A Prefeitura de Fortaleza, por meio da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), e o Sindiônibus realizam a campanha “Terminais sem acidentes”, aderindo ao movimento “Maio Amarelo - atenção pela vida” que objetiva chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito em todo o mundo, integrando Poder Público e sociedade civil.

A Etufor constatou uma redução de 36% no número de acidentes com vítima entre 01 de janeiro de 2016 e 15 de maio de 2017 nos terminais de Fortaleza e no corredor da Avenida Bezerra de Menezes. A Diretoria Técnica (Ditec), por meio da Divisão de Operações, realizou o levantamento a partir de dados coletados no período. No ano de 2016, de janeiro a dezembro, foram registrados dois acidentes fatais no terminal Antônio Bezerra e Parangaba; aconteceram 40 acidentes com vítima. Em 2017, de janeiro a maio, foram registrados 12 acidentes com vítima e nenhum fatal.

A campanha visa alertar aos dez mil operadores de transporte, bem como os passageiros, sobre a importância de prevenir os acidentes a partir da adoção de condutas adequadas no trânsito. Entre as condutas propostas tem-se o respeito ao limite de velocidade de 20 km/h no interior dos terminais, o tráfego com as portas sempre fechadas, o respeito à faixa de pedestres, as paradas nos locais adequados, evitando a fila dupla entre outras.

Para o presidente da Etufor, José do Carmo Gondim, a redução de acidentes é um bom indicador, porém ressalta a constante necessidade de alerta aos operadores e também aos usuários que possam conviver harmonicamente no espaço do terminal. “Os acidentes podem acontecer em todo lugar, porém a atenção deve ser redobrada nos terminais já que há um fluxo maior de pessoas e de veículos”, considera.

Publicado em Mobilidade

A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) informa que o prazo de validade da Carteira de Estudante 2016 será prorrogado até o dia 31 de maio. O prazo será prorrogado até o final de maio, a fim de que seja concluído o processo de confecção e distribuição dos documentos a todos os estudantes. Atualmente, foram solicitadas 301.664 mil carteiras estudantis do processo de 2017, sendo 263.001 enviadas para confecção já que nem todos os alunos concluem todo o processo, com a captação da biometria facial. Em 2016, foram solicitados 380 mil identidades estudantis.

Entrega e desbloqueio

As novas carteiras começaram a serem entregues a partir deste mês de abril nas instituições de ensino (escolas e faculdades) pelas entidades estudantis. A carteira será desbloqueada automaticamente dia 01 de junho, desta forma, os alunos não precisam deslocar-se para desbloquea-las. Os alunos que estão recebendo a carteira pela primeira vez já receberão a carteira habilitada para uso na rede de transporte público de Fortaleza. Os estudantes que estão sem a carteira de 2016 podem antecipar a validade da carteira 2017, deslocando-se à sede da Etufor. Para transferir os créditos para o novo documento, os alunos devem comparecer a um dos postos do Bilhete único, portando as duas carteiras e documento de identidade.

Clique aqui e confira o passo a passo pra solicitação das carteiras estudantis

Publicado em Mobilidade
Sexta, 01 Novembro 2013 13:21

Etufor reforça frota para o Dia de Finados

Serão agregados 30 novos coletivos que operarão em esquema especial com ampliação do horário

A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) programou uma operação especial para este sábado (2/11), dia de Finados. Além do reforço da frota com 30 coletivos extras, algumas linhas operarão com esquema especial, ou seja, com ampliação do horário de circulação e frota, a fim de atender ao público que irá se deslocar para os cemitérios.

Os veículos reservas ficarão à disposição dos usuários no período de 6h às 18h. A divisão ficará da seguinte forma: 20 no Terminal do Siqueira, 3 no da Parangaba, 5 no do Conjunto Ceará e 2 no de Messejana.

Abaixo a relação das linhas que realizam atendimento nas proximidades dos cemitérios:

322 Granja Portugal/Lagoa

335 Bom Jardim I

338 Canindezinho

357 Conjunto Ceará/Granja Lisboa

366 Bom Jardim II

378 Canindezinho/Urucutuba

386 Planalto Granja/Lisboa

970 Conjunto Ceará/Cemitério Bom Jardim

980 Siqueira/Cemitério Bom Jardim


 

Publicado em Mobilidade
O trecho em que há as reformas se dará da rua Umarizeiras até a rua Martins de Lima e deve ser concluída até junho de 2014

A avenida Cônego de Castro, no Parque Santa Rosa, está sendo alargada. São realizados na via os serviços de drenagem, terraplanagem, pavimentação e expansão da rua Umarizeiras à rua Martins de Lima. Orçada em R$ 3,1 milhões, a obra teve início em agosto e está prevista ser concluída no primeiro semestre de 2014.


Após a requalificação da via, duas linhas de ônibus irão prolongar seus itinerários para passar por este trecho, atendendo um maior número de usuários do transporte coletivo.


Passarão a circular pela avenida as linhas 346 (Jardim Fluminense) e 062 (Corujão/Conjunto Esperança). De acordo com a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), atualmente a linha 346 tem seu ponto final no cruzamento da rua Quinze com rua Euclides Paulino Barroso. Após a intervenção, a linha seguirá pela rua Quinze, rua Euclides Paulino Barroso e retornará pela avenida Cônego de Castro. A linha 062 também terá seu itinerário prolongado e passará pelo trecho restaurado.


A intervenção faz parte de um pacote de obras, divulgado pelo prefeito Roberto Cláudio no início de agosto. Para a dona de casa Cícera Santana, o alargamento da avenida é a realização de um sonho: “Hoje eu acordei com o barulho das máquinas e quase não acreditei. Agora a obra sai!” comemora a dona de casa.


Até o fim deste ano, serão assinadas outras ordens de serviço para executar obras de drenagem na cidade, cujo valor chega aos R$ 19 milhões. Todas as obras fazem parte do Programa de Drenagem Urbana de Fortaleza (Drenurb) que fará os serviços de drenagem, terraplanagem e pavimentação em ruas e avenidas de bairros como Jardim Guanabara, Jangurussu, Bom Jardim, Parque Santa Rosa e Conjunto Ceará. Todos, bairros populosos das Regionais I, V e VI.

 

 

Publicado em Infraestrutura
Serão disponibilizados 57 ônibus extras no período entre 9h de sábado (26/10) e 1h da manhã de domingo (27/10)

A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) preparou um esquema especial de transporte para atender os eventos que acontecerão durante o final de semana. Serão duas operações especiais para transportar os passageiros até o Evangelizar e os locais de prova de Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), no sábado (26/10), e para os locais de provas do Enem e o jogo entre Flamengo e Portuguesa, no domingo (27/10).

Para o sábado serão disponibilizados 57 coletivos extras no período de 9h até 1h da madrugada de domingo. Serão distribuídos 12 no Terminal da Parangaba, 12 no Siqueira, 12 no Antônio Bezerra, 7 no Lagoa, 2 no Conjunto Ceará, 6 no Papicu e 6 em Messejana. Como as linhas atendem toda a cidade, elas poderão ser utilizadas tanto pelo público que irá para o Evangelizar, quanto para o público que irá aos locais de prova do Enem.

Para o domingo, dia em que a passagem de ônibus custa apenas R$ 1,60 (inteira) e R$ 0,80 (meia), 56 coletivos adicionais ficarão à disposição da população a partir de 8 horas da manhã. Serão 9 no Terminal do Antônio Bezerra, 10 na Parangaba, 10 no Siqueira, 8 no Papicu, 7 no Lagoa, 8 na Messejana e 4 no Conjunto Ceará.

Ainda no domingo, as linhas 070-Cuca Barra/Parangaba/Centro, 311-Castelão/Parangaba (rota 1), 328-Catelão/Parangaba (rota 2), 351-Jóquei/Bonsucesso e 390-Parangaba/João Pessoa irão operar com quantidade maior de veículos devido ao aumento da demanda de passageiros por conta do Enem.

Agentes operacionais da Etufor, um total de 25 pessoas, estarão posicionados nos pontos de paradas do entorno da Praia de Iracema para auxiliar os passageiros na chegada e saída do Evangelizar. Os alunos do Enem também poderão contar com um serviço de informação nos terminais ou por telefone para saber qual a melhor linha de ônibus para levá-lo ao local da prova. O número para informações é o 3452.8722 e funciona durante todos os dias da semana.

 

Publicado em Mobilidade
A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza diz não haver justificativa para o reajuste de 15,38% no valor da carteira

Com o objetivo de analisar e propor medidas que evitem o aumento no custo das carteiras de estudantes, a Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) promove, nesta quinta-feira (8/8), reunião com entidades estudantis e integrantes do Poder Legislativo. A reunião será realizada no auditório da Etufor, às 10 horas.

Como a Etufor foi comunicada que as entidades estudantis haviam renovado um convênio com a Caixa Econômica Federal (CEF) para a emissão de boletos referentes às emissões de carteiras de estudantes dos alunos da rede particular de ensino secundarista, a Empresa de Transporte fez uma análise prévia do convênio e verificou que não há justificativa para o reajuste de 15,38% no valor da cédula e identidade que passaria de R$ 13,00 para R$ 15,00.

Este novo convênio, com validade iniciada a partir de 1º de agosto, além de excluir a Etufor como parte interveniente do processo de emissão de carteiras de estudantes apresentou aumento em diversos itens, como serviços gráficos, que passaram de R$ 7,39 no antigo convênio, para R$ 8,66 por carteira, um aumento maior que 17%. Em recente pesquisa de preço realizada pela Unidade de Compras da Etufor, o valor máximo encontrado foi de R$ 7,00 para cada carteira.

No entendimento da Etufor, no cenário atual, em que movimentos populares reivindicam por transparência e redução nos custos dos serviços públicos em todo o país, não é plausível que as entidades estudantis de Fortaleza apresentem uma majoração de R$ 2,00 para a produção das carteiras.

Há prejuízo ainda na retirada da Etufor como parte interveniente do processo de emissão das carteiras, já que atualmente é o órgão que fiscaliza o procedimento e é quem emite os boletos para pagamento pelos estudantes, porque possui as informações cadastrais dos alunos para confirmações das matrículas. Dessa forma, retirar a Etufor do convênio firmado com a CEF significa excluir da relação a parte que, de fato, emite o boleto para os estudantes.

Foram convidados para participar da reunião o secretário da Coordenadoria de Juventude, o secretário de Conservação e Serviços Públicos, além de representantes do Conselho Municipal de Juventude, da Comissão de Defesa dos Direitos do Consumidor da Câmara Municipal, da Comissão de Viação e Transporte da Câmara Municipal, da Comissão de Educação da Câmara Municipal e o do Procon.

 

Publicado em Fortaleza
Um dos setores visitados foi a Divisão de Monitoramento, onde é possível acompanhar em tempo real a circulação dos 1.800 ônibus e 320 vans

Nesta segunda-feira (15/7), uma comissão de vereadores de Natal, no Rio Grande do Norte, foram recebidos pelo presidente da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor), Rogério Pinheiro. Os parlamentares realizaram visitas técnicas aos terminais de integração, à sede do Sindiônibus e instalações da Etufor.

O Diretor Técnico da Etufor, Antônio Ferreira, acompanhou a comissão, formada pelos vereadores Sandro Pimentel, Aroldo Alves, Hugo Manso, George Cândido e Dagô. Um dos setores visitados foi a Divisão de Monitoramento, onde é possível acompanhar em tempo real a circulação dos 1.800 ônibus e 320 vans que circulam diariamente pela cidade.

Aroldo Alves destacou a importância do serviço no setor: “é possível ver quando um ônibus muda a rota e saber o motivo - se foi por causa de um acidente, por exemplo. Isso garante credibilidade ao sistema de transporte coletivo”, afirma. Após, os vereadores seguiram para a Câmara Municipal de Fortaleza, para outras atividades.

Publicado em Mobilidade
O Festival terá início nesta quarta-feira (10), às 8h30, no Condomínio Espiritual Uirapuru (Foto: Mauri Melo)

A Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) apresentará seu plano operacional para o Festival Halleluya 2013 em coletiva a ser realizada nesta quarta-feira (10/7), às 8h30, no Condomínio Espiritual Uirapuru (CEU). O órgão realizou algumas mudanças no habitual plano executado nas edições anteriores visto o crescimento do evento.

A frota de ônibus extras distribuídos ao longo dos cinco dias de programação, por exemplo, passou de 85 para 126 coletivos. A operação desses ônibus extras terá início às 17 horas, promovendo ligações diretas dos terminais Parangaba, Antônio Bezerra, Lagoa, Siqueira e Messejana ao local do evento.

Além da frota especial, 13 linhas do sistema regular, 2 linhas corujões e 1 linha do transporte complementar (vans) atendem o entorno do CEU e poderão ser utilizadas pelo público. Na saída do festival, os 98 ônibus disponibilizados para as linhas especiais estarão aguardando a saída dos participantes para realizar a operação de retorno aos terminais.

A partir de meia noite, essa frota será reforçada com mais 28 veículos, totalizando os 126 ônibus extras que serão disponibilizados para garantir o deslocamento do público. A previsão de encerramento da operação é às 5 horas do dia seguinte ou até a dispersão total do público.

A Etufor também disponibilizará uma equipe de 115 agentes operacionais que atuará nas proximidades do evento a fim de orientar o embarque e desembarque da população. O Halleluya será realizado entre os dias 17 (quarta-feira) e 21 (domingo) desse mês, no Condomínio Espiritual Uirapuru.

Frota extra
Linhas de ônibus que passam próximo ao evento:

024 - Antônio Bezerra / Lagoa / Unifor
041- Parangaba / Oliveira Paiva / Papicu
309 – Conj. Sumaré / Parangaba
311 – Castelão / Parangaba
312 – Dias Macedo / Parangaba
321 – Passaré / Jardim União / Parangaba
391 – Sumaré / Parangaba
603 – Jardim União / Centro
604 – Dias Macedo
605 – Conj. José Walter / BR 116 / Av. I
606 - Conj. José Walter / BR 116 / Av. N
633 – Passaré / Centro
666 – Jardim Castelão

Linhas Corujões que atendem no horário de 0h às 4h:
034 – Corujão Av. Paranjana I
035 – Corujão Av. Paranjana II

Linhas do Sistema de Transporte Público Complementar:
705 – Canidezinho / Iguatemi

Publicado em Mobilidade
O objetivo da ação é contruir um programa de promoção e articulação de políticas públicas para os transportes e terminais (Foto: Queiroz Neto)

Representantes da Secretaria de Cidadania e Direitos Humanos e da Empresa de Transporte Urbanos de Fortaleza (Etufor) realizaram, na manhã desta sexta-feira (5/7), visita técnica aos terminais de Parangaba, Lagoa e Siqueira. A comitiva seguiu pelos três terminais com o objetivo de mapear os equipamentos disponíveis nos locais, bem como avaliar as questões de acessibilidade, deslocamento e a rotina do tráfego de ônibus na cidade.

Os resultados desta avaliação contribuirão para a construção de um programa de promoção e articulação de políticas públicas para os transportes e terminais. A iniciativa é fruto do Convênio de Cooperação Técnica que será assinado entre as secretarias e implantado no decorrer desse semestre.

De acordo com o secretário da SCDH, Karlo Kardozo, os terminais são muito mais que um lugar de passagem, mas um ponto de convergência das muitas realidades em que vivem os usuários de transporte de Fortaleza. "Esta primeira visita é parte das ações de um programa que estamos desenvolvendo em parceria com a Etufor, com foco no atendimento e descentralização das ações de cidadania e direitos humanos da Prefeitura de Fortaleza", explicou.

Segundo o diretor de monitoramento e operação da Etufor, Everardo Soares, todos os terminais e suas equipes estão à disposição para receber o trabalho da secretaria de Direitos Humanos em prol de um atendimento melhor para a população. “Estamos identificando espaços onde possam ser instalados balcões de atendimento para os usuários. A ideia é disponibilizar serviços como tira-dúvidas, retirada de documentação, além de garantir ambientes mais humanizados para todos os usuários do sistema de transporte coletivo”, afirmou.

Publicado em Mobilidade
O controle veicular será intensificado nas quatro avenidas principais que dão acesso ao Castelão (Foto: Marcos Moura)

Visando garantir a fluidez do tráfego e segurança dos motoristas e pedestres durante a Copa das Confederações FIFA Brasil 2013, a Prefeitura de Fortaleza implantará um esquema especial de trânsito no entorno da Arena Castelão. O plano operacional, desenvolvido pela Autarquia Municipal de Trânsito, Serviços Públicos e de Cidadania (AMC), prevê a priorização do transporte coletivo, restrição de circulação e estacionamento nas principais vias ao redor do estádio.

Estarão envolvidos na operação 160 agentes de trânsito, 50 viaturas e 50 motos para monitoramento da região e entorno, além de dois reboques para desobstrução das ruas e avenidas, caso seja necessário. Numa ação conjunta com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), 24 motociclistas batedores estarão à disposição para auxiliar a escolta das delegações e autoridades oficiais diretamente da rede hoteleira ao estádio.

A operação da AMC terá início à meia-noite com a remoção dos veículos estacionados em locais proibidos e implantação dos postos de triagens e bloqueios. A partir desse horário até as 20 horas, toda área que dá acesso à Arena Castelão será isolada e apenas veículos credenciados poderão acessá-la.

O controle veicular será intensificado nas quatro avenidas principais que dão acesso ao Castelão. As primeiras triagens acontecerão nos cruzamentos da Av. Alberto Craveiro x Av. Senador Carlos Jereissati, Av. Juscelino Kubitschek x R. Eldorado, Av. Paulino Rocha x BR-116 e Av. Dedé Brasil x R. Um.

Além dessa triagem inicial, Postos de Verificação Veicular (PVVs) serão montados na Av. Alberto Craveiro x R. Paula Frassinetti e Av. Paulino Rocha x Manoel de Aguiar Pontes para permitir somente a entrada dos veículos credenciados pela FIFA.

Transporte Coletivo

Como o acesso será restrito, a única opção para chegar mais próximo ao estádio é utilizar transporte coletivo. Linhas especiais farão o deslocamento da população partindo dos bolsões de estacionamento situados na Universidade de Fortaleza (Unifor), Shopping Via Sul, Centro Administrativo do Cambeba, Campus do Pici, Centro de Eventos e Supermercado Assaí (Parangaba).

Além dos ônibus que sairão dos bolsões de estacionamento, também sairão linhas especiais do Aeroporto Internacional de Fortaleza, da estação de metrô da Parangaba e dos pontos de paradas da Av. Abolição (entre a Av. Barão de Studart e a Av. Sen. Virgílio Távora). Todos os pontos de embarque e desembarque estarão identificados e contarão com a presença de fiscais da Empresa de Transporte Urbano de Fortaleza (Etufor) para ajudar com informações e orientações.

Na chegada ao estádio, os coletivos farão o desembarque na Avenida Dedé Brasil (no cruzamento com a Avenida Heróis do Acre) e nas proximidades dos PVVs da avenidas Paulino Rocha e Alberto Craveiro. Após desembarcarem dos ônibus dessas duas últimas avenidas, os passageiros devem seguir pelos fan walk, corredores que serão isolados para que os torcedores possam ir a pé até a Arena. A pista esquerda das referidas avenidas será destinada exclusivamente aos pedestres, passando a operar no contrafluxo, a partir da R. Paula Frassinetti, no caso da Av. Alberto Craveiro, e a partir da Secretaria Municipal de Urbanismo e Meio Ambiente (Seuma), na Av. Paulino Rocha.

O acesso de táxi à Arena também não será permitido. Neste caso, valem os mesmos bloqueios para carros particulares não credenciados. Os táxis devem ser utilizados para o deslocamento até os bolsões de estacionamento de onde partirão os ônibus. Já os veículos coletivos fretados poderão realizar o embarque e desembarque na Av. Juscelino Kubitschek, ficando essa via exclusiva para os mesmos.

Durante todos os dias de jogos, será proibido estacionar nas avenidas de acesso ao estádio bem como no raio de dois quilômetros nas demais vias do entorno. Quem descumprir a orientação está sujeito à multa e reboque. Para orientar melhor o condutor, toda a sinalização vertical e horizontal está sendo revitalizada ao longo das vias. A orientação da AMC é que os torcedores deixem seus carros em um dos seis bolsões de estacionamento de onde sairão ônibus expressos com destino à Arena.

Ao final da partida, será invertido o sentido de circulação das avenidas Alberto Craveiro e Paulino Rocha a fim de garantir fluidez no tráfego. As vias ficarão, provisoriamente, na direção sertão/praia e oeste/leste, sob a orientação dos agentes de trânsito.

Acesso das pessoas com mobilidade reduzida

Pessoas com deficiência também poderão utilizar os ônibus urbanos nos dias de jogos da Copa das Confederações em Fortaleza, pois todos os veículos disponíveis serão acessíveis. O desembarque será feito nos PVV’s e de lá os deficientes seguirão em táxis adaptados credenciados para chegar até a entrada do estádio.

Por precaução, é importante que as pessoas com mobilidade reduzida apresentem um laudo médico ou algum documento que comprove a deficiência. Além de agilizar o processo do embarque, essa medida evita que o veículo seja utilizado inadequadamente por passageiros que não tenham a real necessidade.

Acesso veicular dos moradores

No caso específico dos veículos credenciados dos moradores, a recomendação da AMC é que o acesso à área de restrição de circulação seja realizado até seis horas antes do início da partida, conforme orientação da FIFA, e duas horas após o final do jogo. A saída dos veículos, entretanto, pode acontecer em qualquer horário. Agentes de trânsito distribuídos no local indicarão a melhor opção de rota. 

Clique aqui para acessar o mapa de mobilidade urbana da Copa das Confederações FIFA Brasil 2013 (Você pode fazer o download e ampliar o arquivo para obter mais detalhes sobre o acesso ao Castelão)

Publicado em Mobilidade