Crianças da Rede
A iniciativa faz parte do Mais Ação, maior programa de investimentos na história da cidade de Fortaleza

O prefeito Roberto Cláudio assina, nesta sexta-feira (17/01), às 9 horas, as ordens de serviço para construção da Escola de Tempo Integral (ETI) e do Centro de Educação Infantil (CEI) na comunidade do Serviluz. A iniciativa faz parte do Mais Ação, maior programa de investimentos na história da cidade de Fortaleza, e vai beneficiar mais de 600 crianças e jovens da região.

A Escola de Tempo Integral contará com investimento de R$ 8.767.993,63. Sua estrutura será composta de 12 salas de aulas temáticas, três laboratórios, biblioteca, cozinha, refeitório, auditório, diretoria, secretaria, coordenação pedagógica e coordenação de área, sala do professor diretor de turma, sala dos professores, pátio com projeto paisagístico, ginásio (com quadra poliesportiva coberta, arquibancadas e alambrados), vestiários e depósitos. A unidade deve atender 420 alunos, do 6º ao 9º ano.

Já o Centro de Educação Infantil, que terá investimento total R$ 3.069.676,97, contará com salas de aula, banheiros com acessibilidade, cozinha, refeitório, despensa, lavanderia com depósito para material de limpeza, fraldário, lactário, secretaria, coordenação, sala de professores, entre outros espaços. O projeto contempla, ainda, brinquedoteca (sala multiuso), área de lazer com playground e solarium. O CEI atenderá cerca de 200 crianças do Serviluz e adjacências.

Mais Ação
Com um valor global de recursos a serem investidos na ordem de R$ 1,5 bilhão, o Mais Ação vai garantir, dentre as iniciativas previstas, a reforma e a construção de unidades de saúde, a requalificação de espaços públicos, a edificação de Centros de Educação Infantil e Escolas de Tempo Integral, a urbanização de lagoas, a drenagem e a pavimentação de vias, além da ampliação do projeto Areninhas, implantação de binários, ciclofaixas e de melhorias voltadas ao transporte público municipal. A meta do programa é atender, no biênio 2019-2020, todas as Regionais da Capital.

Serviço
Assinatura da ordem de serviço para construção da Escola de Tempo Integral (ETI) e do Centro de Educação Infantil (CEI) no Serviluz
Data: 17/01 (sexta-feira)
Horário: 9h
Local: Avenida Zezé Diogo, em frente ao número 691 (vizinho ao depósito Ponto da Construção)

Publicado em Educação
Aluna da Rede Municipal realiza experiência em laboratório da ETI
Comparando os números de 2018 e 2019, Fortaleza cresceu 28,2% no atendimento em Tempo Integral

Fortaleza é primeiro lugar em cobertura percentual de matrículas de tempo integral no Brasil. A posição de referência nacional foi confirmada pelos dados oficiais do Censo Escolar 2019, principal instrumento de coleta de informações da Educação Básica do Ministério da Educação. O Censo Escolar é considerado o mais importante levantamento estatístico educacional brasileiro na área e Fortaleza, com o avanço no número de matrículas, possui hoje 41,4% dos seus alunos estudando em Tempo Integral.

Em números absolutos do atendimento em Tempo Integral, Fortaleza ocupa o posto de segunda capital no País, com 86.438 matrículas, superando São Paulo, que tem 74.045. O primeiro lugar é ocupado pelo Rio de Janeiro, que possui 196.599 matrículas na modalidade.

Assim, comparando os números de 2018 e 2019, Fortaleza cresceu 28,2% no atendimento em Tempo Integral, enquanto a média de crescimento das capitais brasileiras no ensino público é de 5,4%. No País como um todo, a taxa de crescimento atingiu apenas 1,4%.

O Censo Escolar de 2018 já tinha apontado Fortaleza como destaque, quando ocupava o posto de 3ª capital do Brasil, com 67.417 matrículas, o que correspondia a 31,5% da Rede Municipal com atendimento em Tempo Integral. Em 2017, eram 56.065 alunos matriculados.

Os resultados refletem o amplo investimento que a Prefeitura de Fortaleza vem realizando na Educação, principalmente na ampliação da política de Tempo Integral, buscando ampliar a jornada de estudo e fortalecer o aprendizado, por meio das Escolas de Tempo Integral (ETI), Centros de Educação Infantil (CEI) e programas de fortalecimento da aprendizagem (Integração, Pró-Técnico e Mais Educação). Esses programas atuam no âmbito da ampliação da jornada escolar, atendendo alunos do 1° ao 9º ano, promovendo a educação integral e integrada, articulando a educação formal com vivências artísticas, esportivas e sociais.

Matrículas em geral

A Rede Pública de Fortaleza aparece, em mais um ano, como a quarta maior Rede de Ensino das capitais brasileiras em número de matrículas de escolarização, e a primeira do Nordeste, representando 27,8%. Fortaleza é antecedida apenas por São Paulo, Rio de Janeiro e Manaus. Dos números do Censo Escolar 2019, vale destacar, ainda, que no Brasil houve um decréscimo de 1,8% no total de matrículas na Educação Básica no ensino público ao longo do ano passado. Em Fortaleza ocorreu o contrário. A Rede Municipal da capital cearense alcançou um crescimento de 3,0%, totalizando 220.420 alunos matriculados.

Fortaleza atingiu, ainda, o maior crescimento em número absoluto de matrículas, com o aumento de 6.321 alunos em relação ao ano de 2018. Em segundo e terceiro lugares ficaram, respectivamente, Boa Vista, com o incremento 3.705 vagas, e Belo Horizonte com 3.445 novos alunos na Rede Municipal de Ensino.

Quando a análise recai sobre as modalidades de ensino, Fortaleza destaca-se no número de matrículas na Educação Infantil com o crescimento de 6,22%, enquanto a média das demais capitais brasileiras atingiu 2,43%. No Ensino Fundamental, a variação foi 3,03%, enquanto que as outras capitais registraram um decréscimo médio de 0,5% no total de alunos matriculados.

Educação Inclusiva

Fortaleza também é destaque em inclusão, sendo a terceira maior rede do País e a primeira do Norte e Nordeste em Educação Inclusiva, conforme dados do Censo Escolar 2019.

A Rede Municipal de Ensino de Fortaleza registrou aumento no número de matrículas na modalidade, com acréscimo de 22,5% nas matrículas de 2019, o que representa um aumento de 1.646 vagas disponibilizadas à população.

Atualmente, a Rede possui 8.956 estudantes com deficiência matriculados. Foi o segundo maior crescimento do Brasil, atrás de Boa Vista, que registrou aumento percentual de 27,2%. Em números absolutos, Fortaleza tem o maior número de matrículas no Norte e Nordeste e o terceiro maior do Brasil, superada apenas por São Paulo e Rio de Janeiro.

Fortaleza no Censo Escolar 2019

- 4ª maior rede do Brasil em número de matrículas e 1ª do Nordeste
- 1º lugar em cobertura percentual de matrículas de tempo integral no Brasil
- 2º maior atendimento em números absolutos em tempo integral
- 1ª capital do Norte e Nordeste em matrículas na Educação Inclusiva
- 2º lugar em cobertura percentual de matrículas na Educação Inclusiva no Brasil

Publicado em Educação
Identidade visual do projeto

A culminância do projeto #PartiuEnsinoMédio, promovido pela Prefeitura de Fortaleza, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), será nesta sexta-feira (20/12), a partir das 8h, na Academia do Professor Darcy Ribeiro. O objetivo é celebrar a etapa de estudo concluída e o momento de transição dos estudantes do 9º ano e da Educação de Jovens e Adultos (EJA) que estão concluindo o Ensino Fundamental.

O projeto, que faz parte do Programa Aprender Mais, tem como foco garantir que todos os jovens concludentes da Rede Municipal de Ensino ingressem no Ensino Médio. O evento contará com a presença da secretária da Educação, Dalila Saldanha, estudantes, diretores, professores e convidados.

Durante os dias 11 e 20 de dezembro, as unidades escolares realizaram atividades especiais, incluindo momentos de reflexão, motivação e incentivo à continuidade dos estudos, bem como ações que podem subsidiar os alunos com conhecimentos necessários para a compreensão das possibilidades do Ensino Médio que lhes são ofertadas, que incluem as seguintes modalidades: regular, integral, profissionalizante e o processo seletivo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE). O intuito é garantir a todos as mesmas oportunidades de ingresso, aprendizagem e permanência na escola.

O #PartiuEnsinoMédio, realizado pela SME desde 2017, espera tornar a escola um ambiente ainda mais acolhedor e estimulante, em que todos se sintam importantes na construção de uma sociedade digna, justa e igualitária. Com a mobilização de toda a Rede, o projeto contribui com a formação integral dos estudantes e busca orientá-los quanto à importância da continuidade dos estudos para sua formação pessoal, cidadã e profissional.

Serviço
Culminância do #PartiuEnsinoMédio
Data: 20/12 (sexta-feira)
Horário: 8h
Local: Academia do Professor Darcy Ribeiro (Rua Dona Leopoldina, 907 - Centro)

Publicado em Educação
Alunos da Rede Municipal participam do festival de protagonismo
Na edição 2019, foram selecionados 48 trabalhos de alunos da Rede Municipal de Ensino

A Prefeitura de Fortaleza realiza, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME),  o IV Festival de Artes e Protagonismo Juvenil nesta quinta-feira (12/12), na Academia do Professor Darcy Ribeiro. Com o tema “Redes Sociais: Diferentes Olhares, Novas Possibilidades", alunos da Rede Municipal apresentam suas artes nas categorias: desenho, fotografia, audiovisual, teatro, relato de experiência, música, dança e artesanato. Na edição 2019, foram selecionados 48 trabalhos.

O festival tem o objetivo de promover e divulgar as ações de fortalecimento do protagonismo juvenil, a partir de manifestações artísticas, culturais e de cidadania, desenvolvidas nas escolas da Rede Municipal. Confira abaixo o cronograma da apresentação. A SME parabeniza a todos os participantes e selecionados! Bom apresentação a todos.

Serviço
IV Festival de Artes e Protagonismo Juvenil das escolas da Rede Municipal de Ensino
Data: 12/12 (quinta-feira)
Hora: 8h às 17h
Local: Academia do Professor Darcy Ribeiro
Endereço: Rua Dona Leopoldina, 907 - Centro

Publicado em Educação
Fachada da ETI Leonel de Moura Brizola
A escola dispõe de 12 salas de aulas temáticas, três laboratórios, biblioteca, refeitório, auditório, sala dos professores, pátio, ginásio, vestiários, entre outros espaços

O prefeito Roberto Cláudio e a secretária da Educação, Dalila Saldanha, inauguram, nesta quinta-feira (12/12), às 17h, a nova Escola Municipal de Tempo Integral (ETI) Leonel de Moura Brizola, no bairro Planalto Ayrton Senna (Regional V). A unidade atenderá cerca de 480 alunos, do 6º ao 9º ano.

O novo equipamento possui área total de 4.800m², sendo a área construída de 3.906m². A unidade teve investimento total de R$ 11.209.688,75, oriundos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) - R$ 5.400.000,00 - e do Tesouro Municipal - R$ 5.049.688,75. O valor total inclui ainda o investimento da Prefeitura de R$ 760 mil para a aquisição de equipamentos.

A escola dispõe de 12 salas de aulas temáticas, três laboratórios, biblioteca, cozinha, refeitório, auditório, diretoria, secretaria, coordenação pedagógica e coordenação de área, sala do professor diretor de turma, sala dos professores, pátio com projeto paisagístico, ginásio (com quadra poliesportiva coberta, arquibancadas e alambrados), vestiários e depósitos.

Com a Escola Municipal de Tempo Integral Leonel de Moura Brizola, a Rede Municipal de Ensino chega a 24 ETIs - antes de 2013, não contava com nenhum equipamento do tipo. Nas escolas desta modalidade, os estudantes vivenciam rotinas e práticas para uma formação interdisciplinar, com o apoio de equipes pedagógicas de formação especializada. Na rotina, os alunos contam com três refeições diárias e acompanhamento pessoal realizado pelos professores diretores de turma, além de disciplinas que pautam temas como protagonismo e projeto de vida, disciplinas eletivas escolhidas por professores e alunos, e atividades laboratoriais de Informática, Biologia, Química, Física e Matemática.

Tempo Integral
Fortaleza está em primeiro lugar em cobertura percentual no Brasil de matrículas de tempo integral, de acordo com dados preliminares divulgados pelo Censo Escolar da Educação Básica 2019. Com o avanço no número de matrículas, Fortaleza possui hoje 41,3% dos seus alunos estudando em tempo integral. Em números absolutos, ocupa ainda o posto de segunda capital no País, com 86.121 matrículas, superando São Paulo (73.807). O primeiro lugar é ocupado pelo Rio de Janeiro, que possui 197.357 matrículas em tempo integral. Os municípios de Belo Horizonte (52.599) e Curitiba (48.648) ocupam a quarta e quinta posição, respectivamente, segundo o levantamento.

O Censo Escolar de 2018 já tinha apontado a capital cearense como destaque, ocupando o posto de 3ª capital do Brasil, com 67.417 matrículas, que correspondia a 31,5% da Rede Municipal atendida em tempo integral. A meta é que em 2020 Fortaleza tenha 50% dos seus alunos na modalidade em tempo integral.

Serviço
Inauguração da Escola de Tempo Integral Leonel de Moura Brizola
Data: 12/12 (quinta-feira)
Horário: 17h
Endereço: Rua Cel. Queiroz, s/n - bairro Planalto Ayrton Senna (próximo à Escola Municipal Tereza D’Ana)

Publicado em Educação

A Prefeitura de Fortaleza realiza, na próxima segunda-feira (14/10), o show cultural “Paulo Freire Vive”, voltado para os professores da Rede Municipal. O evento, parte do Outubro Docente, programação especial dedicada ao Mês do Professor, acontece no Náutico Atlético Cearense, a partir das 20 horas, e será realizado por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), em parceria com o Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação do Município de Fortaleza (Sindiute).

O show cultural contará com apresentações do cantor Zeca Baleiro e das bandas cearenses Acaiaca e Os Transacionais. O objetivo é proporcionar aos professores um momento de confraternização e comemoração pelo seu dia.

A edição de 2019 do Outubro Docente acontece ao longo deste mês com programação diversificada para os docentes, que inclui, além do show cultural, a inauguração da Academia do Professor, a Quarta Docente, a Campanha "Meu professor, minha inspiração", o Seminário Municipal “Trajetórias de Sucesso na Sala de Aula", o Salão Outubro Docente, sessão solene em homenagem aos professores, entre outras atividades.

O Outubro Docente tem o propósito de homenagear, valorizar, assim como divulgar as iniciativas desenvolvidas pelos professores da Rede Municipal. A iniciativa é mais uma ação da política de valorização da categoria, implementada desde o início da gestão do prefeito Roberto Claudio.

Serviço
Show Cultural para professores da Rede Municipal de Fortaleza
Data: Segunda-feira (14/10)
Horário: 20h
Local: Náutico Atlético Cearense - Av. Abolição, 2727 - Meireles

Publicado em Educação

A Secretaria Municipal da Educação de Fortaleza (SME) realizará neste sábado (05/10), o oitavo aulão do projeto #EUNOIFCE. As aulas têm por objetivo intensificar a preparação para o processo seletivo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE), e tem como público os estudantes do 9º ano e Educação de Jovens e Adultos (EJA IV).

A ação faz parte de uma série de atividades que a SME vem desenvolvendo através do Programa #AprenderMais, com o compromisso de fortalecer a aprendizagem dos estudantes do município de Fortaleza. Os aulões acontecem em polos por Distrito de Educação e em todas a unidades escolares que atendem ao público alvo, onde os estudantes participam de aulas dos seguintes componentes curriculares: Língua Portuguesa, Produção Textual, Matemática, Química, Física, Biologia, História e Geografia. 

O #EUNOIFCE é desenvolvido por meio da Coordenadoria de Ensino Fundamental/Célula de Desenvolvimento Curricular, Distritos de Educação, Unidades Escolares, e em parceria com os Professores do Município, com Professores convidados e do Projeto Integração Turmas Avançadas.

Confira os polos de cada Distrito de Educação para o aulão deste sábado:

- Distrito de Educação 1: Distrito de Educação I - Av. Francisco Sá, 7878, Barra do Ceará

- Distrito de Educação 2: Casa José de Alencar - Av. Washington Soares, 6055 - José de Alencar

- Distrito de Educação 3: Auditório do Distrito de Educação III - Av. Jovita Feitosa, 1264, Parquelândia

- Distrito de Educação 4: Polo 1: ETI Hildete Brasil de Sá Cavalcante, Rua: E, s/n, Mondubim. Polo 2: ETI Filgueiras Lima. Av. dos Expedicionários, 3910, Jardim América. Polo 2: ETI Filgueiras Lima. Av. Dos Expedicionários, 3910, J. América

- Distrito de Educação 5: Auditório da ETI Mª José Ferreira Gomes, Rua Cônego de Castro, 8617, Presidente Vargas

- Distrito de Educação 6: ETI Maria Odete da Silva Colares, Rua Coronel João de Oliveira, 687 - Messejana

Publicado em Educação
Dois alunos da Rede Municipal uniformizados
As 60 pesquisas mais bem avaliadas serão classificadas para a etapa municipal, que será realizada em setembro

Pesquisas científicas desenvolvidas em sala de aula por alunos dos Distritos de Educação 4 e 5 foram apresentadas na etapa distrital da IX Feira Municipal de Ciências e Cultura de Fortaleza nesta quarta-feira (28/08), no Cuca do Mondubim. Ao longo do dia, 40 trabalhos foram expostos por estudantes. Essa fase de exposição segue para os Distritos 2 e 6 nesta quinta-feira (29/09), na Casa de José de Alencar. Ao todo, 120 trabalhos foram selecionados para a etapa distrital e, destes, os 60 melhor avaliados serão classificados para a fase municipal, que será em setembro.

A Feira Municipal de Ciências, realizada pela Secretaria Municipal da Educação (SME), tem a proposta de incentivar o desenvolvimento de trabalhos científicos nas unidades municipais, bem como fortalecer o protagonismo estudantil. O gerente da Célula de Desenvolvimento Curricular da SME, Wesley Rocha, explica que os alunos a partir do 5º ano do Ensino Fundamental já são incentivados a iniciar projetos científicos e podem participar do evento. "Para muitos, a participação na feira é a primeira experiência científica. Quando chegarem à universidade, já terão a base da pesquisa e isso é um privilégio. Eu mesmo só tive contato com pesquisa na faculdade", pontua.

Uma das avaliadoras dos trabalhos dos alunos na feira é Terla Santos, professora da rede estadual e doutoranda em Educação pela Universidade Estadual do Ceará (UECE). Ela diz que ficou impressionada com os trabalhos e a apresentação oral dos estudantes. "Sou avaliadora do evento pela primeira vez e considero uma experiência significativa para os estudantes, levando em conta a faixa etária deles. Não imaginei que os trabalhos seriam de tanta qualidade. Inserir-se na pesquisa científica nessa fase da vida escolar não tem preço. Sem dúvida, eles chegam mais preparados à universidade", justifica.

O blog escolar "Gazeta Bilíngue" foi apresentado pela aluna surda Anne Louise de Araújo e a ouvinte Emily Isabelle Morais, do 5º ano, da Escola de Tempo Integral (ETI) Educação Bilíngue Francisco Suderland Bastos Mota, no Parque Dois Irmãos (Distrito 4). O blog é acessível ao surdo, pois todo o conteúdo está em português e Libras. A página tem a proposta de despertar o interesse dos alunos pela informação e pesquisa, contribuindo para o desenvolvimento intelectual dos participantes. “É a primeira vez que apresento o trabalho em público e me sinto bem. O trabalho do blog é dividido entre duplas e a minha é responsável por produzir conteúdos relacionados à moda e música. Muito legal estar aqui", comenta.

Alunas da Rede Municipal
As alunas Anne Louise e Emily Morais, da ETI Educação Bilíngue Francisco Suderland Bastos Mota, apresentam o blog escolar "Gazeta Bilíngue"

Estudar física e química não é mais um "bicho de sete cabeças", segundo a aluna Valquíria Lopes de Oliveira, do 9º ano, da Escola Municipal Padre Arimateia Diniz, no Conjunto Ceará (Distrito 5). A relação com as disciplinas mudou depois da experiência de elaborar o trabalho "Produção de Energia Elétrica, através de Água Salgada e Alumínio", ao lado do colega de turma Adryan Cliver Leite. "Ao estudarmos, ganhamos mais conhecimento e hoje podemos dividi-los com os colegas, de uma forma mais descontraída, digamos assim. Gostei de conhecer mais sobre física e química e perceber que não é tão difícil como parecia", constata.

Publicado em Educação
Primeira-dama falando ao microfone e secretária ao lado olhando e sorrindo
Primeira-dama enfatizou que, nesta terça-feira (27/08), a Prefeitura realiza o Seminário Missão Infância Fortaleza e anunciará um pacote de ações voltadas ao atendimento às crianças

Ao longo desta semana (26 a 30/08), a Prefeitura de Fortaleza realiza, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), a Semana da Educação Infantil 2019. Com uma programação especial, o evento conta com mostras culturais realizadas por cada um dos seis Distritos de Educação, que trabalharão as diversas linguagens artísticas das crianças da Rede Municipal.

A abertura da programação ocorreu na manhã desta segunda-feira (26/08), no Auditório João Frederico, na Universidade do Parlamento Cearense (Unipace), com a participação da primeira-dama Carol Bezerra e da secretária da Educação, Dalila Saldanha, além de professores, coordenadores e equipes da Educação Infantil.

Na cerimônia, houve uma palestra com o tema "Com olhos de criança: protagonizando descobertas", ministrada pelo pesquisador na área Gandy Piorski. A iniciativa faz parte do Agosto+, programação especial do mês do estudante na Rede Municipal.

A secretária da Educação, Dalila Saldanha, destacou que nos próximos dias, cada Distrito de Educação realizará uma exposição para mostrar um pouco do potencial dos alunos, em linguagens como dança, teatro, desenho e pintura. "Parabenizo cada profissional que faz a Educação Infantil acontecer. Somos uma Rede que cresce. Entre equipamentos construídos, reformados, municipalizados e parcerias, a Prefeitura chega a 117 unidades de Educação Infantil entregues à população na gestão do prefeito Roberto Cláudio. Foram 21 CEIs entregues somente nessa segunda gestão e estamos com dez em execução, demonstrando o investimento na primeira infância", enumerou.

O investimento da Prefeitura de Fortaleza na Primeira Infância foi evidenciado pela primeira-dama Carol Bezerra. "Nesta terça-feira (27/08), vamos realizar o Seminário Missão Infância Fortaleza e anunciaremos um pacote de ações voltadas para o atendimento às crianças. Se já tínhamos uma atenção à Primeira Infância, agora queremos dar um foco ainda maior", detalhou Carol, reforçando que as políticas públicas voltadas às crianças são baseadas nas evidências da neurociência sobre a importância dos primeiros mil dias de vida para o desenvolvimento infantil.

A Semana da Educação Infantil, segundo a professora Kananda Ponte Arruda, do Centro de Educação Infantil (CEI) São Carlos, no bairro Quintino Cunha (Distrito de Educação 3), contribui para o desenvolvimento dos alunos nos aspectos sociais e afetivos. "A semana será diferente para as crianças aproveitarem. Com as apresentações, eles se sentem protagonistas. Isso influencia até na autoestima deles. Percebemos que ficam felizes e se sentem importantes", comentou.

A cerimônia de abertura da Semana da Educação Infantil também contou com a participação das presidentes do Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente de Fortaleza (Comdica), Angélica Leal de Oliveira, e da Fundação da Criança e da Família Cidadã (Funci), Glória Maria Marinho Galvão, além do presidente do Conselho Municipal da Educação de Fortaleza, Raimundo Nonato Lima, da professora da Universidade Estadual do Ceará (UECE), Mônica Farias, e do professor da Universidade Federal do Ceará (UFC), Alexandre Santiago.

Publicado em Educação
Aluno participando da feira de ciências
A ação pedagógica é voltada para a socialização dos trabalhos de pesquisa realizados pelos estudantes do 5º ao 9º ano do Ensino Fundamental e da modalidade EJA

A Prefeitura de Fortaleza realiza, por meio da Secretaria Municipal da Educação (SME), a etapa distrital da IX Feira Municipal de Ciências e Cultura de Fortaleza. Evento ocorre nos próximos dias 21, 28 e 29 de agosto, de 8 às 17 horas.

A ação pedagógica é voltada para a socialização dos trabalhos de pesquisa realizados pelos estudantes do 5º ao 9º ano do Ensino Fundamental e da modalidade de Educação de Jovens e Adultos. Ela propicia o protagonismo dos estudantes e dos professores orientadores que desenvolvem em sala de aula práticas científicas que estimulam os estudantes à investigação, à criatividade, à curiosidade, a reflexões sobre problemáticas do cotidiano, bem como a proposição de soluções inovadoras. A Feira possibilitar ainda o intercâmbio científico e cultural entre os participantes.

Os trabalhos serão apresentados, conforme cronograma definido anteriormente que contarão com a visitação de estudantes da Rede Municipal de Ensino, uma forma de fortalecer os conhecimentos trabalhados em sala de aula, bem como despertar a curiosidade científica e o apreço à pesquisa em âmbito escolar.

Confira o cronograma das etapas:

- 21 de agosto
Distritos de Educação 1 e 3: Cuca da Barra do Ceará - Av. Castelo Branco, 6417 - Barra do Ceará.

- 28 de agosto
Distritos de Educação 4 e 5: Cuca do Mondubim - Rua Santa Marlúcia, s/n - Mondubim.

- Dia 29 de agosto
Distritos de Educação 2 e 6: Casa de José de Alencar, Av. Washington Soares, 6055 - José de Alencar.

Publicado em Educação