A Biblioteca Pública Infantil Herbênia Gurgel, em parceria com a Associação do Conjunto Ceará de Cidadania, Esporte, Lazer e Cultura (CELC), abre inscrições para aulas de dança, na modalidade jazz, voltadas para crianças e adolescentes de 6 a 15 anos. As inscrições podem ser feitas até 04 de julho, às 17h, presencialmente na sede do equipamento e o início das aulas será no dia 5 de julho de 2019.

As aulas ocorrerão sempre às sextas-feiras, das 16h às 17h e serão ministradas pela jovem aprendiz Suiane Alcântara e sob supervisão da bailarina Amanda Leite. Para a inscrição, o responsável pelo aluno deverá apresentar na sede da Biblioteca os seguintes documentos: xerox do comprovante de endereço, RG, CPF e uma foto 3x4 da criança ou adolescente.

Para promover atividade no entorno do bairro Conjunto Ceará, a biblioteca fará um aulão de jazz inaugural, gratuito e aberto ao público, na quarta-feira, 26 de junho, uma semana antes do início oficial das aulas.

A Biblioteca Herbênia Gurgel é um equipamento da Prefeitura de Fortaleza, administrado pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor).

Serviço
Aulas de Jazz
Inscrições: Até 04/07, na sede da Biblioteca Herbênia Gurgel
Aulas: Sextas-feiras, a partir do dia 05/07, das 16h às 17h
Local: Biblioteca Pública Infantil Herbênia Gurgel (Rua 531, nº 25, 2ª Etapa do Conjunto Ceará)
Gratuito

Publicado em Cultura
Imagem duplicada da performer Carlota sentada. Texto: Dançar a Qualquer Tempo. Curso para as famílias dos alunos do curso de formação básica da Escola Pública de Dança da Vila das Artes. Os Modos e Modas no Corpo, com Carlota. 20 e 27 de maio, 03 e 10 de junho, das 8h30 às 9h30. Vila das Artes - Rua 24 de Maio, 1221 - Centro.

A Vila das Artes realiza mais uma edição do programa “Dançar a Qualquer Tempo”, com a oficina “Os Modos e Modas no Corpo”, ministrada pela performer Carlota. As aulas, destinadas às famílias dos alunos do Curso de Formação Básica da Escola Pública de Dança da Vila das Artes, ocorrem nos dias 20 e 27 de maio, e 3 e 10 de junho, das 8h30 às 9h30.

“Em um reencontro com a dança, o corpo dançante recria e interpreta o próprio jeito de dançar e, indo ao encontro da moda, identifica meios de construir um olhar comum nos corpos que transitam entre esses dois universos”, explica a performer e pesquisadora. Segundo Carlota, as aulas se estruturam em pesquisa que tem por base a construção “de uma metodologia para um corpo que já performa a pose nos seus dias, porém nunca pensou que podia ser aplicado a corpos comuns e não só aos corpos das modelos e das bailarinas, o que gera uma nova percepção do corpo e dos comportamentos ao nosso redor”, complementa.

A Vila das Artes é um equipamento cultural da Prefeitura de Fortaleza gerido pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) em parceria com o Instituto Cultural Iracema (ICI).

Sobre a ministrante

Carlota é dançarina, artista-pesquisadora do Corpo Pousado, performer, desenhista de moda e estudante de Licenciatura em Dança pela Universidade Federal do Ceará. Desenvolveu ilustrações de moda para as marcas André Sampaio e Elo. Concebeu e apresentou os espetáculos "E eu" (2017) e "O Veado" (2017). Integra a Companhia Anagrama, onde atua como intérprete no espetáculo "Andorinhas" (2017-2018) e colabora nas criações do grupo no âmbito da pesquisa do Corpo Lânguido, técnica desenvolvida pela Companhia. Participou da residência "The Bichxs Metazoa é Quasi-desfile Animalia" (2017), proposta pelo Coletivo No Barraco da Constância Tem! Atualmente desenvolve pesquisas com as questões de gênero nos projetos "Manifesto Menino Feminino" e “O Vazio, O Vestido, O Vioda”.

Serviço
Programa Dançar a Qualquer Tempo – Oficina “Os Modos e Modas no Corpo”, com Carlota
Data: 20 e 27/05, 03 e 10/06
Horário: 8h30
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, nº 1221 – Centro)

Publicado em Cultura
Bailarina de trança e poucas vestes brancas faz gesto de braços abertos com mãos e tronco retorcidos em meio a paisagem de árvores e folhas secas no chão. O texto diz: VIII Temporal - Encontro de Dança Contemporânea e Composição em Tempo Real - 4ª Ação de 2019 / Laboratório de Pesquisa Corporal e Criação Corpo_Empoderamento, com Daniela Yara Cantillo Castrillon / 22 de maio, quarta-feira, 18h30 / Vila das Artes, Rua 24 de maio, 1221 - Centro / Informações: (85) 3105.1402

A Vila das Artes promove, na próxima quarta-feira (22/05), a oficina de improvisação em dança “Laboratório de Pesquisa e Criação: Corpo Empoderamento”, com a professora e bailarina Daniela Cantillo. A atividade, com inscrições por ordem de chegada e lotação mediante disponibilidade do espaço, ocorre das 18h30 às 21h e integra a programação do VIII Temporal – Encontros de Dança Contemporânea e Composição em Tempo Real.

A oficina apresenta a pesquisa corporal de criação em dança da bailarina e pesquisadora colombiana, propondo “favorecer o conhecimento e a desestabilização de padrões corporais cristalizados, a construção de novos vocabulários de movimento, e a invenção de si enquanto corpo dançante, com habilidade de transitar entre tensão e relaxamento muscular em relação à respiração”, conforme explica Daniela. “No processo, a improvisação em dança emerge como geradora de conhecimento individual e coletivo, favorecendo a expressão de ruídos internos, colocados na dança em favor de um projeto poético transformador”, complementa.

A oficina é fruto de parceria entre Vila das Artes, Conectivo Nozes e o encontro de dança Temporal, que ao longo do ano realiza ações mensais que culminarão em uma semana imersiva de intensa programação no mês de setembro. “Laboratório de Pesquisa e Criação: Corpo Empoderamento” é a quarta ação do Temporal em 2019.

A Vila das Artes é um equipamento cultural da Prefeitura de Fortaleza, gerido pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) em parceria com o Instituto Cultural Iracema (ICI).

Sobre a ministrante
Bailarina, gestora cultural e pesquisadora, a colombiana Daniela Yara Cantillo Castrillon é formada em Artes Cênicas – Opção Dança Contemporânea na Universidad Distrital Francisco José de Caldas e Faculdade das Artes na Academia Superior de Artes de Bogotá. Atualmente, é diretora da Nodo Mediación Cultural y Creativa, bailarina e gestora do Projeto TerSerCuerpo (2017-2019) e parte do percurso de FotoPoéticas2019 do Porto Iracema das Artes.

Serviço
Oficina “Laboratório de Pesquisa e Criação: Corpo Empoderamento”, com Daniela Cantillo
Data: Quarta-feira (22/05)
Horário: 18h30
Inscrições: No dia do evento, por ordem de chegada, mediante lotação do espaço
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221 – Centro)
Gratuito

Publicado em Cultura
Ao fundo, foto em preto e branco do ministrante da aula. No texto, em destaque os dizeres

A Vila das Artes realiza, na quinta feira (09/05), oficina de balé clássico com o bailarino, professor e coreógrafo Dhaniel Amaral. A “Master Class de Técnica Clássica” é integrante do programa Aulas Abertas, da Escola Pública de Dança da Vila das Artes, equipamento da Prefeitura de Fortaleza, coordenado pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) em parceria com o Instituto Cultural Iracema (ICI). A atividade ocorre das 11h30 às 13h30.

A aula consiste em exercícios de técnica clássica, composta por exercícios em barra e centro. A aula tem como base a metodologia Royal Academy e é destinada a bailarinos e bailarinas que tenham algum conhecimento em balé clássico.

Sobre o ministrante
Bailarino, professor e coreógrafo, formando em balé clássico e contemporâneo, Dhaniel Amaral atuou como professor de corpo de baile e curso técnico em dança na New Zealand School Of Dance (Nova Zelândia). Como bailarino, atuou em companhias de dança em todo país e venceu prêmios nacionais e internacionais, como o Festival de Dança de Joinville e o Youth American Grand Prix (Nova Iorque). Dançou como principal solista convidado em remontagens de diversos balés de repertório por todo país e atua como professor e coreógrafo em diversas escolas e companhias, com trabalhos premiados em festivais nacionais e internacionais. Em 2009, foi diretor e proprietário do Studio In Dhance em Goiania. Recentemente foi professor e coreógrafo do balé de Brasília (DF), e teve trabalhos de remontagens e autorais premiados no festival de bailado de Porto (Portugal). Atualmente trabalha com aulas, remontagens e trabalhos coreográficos em escolas e companhias de dança em todas regiões.

Serviço
Programa de Aulas Abertas – “Master Class de Técnicas Clássicas”, com Dhaniel Amaral
Data: Quinta-feira
Horário:, das 11h30 às 11h30
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, 1221 – Centro)
Inscrições por ordem de chegada

Publicado em Cultura
vetin
Espetáculo "Vetin" do Grupo de Dança da Rede Cuca

Os grupos de danças urbanas da Rede Cuca realizarão apresentações na abertura do 4º Festival Internacional do Conselho Brasileiro de Dança (CBDD), que será realizado de 30 de abril a 05 de maio. Serão exibidos os espetáculos “Vetin”, na abertura, e “A Carne”, no encerramento. O evento, que tem apoio da Prefeitura de Fortaleza, por meio da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas de Juventude, terá abertura oficial realizada na quinta-feira (02/05), às 18h, no Teatro do Shopping Rio Mar Fortaleza, e contará com extensa programação como workshops, apresentações e competições.

O Festival do CBDD servirá como etapa seletiva para o “Young American Gran Prix”, considerado o maior festival estudantil de dança do mundo, com finais que serão realizadas na cidade de Nova York, nos Estados Unidos. Os melhores bailarinos serão premiados com bolsas de estudos e vagas em diversas competições internacionais. Na oportunidade, três jovens da Rede Cuca, juntamente com outros 1.100 dançarinos da cidade, participarão da seleção.

A programação do evento, que deve receber 850 bailarinos oriundos de 12 estados brasileiros, também traz, pela primeira vez à Fortaleza, a pré-seleção para a Escola do Teatro Bolshoi no Brasil e workshops de dança clássica, com profissionais do Ballet Bolshoi, que serão realizados na Academia Tereza Passos. Dentro do cronograma, também acontecerá a seletiva do Festival de Joinville.

Seletiva internacional

Três alunos da Rede Cuca participarão da seletiva, no domingo (05/05), às 16h, para o Festival Estudantil de Dança que ocorrerá em Nova York, nos Estados Unidos. Confira os perfis:

Kew Ajani (24) iniciou a trajetória na dança de salão em 1998, aos três anos de idade. Atualmente é monitora de dança na Rede Cuca Mondubim e também atua como coreógrafa e intérprete.

Ewerson Vitoriano (17), que iniciou nas danças urbanas em 2012, aos 11 anos de idade, atua hoje como intérprete e há três anos faz parte do grupo de dança da Rede Cuca.

Lucas Diniz (20) é aluno de dança da Rede Cuca Jangurussu há um ano. O jovem vai competir com o solo “451 Fahrenheit".

Espetáculos de abertura e encerramento

O Grupo de Dança da Rede Cuca fará a abertura do evento, na quinta-feira (02/04), às 18 horas, com o espetáculo ‘Vetin”, que contará com a participação de 13 dançarinos. O objetivo é trazer discussões sobre assuntos relacionados à periferia, utilizando de linguagens das danças urbanas, como funk, hip hop, reggae, entre outros estilos.

O grupo de dança da Rede Cuca Jangurussu apresentará o espetáculo "Carne", que propõe um olhar sensível e ao mesmo tempo forte sobre o desafio, a diversidade e a história do corpo negro.

Masterclass na Rede Cuca

Na terça-feira (30/04), na Rede Cuca Mondubim, serão realizadas aulas de nível básico e intermediário em Ballet Contemporâneo, com o mestre Erick Silva (SP). Já na quinta-feira (02/05), a Rede Cuca Barra será palco da aula do Curso de Jazz da Mestra Andrea Sposito (SP).

Publicado em Juventude
Professora de balé dá aula para alunas em frente a espelho
A Escola Pública de Dança da Vila das Artes é um dos locais que recebe eventos dentro da programação da Semana da Dança

Em comemoração ao Dia Internacional da Dança, celebrado no dia 29 de abril, a Vila das Artes – em parceria com diversas entidades culturais da Cidade – promove, no período de 23 a 30 de abril, a Semana da Dança. A programação, elaborada em conjunto com Theatro José de Alencar, Porto Iracema das Artes, KHARTAZ Cultura, Dragão do Mar e a Associação de Bailarinos, Professores e Coreógrafos de Dança do Ceará (Prodança), é composta por aulas abertas, palestras, espetáculos e outros eventos gratuitos, com destaque para o Seminário "Percursos Formativos em Danças: Experiências e Acontecimentos".

Na manhã de quarta-feira (24/04), ocorre o programa Aulas Abertas da Escola Pública de Dança da Vila das Artes, com a oficina "Samba de Roda", conduzida pelo bailarino Éder Soares. Às 17h, é a vez do projeto Falas de Dança, que recebe Daniel Lessa para uma conversa intitulada "A Dança como Perspectiva", abordando a trajetória do bailarino como profissional da Dança.

O programa Aulas Abertas ocorre também na segunda-feira (29/04), com a oficina "Abordagens Técnicas Contemporâneas", conduzida por Carolina Wiehoff, seguida por uma roda de improvisação com as professoras do Curso de Formação Básica de Dança da Vila das Artes, Alda Pessoa e Dayana Ferreira. A atividade ocorre a partir das 15h e é aberta, com inscrições por ordem de chegada.

Ao longo de todo o período da Semana da Dança, o público poderá ainda visitar, na Vila das Artes, a exposição "20 Anos do Colégio de Dança do Ceará", com fotos e trechos de vídeos que homenageiam o projeto, que aglutinou importantes bailarinos, professores e coreógrafos de Fortaleza e do interior numa formação em dança cênica que transformou a cena local. A exposição, como todas as outras atividades, é gratuita e aberta ao público.

Seminário
Com objetivo de promover o diálogo sobre a importância das formações em danças desenvolvidas em Fortaleza, o Seminário "Percursos Formativos em Danças: Experiências e Acontecimentos" será composto de duas mesas redondas: “A importância da formação em dança em Fortaleza: um olhar dos egressos”, que ocorre na Vila das Artes na terça-feira (23/04), e “20 anos do Colégio de Dança do Ceará: homenageando sua contribuição na formação em dança para o estado”, que será na quinta-feira (25/04) no Foyer do Theatro José de Alencar. O evento é destinado a bailarinos, professores,coreógrafos, pesquisadores e interessados.

A Vila das Artes é um equipamento cultural da Prefeitura de Fortaleza, gerido pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor) em parceria com o Instituto Cultural Iracema (ICI).

Programação Completa
> Terça-feira (23/04):
Exposição – “20 Anos do Colégio de Dança do Ceará”
Exposição de fotos e trechos de vídeos que homenageiam o projeto Colégio de Dança do Ceará.
Quando: de Terça a Sexta-feira (23 a 26/04) e Segunda-feira (30/04), das 8h às 20h
Onde: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, nº 1221 – Centro)
Gratuito

Trajeto Forsythe, com Alda Pessoa
Aula pública do Curso de Formação Básica em Dança da Vila das Artes.
Quando: Terça-feira (23/04), às 17h
Onde: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, nº 1221 – Centro)
Gratuito

Mesa Redonda "A importância da formação em dança em Fortaleza: um olhar dos egressos"
Atividade integrante do Seminário "Percursos Formativos em Danças: experiências e acontecimentos". Convidados: Thiago Torres (Bacharelado em Dança UFC), Natália Almada (Licenciatura em dança UFC), Rebeca Duarte (Curso de Formação Básico em Dança - Vila das Artes), Marília Nogueira (Curso Técnico em Dança), Sarah Nastroyanni (Curso de Iniciação em Dança Contemporânea), Déborah Santos (Edisca), Joalano Paulino (BCAD).
Quando: Terça-feira (23/04), às 18h30
Onde: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, nº 1221 – Centro)
Gratuito

> Quarta-feira (24/04):
"Samba de roda", com Éder Soares
Atividade integrante do programa Aulas Abertas, destinada a bailarinos, professores,coreógrafos, pesquisadores e interessados.
Quando: Quarta-feira (24/04), às 8h30h
Onde: Estacionamento da Vila das Artes (Rua 24 de Maio, nº 1221 – Centro)
Gratuito

"A Dança como Perspectiva", com Daniel Lessa
A conversa, integrante do programa Falas de Dança, abordará de maneira contextualizada a trajetória do bailarino Daniel Lessa como profissional da Dança
Quando: Quarta-feira (24/04), às 17h
Onde: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, nº 1221 – Centro)
Gratuito

Espetáculo "Povonativiô"
Apresentação de alunos da 2ª turma do Curso de Iniciação em Dança Contemporânea (CIDC), da Associação de Bailarinos, Coreógrafos e Professores de Dança do Ceará (Prodança)
Quando: Quarta-feira (24/04), das 18h às 21h
Onde: Theatro José de Alencar (Rua Liberato Barroso, 525 – Centro)
Gratuito

> Quinta-feira (25/04):
Mesa Redonda "20 anos do Colégio de Dança do Ceará: homenageando sua contribuição na formação em dança para o estado"
Atividade integrante do Seminário "Percursos Formativos em Danças: experiências e acontecimentos". Convidados: Ernesto Gadelha, Flávio Sampaio, Andréa Bardawill. Mediação: Rosa Primo.
Quando: Quinta-feira (25/04), às 15h
Onde: Theatro José de Alencar (Rua Liberato Barroso, 525 – Centro)
Gratuito

Reunião do Fórum de Dança
Quando: Quinta-feira (25/04), às 17h30
Onde: Theatro José de Alencar (Rua Liberato Barroso, 525 – Centro)
Gratuito

Roda de Improvisação com Projeto Improvisa / Temporal em 2019
Quando: Quinta-feira (25/04), às 19h
Onde: Theatro José de Alencar (Rua Liberato Barroso, 525 – Centro)
Gratuito

> Sexta-feira (26/04):
Roda de Conversa “O que pode a Dança no Corpo”
Convidado: João Paulo Lima, Jéssica Teixeira e Renata Távora.
Quando: Sexta-feira (26/04), das 16h às 18h
Onde: Escola Porto Iracema das Artes (Rua Dragão do Mar, 160 – Praia de Iracema)
Gratuito

Aulas Abertas
Aulas de Dança Contemporânea com Paulo Caldas e de Danças Urbanas com Luiz Paulo (Coreano).
Quando: Sexta-feira (26/04), às 18h
Onde: Escola Porto Iracema das Artes (Rua Dragão do Mar, 160 – Praia de Iracema)
Gratuito

> Sábado (27/04):
Projeto "Bem vindo a Minha Casa", com Loly Pop
Aulas de House Dance destinadas ao público iniciante, intermediário e avançado.
Quando: Sábado (27/04), às 17h
Onde: KARTHAZ Cultura (Rua Pero Coelho, 442 – Centro)
Gratuito

Performance "CORPO_ARQUITETURA", com Yara Cantillo
Quando: Sábado (27/04), às 18h
Onde: KARTHAZ Cultura (Rua Pero Coelho, 442 – Centro)
Gratuito

Performance "Passação", com Tiago Torres
Quando: Sábado (27/04), às 19h
Onde: KARTHAZ Cultura (Rua Pero Coelho, 442 – Centro)
Gratuito

Discotecagem, com DJ Pascal
Quando: Sábado (27/04), às 20h
Onde: KARTHAZ Cultura (Rua Pero Coelho, 442 – Centro)
Gratuito

> Domingo (28/04):
Festival dos Amigos
Apresentações artísticas com escolas de dança da Cidade em celebração ao aniversário do bailarino e professor Hugo Bianchi.
Quando: Domingo (28/04), às 18h
Onde: Theatro José de Alencar (Rua Liberato Barroso, 525 – Centro)
Entrada: R$10 + 1kg de alimento

> Segunda-feira (29/04):
Faça Chuva, Faça Sol, Faça Aula
Conjunto de aulas abertas realizadas no Dia Internacional da Dança.
- Danças Africanas, com Rubéns Lopes
Quando: Segunda-feira (29/04), às 9h
Onde: Quadra Poliesportiva do Dragão do Mar (Rua Dragão do Mar, 81 – Praia de Iracema)
- Oficina "Abordagens Técnicas Contemporâneas", com Carolina Wiehoff, seguida por Roda de Improvisação com Dayana Ferreia e Alda Pessoa
Quando: Segunda-feira (29/04), às 15h
Onde: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, nº 1221 – Centro)

Publicado em Cultura
Fachada do equipamento cultural Vila das Artes
A Vila das Artes é um equipamento cultural da Prefeitura de Fortaleza, gerido pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor)

A Vila das Artes promove, ao longo da próxima semana (de 18 a 23 de março), extensa programação para interessados em atividades ligadas à dança. Conduzidas por nomes de destaque do segmento artístico, como Wilemara Barros, Gerson Moreno, Gyl Giffony e Daniela Cantillo, as atividades terão as vagas preenchidas por ordem de chegada. A Vila das Artes é um equipamento cultural da Prefeitura de Fortaleza, gerido pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor).

Na segunda-feira (18/03), ocorrem as oficinas “Viewpoints: Tempo e Espaço” (parte da programação do VIII Temporal – Encontros de Dança Contemporânea e Composição em Tempo Real, realizado pela Universidade Federal do Ceará), com Gyl Giffony, e “Manutenção Artística – Técnica Clássica”, com Wilemara Barros – esta com duração até sexta-feira (22/03). O programa Conversa de Academia recebe, na tarde de sexta-feira (22/03), o bailarino Gerson Moreno, que conduz também a residência artística “Giras de Criação em Dança: Narrativas Ancestrais, Comunitárias e Territoriais” na noite do mesmo dia e na manhã do dia seguinte. No sábado (23/03), o programa Aulas Abertas traz a coreógrafa colombiana Daniela Cantillo com a oficina “Movimento Contínuo / Corpo Improvisado”.

“É uma programação que faz a dança marcar presença em março, mês conhecido por destacar atividades ligadas ao Dia Internacional do Teatro e do Circo”, comenta a coordenadora da Escola Pública de Dança da Vila das Artes, Marina Carleial. “A variedade chama atenção, vai do clássico ao contemporâneo, e passa por discussões ligadas a danças negras e indígenas”, complementa.

Serviço
Oficina “Viewpoints: Tempo e Espaço ”, com Gyl Giffony
Data: Segunda-feira (18/03)
Horário: 18h30
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, nº 1221 – Centro)

Programa Aulas Abertas – “Manutenção Artística – Técnica Clássica”, com Wilemara Barros
Data: Segunda a Sexta-feira (18 a 22/03)
Horário: 11h30 às 13h
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, nº 1221 – Centro)

Conversa de Academia – “Proposições de ensino/criação em danças contemporâneas: território, ancestralidade e narrativas comunitárias”, com Gerson Moreno
Data: Sexta-feira (22/03)
Horário: 15h
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, nº 1221 – Centro)

Residência Artística “Giras de Criação em Dança: Narrativas Ancestrais, Comunitárias e Territoriais”, com Gerson Moreno
Data: Sexta-feira e Sábado (22 e 23/03)
Horário: das 18h às 20h (Sexta-feira) e das 9h às 13h (Sábado)
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, nº 1221 – Centro)

Programa Aulas Abertas “Movimento Contínuo / Corpo Improvisado”, com Daniela Cantillo
Data: Sábado (23/03)
Horário: das 8h às 12h
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, nº 1221 – Centro)

Publicado em Cultura
Fundo branco com foto da palestrante em menor tamanho do lado direito. Texto:

A Vila das Artes realiza, na quinta-feira (28/02), a primeira edição do programa Conversa de Academia de 2019. A convidada é a bailarina e pesquisadora Janaína Bento, que compartilhará o processo de pesquisa de sua dissertação “Desenhar a Dança | Dançar o Desenho: traçando possíveis em composição coreográfica na dança contemporânea”. O evento tem início às 15h, na Vila das Artes, equipamento cultural da Prefeitura de Fortaleza gerido pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor).

A conversa é norteada pelo processo de criação da pesquisadora, que conecta dança e desenho, temas que são palavras-chave na pesquisa desenvolvida por ela no Mestrado Acadêmico em Artes da Universidade Federal do Ceará (UFC). “É uma forma de criar partilhada, cada um vê o desenho e dança segundo a própria imaginação, sem certo ou errado, tendo o desenho como um disparador de movimento”, explica Janaína.

Segundo a coordenadora da Escola Pública de Dança da Vila das Artes, Marina Carleial, a apresentação trará os avanços de Janaína dentro do tema, já apresentado anteriormente em outra edição do Conversa de Academia. “Quando ainda na graduação, Janaína apresentou o que viria a ser o seu trabalho de conclusão de curso. Agora, teremos a oportunidade de acompanhar os desdobramentos que serão apresentados como pesquisa de mestrado”, comenta.

O programa Conversa de Academia tem como objetivo compartilhar o resultado de trabalhos acadêmicos com temas ligados à dança e estimular a visibilidade desses estudos criando um ciclo contínuo de diálogos.

Sobre a ministrante
Bailarina, coreógrafa, diretora e pesquisadora de dança, Janaína Bento trabalha com composição coreográfica com foco na decomposição e recomposição de movimentos para criação em dança e também com a utilização de desenhos como recurso para composição coreográfica. É mestranda em Artes pela Universidade Federal do Ceará (UFC), bacharela em dança pela mesma instituição (2015), técnica em Dança pelo Porto Iracema das Artes (2017), licenciada em História pela Universidade Estadual do Ceará (2003), e especialista em Metodologia do Ensino das Ciências Sociais e Humanas pela Universidade Federal do Ceará (2010).

Serviço
Conversa de Academia – Desenhar a Dança | Dançar o Desenho: traçando possíveis em composição coreográfica na dança contemporânea”, com Janaína Bento
Data: Quinta-feira (28/02)
Horário: 15h
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, nº 1221 – Centro)

Publicado em Cultura
Ao fundo, a imagem de um rosto de homem barbado e cabelos curtos (o ministrante da oficina) com o texto em destaque

A Vila das Artes e a Associação de Bailarinos, Professores e Coreógrafos de Dança do Ceará (Prodança) realizam, a partir do dia 27 de fevereiro, a oficina de dança “Corpo, Som e Composição Generativa”, com o coreógrafo Alejandro Ahmed. A atividade gratuita, que terá duração de três dias, oferece 25 vagas. Inscrições devem ser realizadas online por meio do formulário disponibilizado abaixo. A atividade integra o programa Aulas Abertas, da Escola Pública de Dança da Vila das Artes, equipamento da Prefeitura de Fortaleza, coordenado pela Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor).

Clique aqui para acessar a ficha de inscrição

A oficina tem o intuito de exercitar a instrumentalização do corpo para a observação e o exercício crítico do movimento em seus acionamentos relacionais com sons e objetos, na busca de um controle apurado das dramaturgias que tais relações podem propor.

Serão explorados exercícios sobre como lidar com o peso do próprio corpo, com o objetivo de aprimorar a consciência de vetores em ações relacionais com objetos e instrumentos, tomando como partida a inabilidade para percurso de novas experiências.

Sobre o ministrante
Alejandro Ahmed é coreógrafo, diretor artístico e bailarino do Grupo Cena 11 Cia. de Dança. Com 17 obras estreadas entre 1994 e 2018 junto ao Grupo Cena 11, tem sido reconhecido pela singularidade nas suas propostas e criações em Dança, tendo agraciado com 4 prêmios APCA (Associação Paulista de Críticos de Arte), um Prêmio Bravo, o Prêmio Sergio Motta de Arte e Tecnologia, Itaú Transmídia e Itaú Rumos Dança. Destacam-se os trabalhos Violência, SkinnerBox e Protocolo Elefante. Suas investigações atuais estão situadas em novas definições para o conceito de coreografia. Termos como situação coreográfica, coreografia imaterial e dança generativa nomeiam os campos de interesse aos quais tem se dedicado.

Serviço
Programa de Aulas Abertas – Workshop “Corpo, Som e Composição Generativa”
Número de vagas: 25
Inscrições: até 14/02
Ficha de Inscrição: https://bit.ly/2Glscu4
Resultado: 20/02
Período de Realização: 27, 28/02 e 01/03
Horário: das 9h às 13h
Local: Vila das Artes (Rua 24 de Maio, nº 1221 – Centro)

Publicado em Cultura
Ao fundo, fotografia de alunos do curso dançando. Na frente, informações sobre as inscrições.

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal da Cultura de Fortaleza (Secultfor), informa que o prazo para inscrições do Curso de Formação Básica em Dança 2019 da Escola Pública de Dança da Vila das Artes se encerra nesta quinta-feira (31/01). A documentação necessária (ver edital) deve ser entregue Vila das Artes, das 8h às 12h e das 14h às 20h.

Confira aqui o Edital
Confira aqui a Ficha de Inscrição

Serão admitidos alunos para a nova turma do primeiro ano, com idade mínima de oito anos e máxima de 10 anos, e para as turmas em andamento (segundo, terceiro e quarto ano), com idades entre 09 e 13 anos. Serão 40 vagas para a turma do primeiro ano, 35 vagas para as turmas em andamento e 20 vagas para alunos suplentes.

Após o período de inscrições, será realizada a etapa de seleção, que vai do dia 04 ao dia 15 de fevereiro de 2019. A etapa consiste na avaliação de alguns critérios para admissão final como motivação, criatividade, coordenação motora, aptidão física e nível técnico. Este último para alunos que irão concorrer as vagas remanescentes das turmas em andamento.

Curso de Formação Básica em Dança
Fundado no ano de 2011, o Curso de Formação Básica em Dança da Escola Pública de Dança da Vila das Artes possui duração de seis anos. O conteúdo é formado por Dança Contemporânea, Dança Clássica, Danças Tradicionais e Populares, Ateliê de Repertórios, Elementos da Música, Ateliê de Experimentação e Composição, Ateliê de Análise e Estudo de Obras Coreográficas, Introdução à História da Dança e Introdução à Análise do Movimento.

Serviço
Edital de Formação Básica em Dança 2019
Inscrições: 14 de novembro de 2018 a 31 de janeiro de 2019
Audição: 04 a 15 de fevereiro de 2019
Divulgação Resultado Preliminar: 21 de fevereiro de 2019
Recurso: 22 a 28 de fevereiro de 2019
Resultado Final: 01 de março de 2019
Matrículas novos alunos e início das aulas: 11 de março de 2019

Publicado em Cultura
Página 1 de 4