Nesta segunda-feira (29/11), de 09h às 17h, a Prefeitura de Fortaleza pretende vacinar contra a Covid-19 cerca de 15 mil pessoas por agendamento, para terceira dose.

Além disso, haverá atendimento de primeira dose para fortalezenses a partir de 12 anos, cadastrados há mais de 24h no Saúde Digital, em pontos específicos, conforme descrição abaixo.

Consultar cadastro

As listas com a relação dos agendados estão disponíveis no site https://coronavirus.fortaleza.ce.gov.br. É possível ainda realizar a consulta no site https://vacineja.sepog.fortaleza.ce.gov.br

Documentos necessários

Ao comparecer ao centro de vacinação, é necessário apresentar os documentos originais: identidade (com foto), CPF, Cartão Nacional de Saúde (CNS) e comprovante de residência.

Os adolescentes que não possuem RG poderão levar a certidão de nascimento junto a um documento com foto, que pode ser o bilhete único ou carteira estudantil. No caso de segunda dose, levar também o cartão de vacinação.

Confira a programação de atendimento desta segunda-feira (29/11)

** O atendimento de livre demanda ocorre mediante a capacidade diária máxima de cada centro de vacinação

PRIMEIRA DOSE
1 - Atendimento de adolescentes que possuem de 12 a 17 anos:
Centro de Eventos, Shoppings Iguatemi e RioMar Fortaleza

2 - Atendimento dos que possuem entre 18 e 59 anos, cadastrados há mais de 24h no Saúde Digital, residentes de Fortaleza:
Centro de Eventos, Shoppings Iguatemi e RioMar Fortaleza

3 - Atendimento dos que possuem 60 anos ou mais, cadastrados há mais de 24h no Saúde Digital, residentes de Fortaleza:
Centro de Eventos, Shoppings Iguatemi e RioMar Fortaleza

4- Atendimento de gestantes e puérperas cadastradas há mais de 24h no Saúde Digital, residentes de Fortaleza:
Centro de Eventos e Shopping RioMar Kennedy

SEGUNDA DOSE
1 - Atendimento aos que faltaram ao agendamento ou chegaram à data limite da segunda dose da marca AstraZeneca:
Centro de Eventos, Shopping Iguatemi e RioMar Kennedy, Sesi Parangaba e postos de saúde que possuem sala de vacinação Covid-19

2 - Atendimento aos que faltaram ao agendamento ou chegaram à data limite da segunda dose da marca Pfizer:
Centro de Eventos, Shoppings RioMar Fortaleza, RioMar Kennedy e Iguatemi, e postos de saúde que possuem sala de vacinação Covid-19

3 - Atendimento aos que faltaram ao agendamento ou chegaram a data limite da segunda dose da marca CoronaVac:
Centro de Eventos, Shoppings RioMar Fortaleza, RioMar Kennedy Iguatemi e Sesi Parangaba

TERCEIRA DOSE
1 - Atendimento para idosos que perderam seu agendamento anterior da terceira dose:
Centro de Eventos (drive e salão), Shoppings RioMar Fortaleza e Iguatemi, e postos de saúde que possuem sala de vacinação Covid-19

2 - Atendimento para imunossuprimidos que perderam seu agendamento anterior da terceira dose:
Centro de Eventos, Shoppings RioMar Fortaleza e Iguatemi

3 - Atendimento para trabalhadores da saúde que perderam seu agendamento anterior da terceira dose:
Centro de Eventos, Shoppings RioMar Fortaleza e Iguatemi, e postos de saúde que possuem sala de vacinação Covid-19

4 - Atendimento para população geral que perdeu seu agendamento anterior da terceira dose:
Centro de Eventos, Shoppings RioMar Fortaleza e Iguatemi

Endereços dos postos de saúde

- Regional de Saúde I
Carlos Ribeiro (Rua Jacinto Matos, 944 – Jacarecanga)
Casemiro Filho (Av. Francisco Sá, 6449 - Barra do Ceará)
Francisco Domingos (Avenida Castelo Branco, 4707 - Barra do Ceará)
Floresta (Rua Ten. José Barreira, 251 - Álvaro Weyne)
Guiomar Arruda (Rua General Costa Matos, 06 – Pirambu)
Maria Aparecida (Av. K, 915 - Vila Velha)
Lineu Jucá (Rua Vila Velha, 101 - Barra do Ceará)
Paulo de Melo (Rua Bernardo Porto, 497 - Monte Castelo)
Rebouças Macambira (Rua Creuza Rocha, s/n - Jardim Guanabara)
Virgílio Távora (Av. Mons. Hélio Campos, s/n - Cristo Redentor)
Zenirton Pereira (Rua José Roberto Sales, 475 – Barra do Ceará)

- Regional de Saúde II
Aida Santos e Silva (Rua Trajano de Medeiros, 813 - Vicente Pinzón)
Benedito Arthur de Carvalho (Rua Jaime Leonel, 228 - Luciano Cavalcante)
Frei Tito (Rua José Cláudio Costa Lima, 100 - Praia do Futuro)
Irmã Hercília Aragão (Rua Frei Vidal, 1821 – São João do Tauape)
Miriam Porto Mota (Rua Cel. Jucá, 1636 – Aldeota)
Odorico de Morais (Rua Esperantina, s/n - Cais do Porto)
Pio XII (Rua Belizário Távora, s/n - Pio XII)
Rigoberto Romero (Rua Alameda das Graviolas, 195 - Cidade 2000)

- Regional de Saúde III
Anastácio Magalhães (Rua Delmiro de Farias, 1679 - Rodolfo Teófilo)
Cdfam Profº Gilmário Mourão (Rua Pernambuco, 1674 – Pici)
Fernandes Távora (Rua Maceió, 1354 - Henrique Jorge)
Francisco Pereira De Almeida (Rua Paraguai, 351 - Bela Vista)
Hermínia Leitão (Rua Gen. Couto, 470 - Quintino Cunha)
Humberto Bezerra (Rua Hugo Victor, 51 - Antônio Bezerra)
Lícinio Nunes De Miranda (Rua 06, s/n - Quintino Cunha)
Luís Recamonde Capelo (Rua Maria Quintela, 935 – Bonsucesso)
Mariusa Silva Sousa (Rua Araça, s/n – Bonsucesso)
Meton de Alencar (Rua Perdigão Sampaio, 820 - Antônio Bezerra)
Sobreira de Amorim (Rua Des. Luís Paulino, 190 - Jóquei Clube)
Waldemar Alcântara (Rua Silveira Filho, 903 - Jóquei Clube)

- Regional de Saúde IV
Abel Pinto (Travessa Goiás, s/n - Demócrito Rocha)
Dom Aloiso Lorscheider (Rua Betel, 1895 – Itaperi)
Gothardo Peixoto F. Lima (Rua Irmã Bazet, 153 - Damas)
Gutemberg Braun (Rua Monsenhor Agostinho, 505 - Vila Peri)
Jose Valdevino Carvalho (Rua Guará, S/N – Itaoca)
Oliveira Pombo (Rua Rio Grande do Sul, s/n - Couto Fernandes)
Antônio Ciríaco (Rua Gomes Brasil, 555 – Parangaba)
Roberto Bruno (Av. Borges de Melo, 910 – Fátima)
Turbay Barreira (Rua Gonçalo Souto, 420 - Vila União)

- Regional de Saúde V
Dom Lustosa (Rua A, s/n - Granja Lisboa)
Edmilson Pinheiro (Av. H, 2191 - Granja Lisboa)
Fernando Diógenes (Rua Teodoro de Castro, s/n - Granja Portugal)
João Pessoa (Rua Rubi, s/n – Jardim Jatobá)
José Galba de Araújo (Av. Sen. Fernandes Távora, 3161 - Genibaú)
José Paracampos (Rua Alfredo Mamede, 250 – Mondubim)
Jurandir Picanço (Rua Duas Nações, s/n - Granja Portugal)
Luciano Torres de Melo (Rua Delta, 365 - Manoel Sátiro)
Luiza Távora (Travessa São José, 940 – Mondubim)
Pedro Celestino (Rua Gastão Justo, 215 - Maraponga)
Pontes Neto (Rua 541, nº 150 - 2ª etapa Conjunto Ceará)
Regina Maria Severino (Rua Itatiaia, 889 – Canindezinho)
Régis Jucá (Av I, 618 – Mondubim)
Ronaldo Albuquerque (Av I, s/n - Conj. Ceará/Genibaú)
Siqueira (Rua. Eng. Luís Montenegro, 485 – Siqueira)
Viviane Benevides (Rua João Areas, 1296 - Manoel Sátiro)

- Regional de Saúde VI
Alarico Leite (Av. dos Paroaras 301 – Passaré)
Anísio Teixeira (Rua Guarany, 355 - Pq. Itamaraty)
César Cals de Oliveira (Rua Capitão Aragão, 555 - Alto da Balança)
Edilmar Norões (Rua H, 319 - Parque Dois Irmãos)
Edmar Fujita (Av. Alberto Craveiro, 1480 - Boa Vista)
Evandro Ayres de Moura (Av. Castelo de Castro, s/n - Conj. Palmeiras)
Acrísio Eufrasino de Pinho (Cruzamento das ruas 12 e Palmeiras dos Índios – Pedras)
Escola Municipal Bárbara de Alencar - Uaps Fausto Freire (Av. Isabel Bezerra, 416 - Parque Santa Maria)
Galba de Araújo (Av. Recreio, 1390 – Lagoa Redonda)
Hélio Góes Ferreira (Av. Eng. Leal Limaverde, 453 – Sapiranga)
Jangurussu (Rua Estrada do Itaperi, 146 - Passaré)
Janival de Almeida (Rua Coelho Garcia, 25 – Passaré)
João Hipólito (Rua 03, nº 88 - Dias Macêdo)
José Barros de Alencar (Rua José Nogueira, 180 – Pedras)
Luís Franklin (Rua Alexandre Vieira, s/n - Coaçu)
Manoel Carlos Gouveia (Av. Des. Faustino Albuquerque, 486 - Jardim das Oliveiras)
Maria Grasiela (Rua Edésio Monteiro, 1450 - Santa Fé)
Mattos Dourado (Av. Des. Floriano Benevides, 391 - Edson Queiroz)
Melo Jaborandi (Rua 315, nº 80 – Jangurussu)
Messejana (Rua Guilherme Alencar s/n - Messejana)
Monteiro de Moraes (Av. Evilásio Miranda s/n - Sapiranga Coité)
Otoni Cardoso do Vale (Rua José Teixeira Costa, 643 – Paupina)
Pompeu Vasconcelos (Rua 05, s/n, Conj. João Paulo II – Barroso)
Sítio São João (Rua Verde Cinco, 71 – Jangurussu)
Waldo Pessoa (Rua Cap. Hugo Bezerra, 75 – Barroso)
Luís Albuquerque Mendes (Rua Benjamim Franklin, 735- Serrinha)

Publicado em Saúde

Durante a pandemia do novo Coronavírus, o Centro-Dia de Referência para Pessoas Idosas suspendeu as atividades coletivas, que eram promovidas para os idosos atendidos no espaço de convivência. No entanto, sabendo da importância do acompanhamento da rede de atenção socioassistencial para atender a essa população, os serviços estão sendo realizados de forma remota, via telefone e WhatsApp. As visitas domiciliares só acontecerão por meio de agendamento prévio ou demanda caracterizada como urgência. Além disso, a equipe de profissionais orienta e conscientiza as famílias sobre os cuidados e as medidas de prevenção que devem ser tomadas.

A unidade gerenciada pela Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS) oferece atendimento e convivência para idosos cujas famílias não tenham condições de prover estes suidados durante todo ou parte o dia por meio de serviços de cuidados cotidianos (atividades físicas, pedagógicas, psicológicas, terapia ocupacional, oficinas de dança, música, leituras, rodas de conversa), previstos na Política Nacional de Assistência Social e na Política Nacional do Idoso, além de prestar orientação sobre a importância dos autocuidados dos acompanhantes dos idosos.

Centro–Dia de Referência para Pessoas Idosas
Atendimento remoto, esclarecimentos e orientações:
Whatsapp: (85) 9 8439-6663
Célula de Proteção Especial: (85) 3452-2356

Publicado em Social
Grupo de Trabalho do IJF recebe equipe do HCor.
Parceria institucional entre IJF e HCor promove qualidade na seguraça do atendimento ao idoso.

O Instituto Doutor José Frota (IJF), hospital de referência da rede de assistência da Prefeitura de Fortaleza para o atendimento de vítimas de traumas de alta complexidade, intoxicações agudas e queimaduras, deu início ao processo para implantação do programa “Hospital Seguro para a Pessoa Idosa”. A iniciativa é financiada pelo Programa de Apoio ao Desenvolvimento Institucional do SUS (PROADI-SUS), do Ministério da Saúde, e conta com o acompanhamento do Laboratório de Implementação do Conhecimento em Saúde da Associação Beneficente Síria - Hospital do Coração (LICS-HCor), de São Paulo/SP.

A equipe do HCor fez sua primeira visita aos membros do Comitê Gestor e do Grupo de Trabalho do IJF para a apresentação do programa e construção do modelo de implementação na unidade, que também recebeu as primeiras ações de capacitação das equipes multiprofissionais, com as palestras “Avaliação Multidimensional da Pessoa Idosa” e “Prevenção de Síndromes Geriátricas”.

De acordo com os orientadores da parceria, no cenário de envelhecimento populacional, a organização da atenção em saúde da pessoa idosa resulta em desafios relacionados à força de trabalho, recursos financeiros, eficiência e efetividade. Os serviços devem visar à otimização dos recursos disponíveis e considerar as características do sistema de saúde e social para responder às demandas da população idosa.

Observando a realidade local, apenas no ano de 2018, a Emergência do IJF acolheu 2.648 pacientes com mais de 60 anos de idade, vítimas de ferimentos graves causados, principalmente, por quedas e ocorrências de trânsito.

Neste patamar, o objetivo da parceria é a qualificação do atendimento à pessoa idosa no hospital, com ações que contribuam para a manutenção, recuperação e promoção do envelhecimento saudável, organização dos cuidados integrais e integrados, realibitação/habilitação física e nutricional, por meio do acesso às evidências científicas, da capacitação da equipe multiprofissional da atenção básica para identificar as necessidades de saúde dessa população, aplicar a Caderneta de Saúde da Pessoa Idosa e realizar o acompanhamento da população idosa por meio dessa ferramenta.

De acordo com a superintendente do IJF, Riane Azevedo, o hospital segue evoluindo e investindo na qualificação de seus profissionais, assim como na ampliação de suas estruturas físicas e modernização de equipamentos. “Neste projeto, a visão é a de preparação de um ambiente hospitalar ainda mais seguro para o acolhimento de pacientes idosos, que, além dos traumas que os levaram à Emergência, ainda apresentam outras comorbidades, como hipertensão, diabetes, desnutrição ou sobrepeso, além de histórico de problemas cardiovasculares e desorientação mental, que também são fatores de risco e devem ser observados durante todo o tratamento”.

Publicado em Saúde

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Prefeitura de Fortaleza (SDHDS), convoca os idosos e pessoas com deficiência que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) para se inscreverem no Cadastro Único até o dia 31 de dezembro. Após essa data, os beneficiários que não estiverem cadastrados perderão o direito de receber o benefício. Para atender a demanda, a Prefeitura disponbiliza, de segunda a sexta-feira, de 8h às 17h, os 27 Centros de Referência da Assistência Social (CRAS) do Município, que tiveram reforço nas equipes, além das Secretarias Regionais e dos dois Vapt Vupt, do Antônio Bezerra e Messejana, que também fazem o cadastramento.

Clique aqui para conferir os endereços dos CRAS 

Atualmente, o município de Fortaleza possui, aproximadamente, 85 mil beneficiários do BPC. Destes, 20 mil ainda não se inscreveram no Cadastro Único e correm o risco de perder o benefício.

A inscrição no Cadastro Único pode ser feita por algum membro da família, acima de 16 anos, que more com o idoso ou com a pessoa com deficiência. Vale reforçar que, no ato de inscrição, todas as pessoas que moram com o beneficiário devem ter os dados informados para efetivar o cadastramento.

Documentos necessários para realizar a inscrição no Cadastro Único:

- Qualquer documento de validade nacional: Carteira de Identidade, Certidão de Nascimento ou Casamento, Título de Eleitor
- CPF
- Carteira de Trabalho e último contra-cheque (obrigatório para quem trabalha de carteira assinada);
- Comprovante de endereço atualizado;
- Nome do Posto de Saúde que frequenta
- Declaração Escolar de crianças e adolescentes(para quem está frequentando escola).

Saiba mais
O Benefício de Prestação Continuada (BPC) da Lei Orgânica da Assistência Social- LOAS (BPC) é a garantia de um salário mínimo mensal (sem 13º salário) ao idoso acima de 65 anos ou à pessoa com deficiência de qualquer idade com impedimentos de natureza física, mental, intelectual ou sensorial de longo prazo (aquele que produza efeitos pelo prazo mínimo de dois anos), que o impossibilite de participar de forma plena e efetiva na sociedade, em igualdade de condições com as demais pessoas, do qual não consigam a manter a própria subsistência e nem tê-la mantida por sua família. Não precisa ter contribuição previdenciária

Publicado em Social

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS), realiza, nesta quinta-feira (13/09), a abertura da III Copa de Futebol Master - Idoso Bom de Bola. O torneio acontecerá no Estádio Presidente Vagas, às 18h30. A abertura contará com a presença do titular da SDHDS, Elpídio Nogueira.

Com o intuito de incentivar e valorizar o futebol entre os idosos fortalezenses, nesta edição, o evento terá a participação de 528 atletas, divididos em 24 equipes de 14 bairros de Fortaleza. Para participar da competição, o regulamento exige a presença de, no mínimo, dois jogadores com mais de 55 anos nos times. Além disso, ex-atletas profissionais com mais de 40 anos devem jogar. Cada equipe receberá uniforme. A final da Copa está marcada para o dia 13 de dezembro.

Para garantir a segurança dos jogadores, uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) móvel será disponibilizada durante os jogos. A arbitragem será de responsabilidade da Federação Cearense de Futebol (FCF).

Todos os jogos terão transmissão ao vivo pela rádio web Fortaleza 6.0.

Serviço
Abertura da III Copa de Futebol Master – Idoso Bom de Bola
Data: 13/09 (quinta-feira)
Horário: 18h30
Local: Estádio Presidente Vargas (Rua Marechal Deodoro, 1187 - Benfica)

Publicado em Social

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS), promove, nesta sexta-feira (15/06), às 8h, a caminhada em alusão ao Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa, comemorado no dia 15 de junho.

A caminhada será feita em articulação com o Centro Dia Municipal da Pessoa Idosa e está aberta para receber qualquer idoso de Fortaleza. A ação terá início ao lado do Cras da Barra do Ceará e encerra no Centro Dia com um café da manhã para os participantes.

“Com essa caminhada vamos mostrar para população de Fortaleza a importância dessa data tão delicada, pois a violência não é só física, é psicológica também. Ao mesmo tempo servirá para os idosos entenderem a importância de combater a violência”, afirmou Tatiana Marques, coordenadora do Centro Dia da Pessoa Idosa de Fortaleza.

Para fazer denuncia em caso de violência à pessoa idosa, basta ligar para o Disque 100.

Sobre o Dia Mundial de Conscientização da Violência contra o Idoso

O dia 15 de junho marca o Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa. A data foi instituída em 2006, pela Organização das Nações Unidas (ONU) e pela Rede Internacional de Prevenção à Violência à Pessoa Idosa.

O objetivo da data é criar uma consciência mundial, social e política da existência da violência contra a pessoa idosa e, simultaneamente, disseminar a ideia de não aceitar a violência como algo normal.

Serviço
Caminhada em alusão do Dia Mundial de Conscientização da Violência contra a Pessoa Idosa
Local: Cras Barra do Ceará (Rua Cândido Castelo Branco, S/N – Barra do Ceará)
Data: 15/06 (sexta-feira)
Hora: 8h

Publicado em Social
PGV 16 anos
Atualmente, cerca de 350 idosos estão cadastrados no PGV

Na manhã dessa quinta-feira (14/12), o Instituto Municipal de Desenvolvimento de Recursos Humanos (Imparh) realizou, na sede do Instituto, um evento em comemoração aos 16 anos da criação do Programa Gente de Valor (PGV), iniciativa que promove atividades para a pessoa idosa.

Na ocasião, os idosos cadastrados no Programa desfrutaram de um café da manhã ao som da Banda de Música do Corpo de Bombeiros do Ceará. Houve também a apresentação do Canto Coral do PGV, com músicas natalinas, e sorteio de brindes para os presentes.

“O PGV é muito importante para o Imparh, uma vez que valoriza e cuida da pessoa idosa. Chegar a essa marca de 16 anos é motivo de grande orgulho e nos incentiva a seguir em frente investido cada vez mais no desenvolvimento das atividades do Programa”, afirma o presidente do Imparh, Fábio Braga”.

O Programa Gente de Valor é desenvolvido no Imparh e foi criado por meio da Lei Municipal nº 8.601 de 13 de dezembro de 2001 objetivando atender aos servidores aposentados do Município de Fortaleza que já contribuíram com a Prefeitura e com a cidade. Atualmente, cerca de 350 idosos estão cadastrados no Programa. Todas as ações do PGV estão concentradas no trabalho biopsicossocial para o desenvolvimento e melhoria da qualidade de vida da pessoa idosa, possibilitando uma maior integração e bem-estar do idoso.

Em 2017, o PGV incrementou sua oferta com novas atividades: dança de salão, dança sênior, yôga e canto coral. As ações orientadas para o ensinamento de idiomas (português e italiano), as feirinhas de artesanato e as rodas de terapia comunitária permanecem em oferta para os idosos cadastrados no programa.

Publicado em Social
Grupo PGV
As ações do PGV estão concentradas no trabalho biopsicossocial para o desenvolvimento e melhoria da qualidade de vida da pessoa idosa

Nessa sexta-feira (27/10), o Instituto Municipal de Recursos Humanos (Imparh), por meio do Programa Gente de Valor (PGV), promove o Dia do Cuidar-se: Idoso Ativo se Cuida. O evento ocorre das 8h às 17h, na sede do Imparh, e é comemorativo ao mês do idoso, celebrado em outubro.

A programação do evento é diversa e conta com serviços de aferição de pressão arterial e glicemia, avaliação e orientação nutricional, aplicação de Reiki, sessão de meditação e credenciamento para idosos e deficientes pela Autarquia Municipal de Trânsito (AMC). Também ocorre ao longo do dia palestra sobre o câncer de mama, apresentações de dança e sorteios.

Em 2017, o PGV incrementou sua oferta com novas atividades: dança de salão, dança sênior, yôga e canto coral. As ações orientadas para o ensinamento de idiomas (português e italiano), as feirinhas de artesanato e as rodas de terapia comunitária permanecem em oferta para os idosos cadastrados no programa.

O Programa Gente de Valor é desenvolvido no Imparh e foi criado por meio da Lei Municipal nº 8.601 de 13 de dezembro de 2001 objetivando atender aos servidores aposentados do Município de Fortaleza que já contribuíram com a Prefeitura e com a cidade. Todas as ações do PGV estão concentradas no trabalho biopsicossocial para o desenvolvimento e melhoria da qualidade de vida da pessoa idosa, possibilitando uma maior integração e bem estar do idoso.

Serviço
Dia do Cuidar-se: Idoso Ativo se Cuida
Data: 27/10 (sexta-feira)
Local: Imparh (Avenida João Pessoa, 5609 – Damas)
Horário: 8h às 17h

Publicado em Social

O prefeito Roberto Cláudio participa da abertura da II Copa de Futebol Master - Idoso Bom de Bola nesta quinta-feira (14/09), às 19h30, na Areninha Conjunto Ceará. Organizado pela Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SDHDS), o torneio prossegue até 21 de dezembro, sempre com jogos na Areninha Conjunto Ceará.

Com o objetivo de incentivar o futebol entre os idosos fortalezenses, o evento terá a participação de 480 atletas, divididos em 24 equipes de 20 bairros de Fortaleza. O regulamento exige a presença de, no mínimo, dois jogadores com mais de 55 anos nos times. Além disso, ex-atletas profissionais com mais de 40 anos devem jogar.

Cada equipe receberá uniforme, bola e bomba de ar. Para garantir a segurança dos jogadores, uma UTI móvel será disponibilizada durante os jogos. A arbitragem será de responsabilidade da Federação Cearense de Futebol.

Serviço
Abertura da II Copa de Futebol Master – Idoso Bom de Bola
Data: 14/09 (quinta-feira)
Horário: 19h30
Local: Areninha Conjunto Ceará ( Avenida Alanis Maria Laurindo de Oliveira com Avenida Ministro Albuquerque Lima)

Publicado em Social

A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria dos Direitos Humanos e Desenvolvimento Social da Prefeitura de Fortaleza (SDHDS), convoca os idosos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC) para se inscreverem no Cadastro Único até 31 de dezembro. Após essa data, idosos que não estiverem cadastrados perderão o direito de receber o benefício. Para atender a demanda, a Prefeitura disponbiliza, de segunda a sexta-feira, de 8h às 17h, os 27 CRAS do Município (clique aqui para acessar os endereços), que tiveram reforço nas equipes, além das Secretarias Regionais e dos dois Vapt Vupt, do Antônio Bezerra e Messejana, que também fazem o cadastramento.

Atualmente, o município de Fortaleza possui, aproximadamente, 44 mil idosos beneficiários do BPC. Destes, 30 mil ainda não se inscreveram no Cadastro Único e correm o risco de perder o benefício. Para agilizar o atendimento, a Prefeitura reforçou o número de codificadores, com a contratação de mais 100 pessoas, e realizará campanhas para alertar os usuários. Nos dias 22 e 29 de setembro e 06 de outubro, todos os terminais de ônibus contarão com equipes para fazer a inscrição. Já no dia 28 de outubro (sábado), as Secretarias Regionais estarão abertas para receber os idosos e realizar o cadastramento.

A inscrição no Cadastro Único pode ser feita por algum membro da família, acima de 16 anos, que more com o idoso. Vale reforçar que, no ato de inscrição, toda a família do idoso deve ter os dados informados para efetivar o cadastramento.

Documentos necessários para realizar a inscrição no Cadastro Único:

Do idoso:

- Qualquer documento de validade nacional: Carteira de Identidade, Certidão de Nascimento ou Casamento, Título de Eleitor
- CPF
- Caso more com familiares, levar seguintes documentos de cada familiar:
Responsável Familiar - RF
- CPF e Carteira de Identidade;
- Carteira de Trabalho e último contra-cheque (obrigatório para quem trabalha de carteira assinada);
- Comprovante de endereço atualizado;
- Nome do Posto de Saúde que frequenta
Crianças e adolescentes:
- Certidão de Nascimento;
- CPF;
- Declaração Escolar (para quem está frequentando escola).
Demais membros adultos:
- Qualquer documento de validade nacional: Carteira de Identidade, Certidão de Nascimento ou Casamento, Título de Eleitor;
- CPF e Carteira de Trabalho e último contra-cheque (obrigatório para quem trabalha de carteira assinada).

Saiba mais

O Benefício de Prestação Continuada (BPC) da Lei Orgânica da Assistência Social- LOAS (BPC) é a garantia de um salário mínimo mensal (sem 13º salário) ao idoso acima de 65 anos ou à pessoa com deficiência de qualquer idade com impedimentos de natureza física, mental, intelectual ou sensorial de longo prazo (aquele que produza efeitos pelo prazo mínimo de dois anos), que o impossibilite de participar de forma plena e efetiva na sociedade, em igualdade de condições com as demais pessoas.

Publicado em Social
Página 1 de 3