A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude, anuncia seleção pública de dois jovens, dentre os 12 educadores (peers educators) do Jovens Contra a Violência de Gênero (JCVG), para participarem do seminário de encerramento do projeto. O evento acontece na cidade italiana de Turim, entre os dias 17 e 19 de fevereiro deste ano.                               

O Projeto JCVG é uma parceria internacional da Coordenadoria de Políticas Públicas de Juventude de Fortaleza com a União Europeia, por meio de acordo bilateral com a cidade de Torino – Servizio Cooperazione Internazionale e Pace, firmado em 1º de março de 2013.                                                  

A peers education – educação entre pares, é a metodologia de atuação do JCVG. Portanto, as ações do projeto são desenvolvidas por jovens voluntários que desempenham o papel de multiplicadores, transmitindo conhecimentos e valores úteis para sensibilizar as atitudes da juventude de Fortaleza.                 

“A missão do projeto é trabalhar a redução da violência de gênero e investir no protagonismo juvenil, aproveitando a capacidade revolucionária do jovem de promover mudanças e influenciar pensamentos já estabelecidos em sua própria comunidade”, enfatiza o secretário de Juventude, Julio Brizzi.              

Neste contexto, faz-se importante o debate dos temas “Masculinidade Positiva”, “Combate à Violência contra as Mulheres” e “Combate à Violência contra a População LGBTT”; assim como o desenvolvimento de campanhas de sensibilização da opinião pública sobre as questões de violência de gênero.          

Edital        
Conforme estabelece o Edital, os custos de emissão de passagens, hospedagem e deslocamento são de responsabilidade da cidade de Turim, responsável pela organização do evento.

Importante ressaltar que a Prefeitura de Fortaleza não se responsabiliza pelos custos da emissão de passaporte para os jovens selecionados, assim como outros possíveis documentos necessários para viagem internacional, como vacinas, seguros e vistos.                                   

O prazo de validade da seleção será de seis meses, a contar da data de divulgação da lista com os resultados, não sendo possível a prorrogação do prazo. Cada selecionado receberá ajuda de custo no valor de R$ 750,00 para as despesas de viagem.

Clique aqui para conferir o edital

Publicado em Juventude
Evento acontece no auditório do Departamento de Ciências Sociais da UFC no dia 23 de janeiro (Foto: Kaio Machado)

 

Como parte da programação do intercâmbio de torcidas organizadas, viabilizado pela Prefeitura de Fortaleza/Coordenadoria de Juventude, em parceria com a Agência Alemã de Cooperação Internacional (GIZ), debate coloca em pauta juventude, torcidas organizadas e alternativas para redução da violência em dias de jogos. O encontro será nesta quinta-feira, 23, às 9h30, no auditório do  Departamento de Ciências Sociais da Universidade Federal do Ceará (UFC).

Participam do debate o secretário de Juventude de Fortaleza, Élcio Batista, a socióloga Glória Diógenes, o coordenador do Laboratório de Estudos da Violência da UFC, Cesar Barreira, o representante da GIZ, João Alemão, além de um representante das torcidas organizadas do Estado e da Alemanha e outros convidados.


Esta visita de torcedores alemães a Fortaleza é fruto do diálogo que a Coordenadoria de Juventude de Fortaleza estabeleceu com as torcidas organizadas durante o ano de 2013 com o projeto ‘Nossa Torcida é Pela Juventude’. A troca de experiências entre as torcidas põe em pauta alternativas para acabar com a violência e aproximar esses jovens das políticas públicas destinadas a eles.

 

Publicado em Fortaleza
O evento começa às 17 horas (Foto: Rubêns Venâncio /arquivo)

Com o tema central "Juventudes e Comunicação", a nova edição do CUCA Acesa acontece nos próximos dias 10 e 11 de maio no CUCA Che Guevara. A intenção é debater sobre quais conexões unem ambos - juventudes e comunicação, como os jovens são vistos, como se expressam, como assistem e como falam.

O CUCA Acesa é um dos projetos do CUCA Che Guevara que integra todas as equipes e diretorias na atenção aos jovens. Acontece anualmente e tem como objetivo a realização de "seminários temáticos", promovendo um espaço-arena livre com encontros, debates, arte e cultura, protagonismo, audiovisual e música.

O primeiro dia (10) debaterá Juventudes, Comunicação e Consumo. O tema contempla assuntos como Meio Ambiente, Capitalismo, Controle de Propriedade, Liberdades, Exposição do Corpo, Padrões de Beleza, Resíduos Sólidos. Entrevistas, vídeos, gravações e provocações nortearão o debate. Foram convidados coletivos, representantes de instituições que trabalham com comunicação e que têm as culturas juvenis como foco, integrantes de movimentos e organizações da sociedade civil e do poder público, pesquisadores de universidades, dentre outros.

O segundo dia (11) segue a mesma metodologia, mas o tema se transforma em Juventudes, Comunicação e Violência. A discussão abordará assuntos como mídia e reforço de estereótipos, sexualidade e preconceito, futebol e torcidas, pobreza, polícia e violência.

Em meio às falas dos presentes, bandas convidadas animam a festa com apresentação de repertório e intervenções artísticas. Confirmadas as presenças dos grupos Acesa Jonnata Doll e os Garotos Solventes, RDF - Relatos de Fortaleza, As Cumades do Rap, Flor do Caos e Verônica Decide Morrer.

A programação começa, em ambos os dias, às 17 horas. Os shows de fechamento têm previsão de início às 20h30. A entrada é franca para o público de todas as idades. A organização do evento estima um público de 300 pessoas em cada dia do evento.

Publicado em Juventude
No Cuca do Mondubim, o teatro é um dos equipamentos inacabados (Foto: Marcos Moura)

Nesta terça-feira (7/5), a  Prefeitura de Fortaleza retomou as obras dos Centros Urbanos de Cultura, Arte, Ciência e Esporte das Regionais V (Mondubim) e VI (Conjunto São Cristovão). Atualmente, o Cuca V encontra-se com aproximadamente 85% das obras executadas e o Cuca VI está um pouco mais atrasado, com 60% de sua estrutura concluída.

Por conta de dívidas da gestão passada, os equipamentos tiveram que receber acréscimo de recursos oriundos do Tesouro Municipal da ordem de R$ 11 milhões. No total, o Cuca da Regional V contará com investimento de R$ 14 milhões e a unidade da Regional VI demandará R$ 20 milhões.

“O prefeito Roberto Cláudio assumiu sua gestão priorizando as políticas de juventude. E os Cucas são usinas criativas onde é possível gerar capital social, intelectual, econômico e cultural. Esses equipamentos exercem um papel primordial de inserção dos jovens de 15 a 29 anos na sociedade”, explicou o secretário de Juventude, Élcio Batista, que esteve acompanhado do secretário de Infraestrutura, Samuel Dias, e do secretário da Regional VI, Renato Lima em visita guiada com a imprensa nesta terça-feira.

Em ambos os empreendimentos, está faltando finalizar o acabamento do teatro e das salas de aula, instalar o sistema de climatização, além de licitações importantes para o funcionamento. No Cuca VI, também estão pendentes as obras de pavimentação do entorno.

Cada empreendimento demanda R$ 8 milhões ao ano para o pleno funcionamento e deve ser instalado um por Regional.

Socialização
Cerca de mil jovens são atendidos em cada Cuca. São cursos gratuitos em diversas áreas do conhecimento, como teatro, audiovisual, gastronomia, música, fotografia, circo, dança e comunicação. Além dos cursos de formação, também são ofertadas vagas para as práticas esportivas.

Élcio Batista destacou o objetivo principal desses equipamentos de socialização que é tirar os jovens da ociosidade. Em Fortaleza, hoje, vivem 720 mil jovens na faixa etária alvo do projeto. “O que queremos é que esses equipamentos funcionem a maior parte do tempo e todos os dias. Vamos atender a comunidade diariamente até às 22h e aos sábados e domingos, assim como já acontece no Cuca da Regional I, na Barra do Ceará”, informou o secretário de Juventude.

Outras obras
O prefeito Roberto Cláudio dará a Ordem de Serviço para o início da construção de três Centros de Artes e Esportes Unificados (CEUs). Para esses empreendimentos será destinado um total de R$ 8,5 milhões provenientes do Ministério da Cultura. A Prefeitura de Fortaleza também irá retomar a obra da Praça da Juventude, na Granja Portugal. O equipamento terá investimento de R$ 1,3 milhão.

Publicado em Juventude
Carol Bezerra apresentou as principais ações da gestão para promover o respeito e a dignidade social de crianças e adolescentes (Foto: Queiroz Neto)

Aconteceu nesta terça-feira (30), no auditório do Paço Municipal, a primeira reunião de prestação de contas do Termo de Compromisso pela Infância, assinado pelo prefeito Roberto Cláudio ainda durante a campanha de segundo turno pela Prefeitura de Fortaleza. Na ocasião, Carol Bezerra,  primeira dama do Município, apresentou as principais ações da gestão para promover o respeito e a dignidade social de crianças e adolescentes.

Representando o Ministério Público, que teve papel significativo no ato de assinatura do termo, a Promotora de Justiça Antônia Lima Sousa ressaltou que o sistema de garantia de direitos é horizontal, sendo todos os eixos envolvidos importantes. A Promotora declarou ainda que a reunião é “a materialização de que o termo é para valer”.
       
A titular da Secretaria Municipal de Saúde, Socorro Martins, apresentou números, estatísticas e mapas que quantificam as necessidades e ações da sua pasta. Socorro enumerou também o que já foi feito, como a posse dos novos coordenadores dos Centros de Saúde – selecionados a partir de critérios técnicos -, e o que está nos planos, que envolvem o aumento da cobertura de atenção primária e a reforma e reequipamento das 74 unidades de atendimento.

O secretário Cláudio Ricardo, da Secretaria de Desenvolvimento Social, Trabalho e Combate a Fome, está direcionando a atenção para os Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas) e Centros de Referência de Assistência Social (Cras) em Fortaleza. Ainda esse ano, será implantado mais um Creas e, até 2014, mais cinco. Já os Creas que têm ação voltada para as medidas socioeducativas seguem a meta de mais duas unidades até o ano que vem.
       
Márcio Lopes, secretário de Esporte e Lazer, abordou o planejamento dos 50 núcleos de escolinhas e dos 25 núcleos do Programa Segundo Tempo. Élcio Batista, da Coordenadoria da Juventude, informou que os Centros Urbanos de Cultura, Arte, Ciência e Esporte (Cucas) da Regionais IV e V serão entregues no segundo semestre deste ano.
       
Saiba mais
O Termo, assinado em outubro de 2012, tem ao todo 22 itens de compromisso, como a construção e implementação do Plano Municipal de Crianças e Adolescentes e a ampliação do número de vagas em creches e pré-escolas para crianças de zero a 5 anos.

Publicado em Fortaleza
O Cuca Che Guevara será o local da eleição do Conselho Municipal de Juventude

Entidades e movimentos juvenis já podem consultar o edital da eleição do Conselho Municipal de Juventude (CMJ) biênio 2013/2014. A eleição acontecerá no 3° Encontro Municipal de Movimentos e Organizações de Juventude de Fortaleza (EMJUV), espaço de eleição dos(as) conselheiros(as) e suplentes representantes da sociedade civil que irão compor o CMJ.

O EMJUV será dia 8 de junho de 2013, das 8h às 17h, no Cuca Che Guevara. Confira abaixo mais informações sobre o CMJ e veja o edital.

Informações Gerais:

O que é o Conselho Municipal de Juventude?

É um órgão colegiado representativo da população jovem direcionado para as questões relativas às políticas publicas voltada para os jovens na cidade de Fortaleza.

Quantos membros compõem o Conselho?

O conselho é composto de 30 (trinta) membros:

- 10 (dez) representantes do Poder Público Municipal

- 20 (vinte) representantes da Sociedade Civil: 02 (dois) jovens escolhidos no processo do Orçamento Participativo, e 18 (dezoito) representantes das Organizações de Juventude de Fortaleza que tenham projetos coordenados por jovens e direcionados para o publico jovem.

Quais os requisitos para se candidatar a uma das 18 (dezoito) vagas a representante da sociedade civil?

a) ser portador de titulo de eleitor;

b) residir no município de Fortaleza;

c) ter idade entre 16 (dezesseis) e 29 (vinte e nove) anos no momento da postulação do cargo;

d) não estar ocupando cargo eletivo ou em comissão e

e) ser o representante de Movimento e/ou Organização de Juventude com atuação em Fortaleza.

O que se entende por Movimento e/ou Organização de Juventude?

É qualquer grupo de jovens que se organizam em torno de temáticas políticas, sociais, culturais, esportivas, religiosas, voltadas para a melhoria da qualidade de vida dos jovens e organizações não governamentais que desenvolvam projetos coordenados por jovens e voltados para o público jovem.

Como faço para me inscrever?

Quem se inscreve é o Movimento e/ou Organização de Juventude; é este que concorrerá a uma das 18 (dezoito) vagas e que também indicará o seu respectivo representante e suplente.

As inscrições serão realizadas na Avenida Luciano Carneiro, nº 2235, Vila União, do dia 15 de abril ao dia 15 de maio, somente nos dias úteis.

Quais documentos necessários para fazer a Inscrição?

1) Copia do CNPJ (se for o caso)

2) Copia do Estatuto ou documento similar da organização ou movimento.

3) Oficio de Indicação dos Representantes da Organização ou movimento, com algum documento oficial com foto (RG, carteira de Trabalho e etc) e título de eleitor.

4) Relatório de atividade dos anos de 2011 e 2012.

5) Comprovação da existência de fato da organização ou movimento há pelo menos 02 anos.

6) Preenchimento do Formulário de Inscrição (disponibilizado pela internet, no site www.fortaleza.ce.gov.br  ou no local da inscrição).

Cronograma:

DATA

EVENTO

09/04

Lançamento do Edital e Composição da Comissão Eleitoral

15/04 à 15/05

Inscrições para 3º EMJUV

20/05

Divulgação das Organizações aptas a participar (com direto à voto)

20/05 à 23/05

Prazo para apresentar recurso contra o indeferimento da Inscrição

27/05

Divulgação do Resultado dos Recursos

08/06

Dia do 3º EMJUV

Abaixo os links da lei e do edital:

http://fortaleza.ce.gov.br/migracao/files/lei.pdf

http://fortaleza.ce.gov.br/migracao/files/edital_ficha_de_insc._final.pdf

Publicado em Juventude
Cuca da Barra vai sediar a eleição dos conselheiros e suplentes representantes da sociedade civil que irão compor o CMJ

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude, recebe na próxima segunda-feira, dia 8, às 16h, representantes de organizações e movimentos juvenis para definir o processo eleitoral do Conselho Municipal de Juventude (CMJ).

Desde o dia 18 de março está aberto para consulta pública no site da Prefeitura o edital de convocação da eleição do Conselho Municipal de Juventude (CMJ), biênio 2013/2014. Apesar do edital ter sido elaborado ainda em 2012, a eleição do CMJ não chegou a ser feita.

Na reunião serão definidos detalhes como data e comissão eleitoral. “Acreditamos que as políticas públicas de juventude precisam de um Conselho atuante para se fortalecerem”, destaca Élcio Batista, secretário de Juventude de Fortaleza.

Dúvidas e sugestões pelo email Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. e 3452.5373.

Serviço: Reunião para definir o processo eleitoral do Conselho Municipal de Juventude, segunda-feira, 8 de abril, às 16h, na Av. Luciano Carneiro, 2090 – Vila União.

Publicado em Fortaleza
Poder público, torcidas organizadas e imprensa participaram da reunião

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude, promoveu o evento “Gente Jovem Reunida – Debate sobre Torcidas Organizadas”, na manhã desta sexta-feira, 15/03, no auditório da própria Coordenadoria.

O encontro teve como objetivo buscar alternativas para acabar com a violência nos estádios e abrir um canal de diálogo com as torcidas organizadas, imprensa esportiva e demais setores da sociedade. A prefeitura entende que, por serem compostas por jovens em sua maioria, as torcidas organizadas necessitam de atenção por parte das políticas públicas de juventude.

Para dar início ao programa “Torcidas Organizadas pela Juventude”, o encontro de hoje foi apenas o primeiro de três. Neste primeiro momento, os representantes de torcidas, de órgãos públicos e jornalistas responderam a uma pesquisa para coletar dados que serão usados na construção coletiva do programa, pois a Prefeitura entende que o formato de escuta pública é de fundamental importância para elaborar democraticamente as políticas públicas voltadas para os jovens.

“Nos próximos encontros, serão criadas propostas em cima das ideias do debate inicial, que serão avaliadas e colocadas em prática através da criação de um cronograma de ação, já que o fórum de pacificação social deve ser permanente”, ressaltou o secretário da Juventude, Élcio Batista. “Precisamos pensar o jovem como ator do desenvolvimento social. Temos que engajá-lo em projetos sociais e qualificá-lo profissionalmente para afastá-lo da violência”, completou.

Para o diretor da Cearamor, Régis Alves, este momento é muito importante. “Precisamos do apoio dos órgãos públicos para mostrar o lado positivo das torcidas. Temos vários projetos sociais que a imprensa não mostra, como o Sopão Solidário nos bairros e o cursinho preparatório para o ENEM para os jovens”, disse.

Além das torcidas organizadas, estiverem presentes também representantes do poder público como SECOPA, SDE, ETUFOR, AMC, CUCA e PMCE.



 

Publicado em Gestão
Teatro com máscaras e teatro educação são alguns dos cursos disponíveis (Foto: Mauri Melo)

Todos os meses o CUCA Che Guevara oferece novos cursos gratuitos para os jovens de toda a Cidade. Com os mais variados temas e área de interesse, as vagas são pensadas de acordo com a necessidade de formação para o trabalho, mas sempre são levados em conta o perfil e os interesses das juventudes. Se você tem de 15 a 29 anos confira os cursos que ainda estão disponíveis neste mês, escolha o seu e faça a matrícula.


TEATRO EDUCAÇÃO

(9 horas/aula. 30 vagas)

O curso motivará o compartilhamento de jogos e exercícios para utilização em sala de aula das técnicas teatrais, com atividades específicas para serem aplicadas com crianças e adolescentes. Atividade direcionada para educadores sociais, arte educadores e professores que estão iniciando no campo da arte educação.

De 20 a 22/03 (quarta a sexta - de 9h às 12h)

Educadora: Vanéssia Gomes

 

 

TEATRO COM MÁSCARAS

(21 horas/aula. 30 vagas)

Treinamento teatral através da utilização de máscaras, que objetiva ativar as potencialidades expressivas do corpo cênico tendo como propulsor os jogos teatrais e dramáticos.

De 26/03 a 16/04 (terça e quarta - de 9h às 12h)

Educadora: Vanéssia Gomes

 

 

ELABORAÇÃO DE PROJETOS PARA EDITAIS DE MÚSICA

(21 horas/aula. 30 vagas)

O curso apresentará todas as etapas da elaboração de um projeto cultural, com enfoque em captação de recursos e editais da área musical.

De 26/03 a 09/04 (terça a sexta - de 18h às 21h)

Educadora: Lorena Soares

 

 

PENSANDO A BANDA COMO NEGÓCIO

(9 horas/aula. 30 vagas)

Entender as etapas de produção de uma banda de Música. Financiamento: como acessar editais públicos e privados. Ferramentas de divulgação: release, redes sociais, blogs, revistas, fanzines e jornais. Noções de direitos autoral. Registro de obras.

De 26/03 a 02/04 (terça a quinta - de 18h às 21h)

Educador: Amaudson Ximenes

 

 

NOÇÕES BÁSICAS DE DIREITO MUSICAL

(12 horas/aula. 30 vagas)

Estudo de Direito Musical no exercício da profissão artística, incluindo as noções básicas de legislação que esclareçam desde os direitos autorias (conceito de obra, registro, plágio e pirataria) às relações de trabalho (direitos trabalhistas; 13º salário, férias, FGTS etc).

De 02 a 05/04 (terça a sexta - de 14h às 17h)

Educador Fábio Barros

 

 

CRIAÇÃO DE VLOG

(27 horas/aula. 20 vagas)

Criação de vídeos pessoais (vídeo log, ou vlog) para internet.

De 20/03 a 05/04 (terça a sexta - de 9h às 12h)

Educador: Alex Nunes

 


 

SERVIÇO

Diretoria de Formação do CUCA Che Guevara - Setor de Matrículas

Horário de Funcionamento: de 8h às 20h (de terça a sexta) e de 8h às 12h (aos sábados)

Telefones: (85) 3237.4688 e 3237.4488

Outras informações de cursos:

http://cucacheguevara.blogspot.com.br/p/cursos.html


 

Publicado em Fortaleza
Márcio Lopes ouviu as reivindicações dos jovens participantes dos projetos do Cufa

A parceria entre a Prefeitura Municipal de Fortaleza, por intermédio da Secretaria de Esporte e Lazer (Secel), e a Central Única das Favelas (Cufa) do bairro Lagamar foi reafirmada durante visita do titular da pasta, Márcio Lopes, à sede da entidade na terça-feira (12/03). Acompanhado por Preto Zezé, Del Lagamar e Ronildo Vidal, o secretário municipal conheceu os projetos realizados pela Cufa e conversou com jovens da comunidade sobre a importância do esporte para combater a violência e as drogas.

Durante a visita também foram exibidos vídeos de duas iniciativas promovidas pela Cufa: o Suburbão Futebol Clube, campeonato de futebol realizado entre os moradores de 70 comunidades de Fortaleza, e a competição Basquete de Rua. Após a apresentação, jovens participantes dos projetos puderam fazer suas reivindicações e mostrar as dificuldades enfrentadas devido a falta de recursos.

Além de conhecer as atuações sociais da organização e as demandas dos jovens, Márcio Lopes debateu sobre possíveis ações esportivas para o Lagamar e adjacências. "Tenho uma missão pública e estou preocupado em incentivar, através de bons parceiros, as ações que já existem. Hoje, traçamos metas e analisamos parcerias que serão discutidas", afirmou Márcio Lopes.

Cufa
A Central Única das Favelas (Cufa) foi criada a partir da união entre jovens de várias favelas que buscavam espaços para expressarem suas atitudes, questionamentos ou simplesmente mostrando sua vontade de viver. A Cufa propicia à sociedade os maiores espaços alternativos de interação entre aqueles que são apaixonados por artes integradas e esporte de participação.

Publicado em Social