto Iracema
Resultado: 25 de maio
Gratuito

Publicado em Cultura

A Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes promove, em parceria com o Cineteatro São Luiz, a mostra de conclusão da 5ª turma do Curso de Realização em Audiovisual. O evento começa às 19h desta sexta-feira (18/03) e conta com a exibição de seis curtas-metragens inéditos e a cerimônia de entrega de certificados dos alunos concludentes. A entrada é gratuita. 

Os filmes a serem exibidos são resultantes das atividades desenvolvidas ao longo dos anos de 2020 e 2021, nos módulos Ateliê II e Ateliê TCC. A 5ª Turma do Curso de Realização em Audiovisual iniciou em 2019, após processo de seleção que contou com mais de 600 inscritos. Depois de três anos de formação, 25 estudantes serão agraciados com o certificado de conclusão de curso.

Para Kennya Mendes, coordenadora da Escola Pública de Audiovisual, a formatura de mais uma turma do curso de longa duração reafirma o empenho e a importância da Vila das Artes para o fortalecimento da políticas públicas culturais para o Audiovisual em Fortaleza. "São quinze anos de Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes e várias reformulações foram e continuam sendo feitas com intuito de acompanhar uma dinâmica de mundo. A trajetória dessa escola vem junto a uma história de luta pelo acesso de ser e estar em um espaço que converse com as urgências da atualidade".

Kennya reforça, ainda, o caráter coletivo das produções: "É possível, sim, pensar uma escola de artes que incentive métodos de trabalho que não reafirmam os sistemas hierárquicos e a excessiva compartimentalização do trabalho em equipe, reproduzindo um modelo onde o processo criativo passa a ser privilégio de uma pequena parte do grupo e não uma experiência a ser partilhada entre todos", afirma a coordenadora.

A Vila das Artes é um complexo cultural da Prefeitura de Fortaleza, vinculado à Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) e gerido pelo Instituto Cultural Iracema (ICI).

Programação
- "As Lavadeiras do Rio Acaraú Transformam a Embarcação em Nave de Condução" (Kulumym-Açu | Vídeo Arte | Colorido | Digital | 14min | CE | 2021)
Sinopse: As memórias do fluxo do Rio Acaraú contam histórias por onde os gestos coletivos da lavação de roupa acompanham gerações que celebram a importância dessas águas dentro do ciclo solar da cidade de Sobral/CE.

- "Na Estrada Sem Fim Há Lampejos de Esplendor" (Liv Costa e Sunny Maia | Ficção | Colorido | Digital | 11min | CE | 2021)
Sinopse: Uma vez, elu disse: quando fui embora de mim, adeus era tudo o que tinha para dizer. Nessa viagem, talvez não exista uma chegada. Só um caminho infinito.

- "A Canção que Dediquei a Você" (Matheus Monteiro | Animação | Colorido | Digital | 15 min | CE | 2022)
Sinopse: Uma entrevista do badalado podcast Aura Musical com o cantor pop star Anil Saint revela segredos obscuros.

- "Ensaio sobre abismos ou as imagens que resgatei de algum lugar da minha mente" (Rafael Luan | Filme Dispositivo/Documentário | Colorido | Digital | 8 min | CE | 2022)
Sinopse: filme dispositivo, de montagem, documentário, ensaio, documentário, híbrido, comimagens e sons.

- "Aquele que Veio do Oeste" (Wesjley Maria | Ficção | Colorido | Digital | 18min | CE | 2022)
Sinopse: Decidida em vender antigo imóvel onde morava na cidade de Fortaleza, Beatriz volta e se depara com suposto ataques de monstros marinhos que anda aterrorizando moradores das praias locais.

- "Origem" (Jauhf e Davinci | Demo Vídeo | Colorido | Digital | 13min | CE | 2022)
Sinopse: Em meio ao caos da cidade de Fortaleza, Davinci busca trilhar seus próprios caminhos. Origem é um convite para a festa.

O curso
O Curso de Realização em Audiovisual da Vila das Artes é constituído por ciclos e cada um deles é composto por módulos, divididos nos seguintes eixos: histórico, teórico, linguagem, técnico, aproximativo e ateliê. O curso tem por objetivo atuar na formação de pessoas, incentivando o desenvolvimento de parâmetros artísticos e organizacionais próprios, bem como estimulando prioritariamente os projetos autorais que tenham como suporte os meios audiovisuais. São ofertadas 1.700 horas-aula de carga horária, com a chancela de extensão certificada pelo curso de Cinema e Audiovisual do Instituto de Cultura e Arte da Universidade Federal do Ceará (ICA/UFC).

Serviço
Curso de Realização em Audiovisual - Exibição de Conclusão da 5ª Turma
Data: Sexta-feira (18/03)
Horáio: 19h
Local: Cineteatro São Luiz (Rua Major Facundo, 500 – Centro)
Gratuito / necessário apresentar passaporte vacinal e documento oficial com foto

Publicado em Cultura

A Escola Pública de Audiovisual da Vila das Artes abre inscrições para a oficina "Cinema e Trabalho", com Virgínia Pinho. A atividade é gratuita e será realizada, por meio de encontros on-line, nos dias 7 a 12 de março, das 14h às 17h. Interessados devem preencher formulário eletrônico. São ao todo 25 vagas. Inscrições seguem até dia 3 de março.

Inscrição

A oficina irá abordar múltiplas dimensões da relação do cinema com os mundos do trabalho. "A partir de uma inevitável releitura da própria história do cinema como uma arte que se confunde com o processo industrial, seja por sua reprodutibilidade técnica, seja pela complexa divisão técnica do trabalho, pensamos como essas imbricações não impediram uma certa invisibilidade do trabalho na produção cinematográfica", comenta Virgínia Pinho. "Refletir sobre esse paradoxo é buscar compreender também a natureza contraditória do trabalho em nossa sociedade", complementa a ministrante da oficina.

Além das seis aulas previstas, poderão ser alinhados encontros virtuais específicos para orientação de trabalhos. Parceria com a Cinema & Revolução, a oficina é fruto de projeto apoiado com recursos oriundos da Lei Aldir Blanc, por meio da Secretaria Municipal da Cultural de Fortaleza (Secultfor),

A Vila das Artes é um complexo cultural da Prefeitura de Fortaleza, vinculado à Secultfor e gerido pelo Instituto Cultural Iracema (ICI).

Sobre a ministrante
Virgínia Pinho é multiartista, pesquisadora e professora. Mestra em Comunicação pela Universidade Federal do Ceará (UFC), seus trabalhos transitam entre o Cinema e as Artes Visuais. Desenvolve pesquisas sobre os temas Trabalho e o Trabalhador, Imagem e Memória e a Construção do Espaço Urbano. Participou da 21ª Unifor Plástica (2021), do 72º Salão de Abril (2021) e diversas outras exposições. Em 2017, foi curadora da mostra "Harun Farocki: o trabalho com as imagens", realizada no Cinema do Dragão, e participou do Laboratório de Artes Visuais do Porto Iracema das Artes, com a pesquisa "Isolamento Compulsório". Seu filme "Miragem" (2014/2018) foi premiado no 25º Cine Ceará. Virgínia é também corroterista e codiretora do longa-metragem "A Colônia", selecionado para a 25ª Mostra de Cinema de Tiradentes. Vive e trabalha em Maracanaú (CE). Saiba mais sobre a artista.

Serviço
Oficina "Cinema e Trabalho", com Virgínia Pinho
Inscrições: até 03/03
Formulário eletrônico da inscrição
Data de realização: 07 a 12/03
Horário: das 14h às 17h
Local: Plataforma de Videoconferências Google Meet
Vagas: 25
Gratuito

Publicado em Cultura
Página 1 de 10